Volkswagen Fox vai finalmente virar um carro

Para quem comprou a Quatro Rodas de setembro, as fotos não são novidade. Quem não comprou provavelmente vai gostar de saber como vai ficar o novo CrossFox. A meu ver, finalmente a Volkswagen vai vender um Fox aceitável no nosso mercado. O atual, além de feio, é mal acabado, bastante simples e tem um painel pífio. Quantas vezes já fui criticado por dizer isso, mas não me importo, já que todos temos nossas opiniões sobre carros (e eu respeito a de todo mundo), mas o Fox nasceu para ser o Gol, querendo ser o Polo e acabou não sendo nada.

Agora, pelo visto, ele finalmente será alguma coisa, ganhando um pouco mais de personalidade agora em novembro. Voltando às imagens da Quatro Rodas, o CrossFox terá seu visual aventureiro reduzido, com o quebra-mato dando lugar a uma grande entrada de ar, composta, na sua parte inferior, com uma longa peça plástica prateada e com os faróis de neblina nas extremidades. Compondo o restante do conjunto dianteiro “aventureiro” estão os faróis com máscara negra de dupla parábola (que lembra os do Polo europeu, ou seja, muito legais) e o pára-choque na cor do carro.

No restante do CrossFox, as mudanças também serão perceptíveis, como os retrovisores com seta, a substituição do adesivo da raposa na lateral e na fixação do suporte do estepe, que passa a ser preso ao pára-choque traseiro.

Por dentro, como já é bastante esperado, o acabamento vai ficar mais decente, com um novo quadro de instrumentos (obrigado Gol e Polo) e até mesmo com o volante do Passat CC, como aconteceu recentemente com o Polo. Provavelmente também já está em estudos um câmbio automatizado para o modelo, e não será surpresa se ele “chegar” junto com a nova linha Fox. Só para completar, o motor 1.6 VHT já está confirmado para a família.

Antes, durante e depois
Se a Chevrolet marcou a chegada Agile para outubro (esse é o durante), preparando um estrondoso lançamento (e deixando uma versão 1.0 pronta, caso precise, para logo depois – segundo o Notícias Automotivas), a Fiat se antecipou (esse é antes) e alterou algumas coisas no Punto, deixando o modelo mais atrativo para abafar o novo hatch da GM. O compacto premium italiano ficou mais barato (veja a tabela abaixo) e ganhou um novo pacote de equipamentos para a versão de entrada, a 1.4, que, finalmente, terá ar-condicionado. O kit “Comfort” custa R$ 2.100 e tem ar-condicionado, volante com regulagem de altura e profundidade, acabamento prata no painel (como o da versão ELX) e para-brisa degradê.

Passado o alvoroço da chegada do Agile, a Volkswagen vem com tudo para cima do novo GM com o Fox reestilizado, em novembro (esse é o depois).

Punto 1.4: R$ 36.640 (Reposicionamento de R$2.000)
Punto ELX 1.4: R$ 40.470 (Reposicionamento de R$2.000)
Punto HLX 1.8: R$ 43.310 (Reposicionamento de R$2.300)
Punto Sporting 1.8: R$ 50.700 (Reposicionamento de R$2.300)

Comentários (13)

  1. Já não era sem tempo, de mudar o Fox, 6 anos é tempo demais. Espero retirem definitivamente o decapitador de dedos, e não concerta-lo com um armengue. Já não era sem tempo tb da Fiat abaixar o preço do Puto, quero dizer Punto…não consigo entender um carro pelado custar 38.650,00…alguém comprava isso…ah compra sim, esqueci que foi o “jujuleano” que desenhou. Sinceramente não consigo entender a Fiat, o punto 1.4 anda igual a carro mil, e o 1.8 bebe que nem um 6 canecos. Um “belo Antonio” eu diria! Só tem casca! Vejo mais proprietários infelizes do que felizes com ele.

  2. Renato, vc conseguiu ver se o Fox agora vai passar a ter porta luvas? Na imagem não parece que eles corrigiram mais esse defeito do Fox, para mim só superado pela fita corta dedo.

  3. Agora sim o Punto tá no seu lugar. Em pensar que tinha gente que pagava mais de 40 mil num carro 1.4 e sem ar… Mas, do mesmo jeito, achei um baita desrespeito com o cliente Fiat que havia comprado esse carro alguns meses atrás. Que sirva de lição, a Fiat é assim, só lembrar do Palio 2010 lançado em janeiro de 2009. “Antes tarde doque nunca” só mostrando a falta de planejamento da marca.

  4. Renato…concordo com você…em tudo e acrescento, o Fox alem de feio e mal acabado ainda é caro. Um crossfox zero km, sai em torno dos 44 mil reais. Com esse valor prefiro pagar no punto sem ar condicionado. Alem de mudar o visual, podiam mudar o preço tambem…

  5. O Novo CrossFox,ficou muito bonito,e tem a receita lançada pela a VW juntamente a Nova Saveiro Tropper,ou seja,um visual limpo,mas ao mesmo tempo aventureiro,pra mim bem melhor que o idealizado pela a Fiat na sua linha Adventure.
    O Fox(e Cross) finalmente ganharam uma painel decente de um carro,e esse volante do Passat CC dá um charme a mais ao carro.Poravavelmente o Fox inicialmente terá somente o motor 1.6 TotalFlex(e pode aparecer até com o E-Flex).E eu tou começando a sentir o cheiro da fumaça do 1.4 TotalFlex vindo ai,pra tirar o 1.0,e deixá-lo apto pra brigar com o Chevrolet Agile 1.4 Econflex.A Chevy vai ter um rival e tanto pro o seu “Viva”,que não é tudo aquilo.A minha escolha é o VW e da vocês????

  6. Nunca achei estes carro interesante deste seu lançamento não acho nem feio nem horivel mais acho que deveria ter um motor umpouco mais potente para o estilo que ele tenta impressionar.

  7. Como alguém consegue pagar no mínimo R$ 36.000,00 num FIAT Punto??
    Pior ainda são aqueles que compram os carros da FIAT que possuem as versões Sporting, Dualogic ou T-jet achando que estão adquirindo uma ferrari!! RS…é pra morrer de rir!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *