Chevrolet Astra 2010: para ficar na ponta

“Adeus às versões! Vamos investir num modelo único, mais completo e competitivo, com excelente relação custo/benefício e motor de 140 cv de potência”.

Essa é a idéia da Chevrolet com a linha 2010 do Astra. E acho que ela está indo no caminho certo com o Astra. A versão Elegance quase não era vendida; e a Advantage vendia muito, mas poderia ser muito mais bem equipada. Com a união das duas, o Astra vai se manter na ponta do segmento de hatches médios em 2009  – o 11º primeiro ano consecutivo.

Como equipamentos de série, o Astra 2010 vem com direção hidráulica, trio elétrico, ajuste de altura e profundidade da coluna de direção, ar-condicionado digital, bancos com revestimento de veludo, retrovisor interno eletrocrômico, faróis com desligamento automático, trio elétrico, faróis de neblina, alarme e banco traseiro bipartido. e rodas de de liga leve de 16″ (bem parecidas com as da extinta versão “esportiva” SS). O preço sugerido é: R$ 44.389. Existem apenas três opcionais, que elevam o valor para R$ 50.240: airbag duplo, transmissão automática de quatro marchas e piloto automático.

Em relação ao visual do hatch médio, o Astra já está na fila para receber o DNA global da Chevrolet, o que podemos esperar que aconteça a partir de 2011 (ou para a linha 2011).

Motor Flexpower
Debaixo do capô temos o velho conhecido motor 2.0, que, desde a linha 2009, desenvolve 133 cv de potência e 18,9 mkgf de torque com gasolina e 140 cv e 19,7 mkgf com álcool. Segundo a Chevrolet, Astra 2010 com câmbio manual atinge a velocidade máxima de 200 km/h, quando abastecido com álcool, e 195 km/h, com gasolina. Ele acelera de 0 a 100 km/h em 9s8, com álcool, e 10s3, com gasolina. Já o Chevrolet Astra 2010 equipado com transmissão automática chega a velocidade máxima de 198 km/h, com álcool no tanque, e 190 km/h, com gasolina. Ele acelera de 0 a 100 km/h em 11s2 s (álcool) e 12s (gasolina).

Ao hora de abastecer com gasolina, o hatch manual faz 16,4 km/l na estrada e 11,1 km/l na cidade (média combinada de 13,0 km/l). Quando está abastecido com álcool, o Astra registra 11,0 km/litro na estrada e 7,5 km/l na cidade (média combinada de 8,8 km/l). O modelo automático, abastecido com gasolina, faz 15,0 km/l (estrada), 10,5 km/l (cidade), o que dá uma média combinada de 12,1 km/l. Quando movido a álcool, o Astra automático faz 10,3 km/l na estrada e 7,5 km/l na cidade (média de 8,6 km/l). Vale lembrar que é praticamente impossível conseguir esses números de consumo na vida real.

Chevrolet Astra no Brasil

1995 – Chevrolet Astra chega ao Brasil importado da Bélgica nas versões hatch e station-wagon, equipado com motor 2.0 litros;

1998 – Início da produção no Brasil da versão duas portas GL com motor 1.8 com 110 cv e versão GLS com motor 2.0 de 112 cv;

1999 – Lançamento Chevrolet Astra Sedã com motor 2.0 16V de 128 cv;

2000 – Série 500 é lançada em comemoração dos 500 anos de descobrimento do Brasil – produção limitada a 500 unidades; e lançamento da Série Milenium;

2001 – Versão Sport chega ao mercado, equipada com repetidor de pisca nos pára-lamas em todas as versões. Versão GL ganha calotas e conta-giros;

2002 – Chevrolet Astra passa a ter versão CD e câmbio automático nas versões mais luxuosas; e lançamentos das versões Expression e Sunny;

2003 – Chevrolet Astra é reestilizado e versão GSi ganha motor 2.0 16V (136 cv) e opção de quatro portas;

2004 – Motor Flexpower 2.0 8V passa a equipar o Astra, que ganha novas versões Comfort, Elegance e Elite e GSi; além disso, a GM promove o lançamento do Astra Multipower movido a álcool, gasolina ou GNV; e da versão Advantage hatch 2 portas;

2005 – Lançamento do Chevrolet Astra SS;

2006 – Chevrolet Astra Advantage passa a ter versões de hatch e sedã;

2008 – Lançamento Chevrolet Astra Advantage Plus como versão de linha;

2009 – Chevrolet Astra passa a ser equipado com motor Flexpower 2.0 de 140 cv de potência; lançamento linha 2010 com novos conteúdos de série.

Agora fica a pergunta: será que vale pagar R$ 10.000 a mais e comprar um Vectra GT? 

Fotos: Chevrolet/Divulgação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *