De 0 a 10 dias com o Toyota Yaris

1º DIA – APRESENTAÇÃO

Porque não começar esse teste dos 10 dias com um carro que pode ser lançado no Brasil ainda em 2009 ou em 2010. A “astro” desta estreia é o Toyota Yaris, que, pelas circunstancias, foi escolhido na versão Sedan. O teste esta será realizado nos Estados Unidos, num frio que varia de 2ºC a -15ºC.

O primeiro contato com o modelo agradou. Seu visual é bonito e discreto – nada que arranque suspiros por onde passa. A traseira, que lembra a de carros maiores, não ficou sem harmonia com a dianteira, como ocorre, por exemplo, no quase finado Clio Sedan. Chamaram a minha atenção as linhas do capo, que tem uma curvatura mais acentuada na frente, com os dois faróis nas extremidades e a grade do radiador, separada ao meio.

O Toyota Yaris Sedan avaliado ‘e equipado com o motor 1.5 16V VVTi a gasolina, que desenvolve 106 cv de potencia e 103 lb por pés (acho que 14,24 mkgf) de torque. Ele tem comportamento bastante semelhante ao do Fit 1.5 a gasolina, embora o Honda tenha desempenho um pouco melhor por causa do peso.

Entre os equipamentos, a lista ‘e boa, com destaques para o som com CD Player capaz de ler arquivos em MP3 e WMA; ar-condicionado, direção elétrica, trio elétrico, rodas de aço com 14 polegadas, cambio automático de quatro marchas (ECT), freios ABS (com EBD) e quatro airbags.

Seu preço inicial é de US$ 13.765, o equivalente a R$ 32.350. Acima desta versão só existe a S, que tem alguns acessórios a mais – nada que justifique para um modelo desses. Abaixo dela tem as versões Sedan manual de cinco marchas, hatch manual ou automático, “comum” ou S, com duas ou quatro portas.

Fotos: Toyota/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *