Dor de cabeça com o novo Volkswagen Gol

O grande números de recalls em tão pouco tempo parecem ter sido um sinal de que algo está errado com a quinta geração do Volkswagen Gol. Várias matérias sobre diversos problemas do modelo já foram publicadas; vários fóruns na internet já discutem os defeitos; o assunto é bastante debatido no Orkut; e o youtube está repleto de vídeos mostrando diversas coisas negativas em relação ao veículo.

Comecei a receber vários e-mails falando sobre assunto a agradeço a todos que me enviaram, especialmente ao Marcos Tadeu e ao Vilker Moraes, pelos detalhes, e ao Cláudio e ao Bruno, pelas informações pessoais sobre seus respectivos Gols.

Vamos primeiro aos problemas. Veja a lista feita pelo Vilker, mostrando apenas alguns defeitos aparentemente corriqueiros do Gol G5.

– Motor que precisa ser trocados com menos de 10.000 km;
– Motor que morre do nada;
– Sistema de computador de bordo que pifa do nada;
– Velocímetro que fica “doidão”;
– Lanterna que enche de água;
– Para-brisa que racha;
– Freios que mesmo depois do Recall falham;
– Endurecimento dos pedais dos freios;
* Sem contar os 3 ou 4 recall em um ano de fabricação e alguns anda não foram sanados como o caso dos freios que falham.

No youtube vemos “exemplos vivos” de vários defeitos.

Motor não pega e faz um barulho estranho

Velocímetro não marca a velocidade com o carro em movimento

O mais conhecido era o endurecimento dos pedais dos freios, defeito que até resultou num recall. Porém, esse deixou de ser o “número 1” para dar lugar ao novo problema “mais popular”: barulhos no motor, na hora de pegar (com dificuldades), ou já ligado. Vejam no primeiro vídeo acima. O motorista precisa tentar mais de 10 vezes para o carro funcionar. Antes (nas tentativas) e depois de ligar, o motor faz vários barulhos estranhos, indicando que algo realmente está errado.

Tão errado que, entre várias publicações, o jornal Estado de Minas publicou um grande número de casos de pessoas que precisaram trocar o motor do Gol G5. Infelizmente, a reportagem não cita nem o ano, nem o modelo, nem a motorização do Gols dos personagens da matéria. Mas os problemas parecem estar, principalmente, no Gol 1.0 – e em muitos Gol 1.0! Mas os modelos 1.6 também estão envolvidos.

A Volkswagen deu a sua opinião a respeito do assunto na publicação. Vejam: “A Volkswagen declara que tem conhecimento de clientes que tiveram esse problema, mas, de acordo com as informações disponíveis no momento, não se tratam de ocorrências em larga escala. ‘O reparo e/ou troca do motor de um veículo pode ocorrer por razões variadas, como as condições de uso do veículo, combustível inadequado, falta de manutenção e qualquer outra situação que possa comprometer o funcionamento normal do motor’, explica a empresa, declarando que os procedimentos necessários para a solução dos casos mencionados na reportagem já foram adotados por sua rede de concessionários.”

Sei que é comum aparecem alguns problemas quando um carro é lançado. O Fiat Punto, por exemplo, perdia uma peça dos retrovisores laterais com facilidade. Porém, com o tempo, a fabricação recebe ajustes e qualidade da produção do veículo melhora. Mas a Volkswagen precisa ter uma atitude mais firme em relação ao novo Gol. São realmente muitos relatos sobre problemas. E o pior: a maioria reclama do fraco atendimento e, principalmente, da falta de informações quando o veículo está na concessionária para reparos.

O primeiro passo para a Volks seria admitir os problemas. Mas será que a marca está com medo de convocar mais um recall (outro!) para o novo Gol? Será que a VW tem medo do problema se expandir para os “irmãos” Voyage, Fox e Polo e ficar ainda mais grave? Será que a marca tem medo de repetir (de alguma forma) a péssima experiência do Fox “corta-dedo”? A verdade é que a Volkswagen sabe dos defeitos e já trabalha para resolvê-los, mesmo de forma não pública.

Só lembrando uma “máxima” do mercado automobilístico: “pior recall é aquele que deixou de ser feito”.

Atualização (20:07 – 19/10/09)
Reproduzo aqui mais um material enviado pelo pelo Vilker explicando, com mais detalhes, os problemas do novo Gol. É um conteúdo publicado na revista EXAME

(Marcelo Onaga – 15/10/09):

“Depois do polêmico recall do Fox, que obrigou a Volkswagen a efetuar alterações no sistema de rebatimento do banco traseiro de cerca de 500 000 unidades do modelo no ano passado, a montadora alemã pode estar agora diante de um problema ainda maior. Bem maior, por sinal. Um executivo da empresa e dois concessionários confirmaram a EXAME que a Volkswagen analisa a possibilidade de convocar mais de 1 milhão de veículos produzidos entre 2008 e este ano, equipados com motores 1.0 e 1.6, para substituir partes do motor. O motivo seria um defeito ocasionado por peças estruturais que não receberam um tratamento térmico – o que poderia provocar, na pior das hipóteses, uma explosão. De acordo com o executivo, a montadora decidiu não realizar o tratamento térmico para reduzir custos, com o aval da área técnica. O dano que um recall desse porte pode causar à Volkswagen é muito maior do que o do banco do Fox. Não apenas pela quantidade de automóveis, mas pela complexidade e pelo custo da operação. A retirada do motor do carro e o reparo podem levar mais de um dia e envolvem uma operação logística complexa. Estima-se que o custo desse recall, caso ele ocorra, ultrapasse 1 bilhão de reais. Oficialmente, a Volkswagen diz que no momento não há nenhuma discussão sobre esse tema.”

Comentários (55)

  1. Imagina: compra um Gol, carro lindo, ai acontece algo que você tem que sair urgentemente, vida ou morte…….ai seu carro zerinho, para pegar demora uns 30 minutos…hahahhahahha melhor chamar um taxi……..hahahhhahahhhha…Volks tem que melhorar muito…

  2. Isso e bom para aqueles que ficam “babando ovo” da wolks virem que não existe carro ou montadora perfeita, e com muitos recalls e problemas mancha muito a imagem do carro mais vendido, e tantos problemas levantam também a hipótese de o carro ter sido lançado antes da hora, e nao ter sido testado corretamente.

  3. Justamente o que o Daniel disse….Pessoal mais velho, da era fusca….baba ovo da Volks, não existe montadora perfeita. Mas o tanto de recall e defeito deste Gol…ta com o filme quimado…. eo olha que estava pensando em trocar por um novo gol..vou ficar com o meu mesmo.

  4. É isso aew, e ficamos de 5ª a 3ª com um Gol GV 2009 1.6 aqui em ksa (o carro é de meu irmão). Máquina de problemas: A/C que deixa de funcionar, barulho na correia, portas que desregularam 2x, barulhos vindos do painél e banco traseiro, farois com mal contato, consumo abusivo no alcool, velocímetro desregulado demais (+/- 10 p/ cima do que está marcado no painél, já levamos multas por isso), marcador do combustível que sobe e desce e acaba por ñ ser de confiança, vez ou outra fica falhando ao ligar logo de manhã e o som que a VW deu de brinde ñ apaga, a ñ ser que se desconecte.

  5. Espero que a volks assuma os problemas e comece a repara-los o mais breve possível…pelo que vejo alguns problemas colocam a vida das pessoas em risco…espero que a Volks não faça como a outras que negam até a morte que não tem nada a ver com as rodas que saem sem avisar do eixo traseiro de seus carros. Muito lamentavel toda essa situação! Fico com muita pena de quem tem um gol e acha que está abafando…por falar em estar abafando, feriadão tinha um prego andando a 140 por hora na Rio manilha com o braço esquerto pra fora de seu Voyagisão…queria ver se um pneu furace…mais não fiquei muito perto dele não, ele foi ficando cada vez menor no meu retrovisor, até sumir!

  6. É BEM O TIPO DA ECONOMIA PORCA,CORTA-SE OS CUSTOS LÁ ATRÁS E AGORA ESTÃO AÍ COM UM P…ABACAXI NAS MÃOS.
    UMA PENA POIS PRA SEMPRE FOI UMA MARCA CONFIAVEL,TIVE PARATI,HOJE TENHO SAVEIRO E NUNCA SOFRI COM PROBLEMAS PARECIDOS.

    Marcus Quintanilha

  7. Jah tive Palio! Nunca mais na minha vida! E nem na próxima! O carro não aguenta!!! Rodou 160.000 KM e o motor abriu o bico! Olha q eu sempre fiz manutenção! Tive um Voyage aqui em casa e ele foi parar na retifica com 300.000 km rodou até 400.000 km ai eles roubaram hehehehehe…..não tive a oportunidade de ter anadado mais com ele….

  8. Ninguém reparou que uma dica de compra para um carro usado é nunca “pega-lo” no ano de lançamento!!!

    Sei que tem o fator novidade, mudança e, se ninguém comprar os primeiros a fábrica não terá motivos para produzi-lo.

    Antes, as mudanças em um modelo demoravam mais tempo (até 10 anos), hoje as mudanças são quase anuais e a lista de recalls vai aumentando.

    Tive um Corsa Sedan GLS 96/97 que esquentava embaixo do painel. Esse defeito foi sanado no fim de 98.

    O progresso e a concorrência de mercado exige pressa. Infelizmente acabam acontecendo esses problemas com quem pagou por um carro novo.

  9. Paulo Freire ainda tá bom. Sorte que o parabrisa não trincou e os freios não falharam! hehehe!

    Engraçado são as pessoas que defendem esses motores novos e mega tecnológicos!

    Meu “monzatec 2.0 flex” bebe menos que esse 1.6, anda bem e é MUITO robusto. Prefiro continuar com ele que fazer uma mudança explosiva !

  10. No post “Impressões” do meu novo carro, eu disse que defeitos sempre acontecem e com qualquer marca. Já tive que trocar partes do motor do meu antigo Gol 1.0 16V ainda na garantia. Já estou no meu décimo terceiro automóvel e destes, seis foram adquiridos Zero km. Nenhum passou em branco pela garantia. Assim que pego o carro mando alinhar e balancear e adivinhem, os carros vem desalinhados de fabrica. Até eixo traseiro empenado já teve. Este meu novo Idea veio com o telescópio empenado e queriam me cobrar o desempeno. Queriam e ficaram só no querer. Na GM, tive uma S10 comprada Zero km que teve o estofamento todo descosturado e tiveram que refazer tudo e sem cobrar é claro. Meu espetacular STILO teve que trocar embreagem com 30.000 km e de graça de novo. É tudo uma porcaria só. Tive que brigar muito para conseguir trocar as coisas de graça fora da garantia mas consegui em TODOS os casos. É FATO!

  11. Caro Sr DJ VAN PETTEN, aguentar 160.000 km para mim está é bom demais. Troco meus automóvéis bem antes disto. Mesmo os que adquiri usado, não deixei nem chegar aos 100.000. Nós últimos eu troco com dois/três anos com mais ou menos 50.000. É FATO!

  12. Esses problemas são inadmissíveis para um veículo novo atualmente. Por que será que isso aconteceu? Me parece que se deve a falta de testes mais rigorosos antes do lançamento. É a ganância de se vender mais acima de tudo…

  13. Agradeço a Parizzi, por ter feito essa matéria muito bem por sinal. Agora fia aí a deixa para os práx. compradores ficarem de olho abertos, pois suas vidas podem estar correndo alto risco.

    Parizzi pode atualizar o post de novo. A revista Auto Esporte deste mês vem com dois relatos. Um do Gol e outro do Voyage. VW 100%. O Gol que tem medo de chuva, quando choeve entra água por todos os lados. No Voyage a direção sempre puxando para a esquerda e os concecionários não sanam.

    Todo carro pode dar problemas, mas no caso do Gol G5, a coisa está descontrolada.

  14. Engana-se aqueles que dizem que não existe montadoras perfeitas, será? o que dizer da líder Toyota, Honda, Hyundai Volvo e Mercedes-Benz, os que, chamara de “babando ovo VW”, deveriam citar pelo menos dois problemas de serie em cada uma destas marcas assim com os seus ‘recall’.
    É fato que todas as montadoras do Brasil tiveram problemas com os seus veículos isto é fato.
    Resta agora a Montadora admitir tal fato e resolver o mesmo tão logo.
    Na historia da VW ela sempre exerceu um trabalho eficiente e de ótimo resultado eu mesmo já tive inúmeros amigos com problemas no novo gol levando até mesmo a troca do mesmo judicialmente, é uma fatalidade.
    Mais existe luz no final do túnel “TOYOTA, HONDA, HYNDAI VOLVO E MERCEDES-BENZ.

  15. Caro Sr. Leônidas, tive que ficar com os carros durante mais tempo pois optei em constuir uma casa que sugou muito do meu dinheiro! Graçcas a Deus hj eu tenho dois Polos Hatch Back, uma Saveiro e uma Defender 110….não quero FIAT! Não é de hj! Quando meu pai morou na alemanha em 1973 os colegas deles disseram não compre Fiat! Dai ele comprou! O que aconteceu?
    Deixou o na mão em plena Autobahn…
    Não de hj, mas tem quem goste! hehehehehe

  16. Ao Sr Piaui, quando refere-se a “Baba ovo”, é porque os velhões dizem que “Volks” que é carro, estão acostumado com fusca. Disse tambem que não existe montadora perfeita….agora motor bater com 10 mil? ridiculo né…

  17. Dj Van Petten, comprar Fiat na alemanha??? Onde seu pai estava com a cabeça? Devia ter comprado um nacional… È o mesmo que ir a França e pedir vinho importado, ou ir ao Rio Grande do Sul e pedir salada. Eu virei fã do gol no momento que vi, mas agora a VW me decepcionou. Estou feliz com os meus FORDS e deixei pra traz um Honda Civic que me deu muito trabalho. Abraço a todos.
    Rodrigo Guasch

  18. Veja um exemplo da HONDA:

    “A Honda Automóveis do Brasil anunciou, nesta quarta-feira (20), o recall dos modelos New Civic Flex e Honda Fit Flex ano/modelo 2008 (veja as séries de chassis) para substituição gratuita do filtro de combustível. Segundo a empresa, os proprietários dos veículos deverão comparecer a qualquer concessionária autorizada da marca a partir desta quinta-feira (21).
    Ao todo 8.826 unidades somando-se os dois modelos deverão atender ao recall. De acordo com a nota divulgada pela Honda, algumas unidades podem apresentar vazamento e, em casos extremos, ocasionar a parada do motor, existindo eventual risco de acidente.”

  19. Rod, a quatro rodas publicou uma matéria falando que o Civic estava com problemas de “força”. O carro ficava fraco em várias situações, forçando, por exemplo, que os passageiros saíssem do carro para o veículo terminar uma subida apenas com o motorista. Não ouvi mais falar sobre o caso.

    Leônidas, gostei demais do “Queriam e ficaram só no querer”! hehe

    DJ Van Petten, bacana a sua “frota”! Fique a vontade para mandar Impressões dos modelos! Você já fez alguma trilha pesada com o Defender 110?

    Abraços!

  20. Todo pós-lançamento é a mesma história. Não só com carro mas com qualquer outro equipamento… Sempre vêm com um problema aqui e ali. Agora no caso do novo Gol (GV) não há como a VW justificar como normais a questão de TANTOS problemas, além dos mais graves que envolvem o motor e sendo em casos freqüentes. Foi uma baita mancada da VW (mais uma depois do estralhaçador de dedo) que só mostra a forte ganancia da empresa, querendo economizar de tudo quanto é jeito pra estar lucrando mais e mais. É aquela história… quanto mais tem, mais quer. Mas agora se deram mal.

  21. Assim como alguns Civic´s que teve problema de potência já corrigido pela Honda, minha irmã Claudia Dantas comprou um Gol G5 em janeiro de 2009 rondando por dia uma média de 20km, até hoje o carro está perfeito, sem defeito, pega no alcool sem gasosa no tanquinho, parabrisa perfeito, sem barulho, hodômetro perfeito diante do exposto, chego a seguinte conclusão: da quantidade enorme de carro montados, é de se esperar que algumas dezenas de um lote de milhares de gols estejam com algumas peças fornecidas à Volks com defeito.
    Pelo tamanho da Volks e para manter sua credibilidade no Brasil e quiçá no mundo, ela tem que tomar providências urgentes evitando assim um mal maior que pode ser um acidente grave com o Gol e seus derivados.

  22. Vamos usar a razão: não é de propósito que a Volkswagem vá lançar no mercado um produto em que no futuro, tenha que desembolsar mais de um bilhão para corrigir defeito, que pode ser culpa também dos fornecedores. Se a Volks diagnósticar que a central fornecida pela Bosch está causando estes incovenientes no motor, a Bosch vai pagar pela troca de todas as centrais, e assim sucessivamente com outras peças fornecidas a Volks que venha a apresentar problema, arranha a imagem da montadora sim, mas quem sai no prejuízo é a Bosch e por tabela o consumidor. É ISSO AÍ.

  23. Ah, esqueci de comentar, o carro está com um lance estranho onde ao pisar no pedal do freio a ponto de as rodas travarem, o carro puxa p/ a esquerda, alguem sabe se outras pessoas tb constataram isso?

  24. Paulo Freire: o tipo de defeito sugere problema nos freios do lado esquerdo!!!

    Cheque disco e pastilha dianteiros e tambor/lona traseiros. Por via das dúvidas dê uma olhada nos amortecedores desse lado.

    Abraço.

  25. Acho que tem gente tentando “tapar o sol com a peneira”, A culpa é sim, única e exclusiva da Volks. Dizer que um fornecedor, pode ser o culpado pelos problemas do gol e seus derivados é demais…

  26. O problema maior não é o carro apresentar um simples problema, como para-brisas trincando, e sim coisas graves que podem por a vida de pessoas em risco, como os freios que falham e o motor que pode correr até o risco de explodir, são esses defeitos que não são comuns e realmente graves.

  27. Conheci um rapaz que está tendo algumas dores-de-cabeça com um Voyage.

    Mas para minha desgraça, continuo a considerar o Gol o melhor dos carros populares. Para você ver o nível.

  28. Sim Hugoas, os fornecedores também dão garantias pelos produtos que produzem exemplo: quando um pneu rasga com carro em garatia, a autorizada encaminha o dono do carro para o fabricante daquele pneu, vou escrever no idioma brasileiro para você entender: os carros são montados com peças fornecidas por diversos fornecedores, se os freios estão com problemas a montadora irá fazer a troca das peças e será ressarcida pelo fornecedor, se a bateria não consegue segurar a carga, a montadora vai trocar e será ressarcida pelo fabricante, se o motor da ventoinha apresentar problema dentro da garantia também será torcado e a Volks ressarcido e assim sucessivamente portanto Hugoas, quem produz também é responsável só que o nome não aparece e digo, é de inteira responsabilidade da Volks qualquer anomalia que seus carros venha a presentar, e a mesma não pode faltar com suas responsabilidades diante das ocorrências com seu veículo.

  29. Adquirir um Novo Gol 1.0 no mês de Julho, fez hoje 5 meses, e o parabrisa do carro trincou pela 2ª vez. Deixei hoje na concessionaria para fazer a troca. O que está acontecendo com o Novo Gol? todas as duas vezes, trincou o parabrisa no mesmo lugar (lado direito, na intermediação do limpador carona). Gostaria de obter explicação e solução do caso. Não dá para ficar nesta situação, a cada 2 meses ter que ir a concessionária trocar o parabrisa.

  30. 20/11/2010 meu gol problematico estar com diversas peças trocadas pela concessionaria com apenas 9000 km e 8 mese de uso ano 2009 mod. 2010. problemas 1- barulho interno na caixa de direcao(barulho ao fazer curvas p/ direita, 2-barulho no motor ao acelerar a 5mil RPM, 3-tuchos batendo e comando de valvulas com folga(segundo eles foi trocado todo o cabeçote),4- vazamento do oleo da caixa de dh, 5- barulho nas suspensoes dianteiras e traseiras,6- barulhos nas portas traseiras e dianteiras, 7-barulhos nos bancos traseiros e dianteiros, 8-infiltracoes de agua nas portas pela borracha de vedacao, 9-parafuso solto do coxim do motor, 10-barulho do compressor do ar, defeito na partida a frio. tudo isso já foi trocado, mas ficou o trauma fico pensando como está recente quando irá acontecer o proximo ou se aisnda vai continuar. estou me sentindo lesado comprei um carro 0km pra nao ter dor de cabeça, mas está acontecendo contrario já pedi um outro novo,mas foi negado pelos responsaveis. portanto estou entrando com uma acao por danos morais e materiais acho que nao tem como perder atraves de todas as provas que possuo comprei um carro novo com todos os defeitos de carro velho e nao consigo mais confiar minha vida e de minha familia dentro deste carro e comparando com os defeitos de outros proprietario fico me perguntando será que os que ainda nao acinteceram como o freio ainda pode acontecer…

  31. 20/11/2010 meu gol problematico estar com diversas peças trocadas pela concessionaria com apenas 9000 km e 8 mese de uso ano 2009 mod. 2010. problemas 1- barulho interno na caixa de direcao(barulho ao fazer curvas p/ direita, 2-barulho no motor ao acelerar a 5mil RPM, 3-tuchos batendo e comando de valvulas com folga(segundo eles foi trocado todo o cabeçote),4- vazamento do oleo da caixa de dh, 5- barulho nas suspensoes dianteiras e traseiras,6- barulhos nas portas traseiras e dianteiras, 7-barulhos nos bancos traseiros e dianteiros, 8-infiltracoes de agua nas portas pela borracha de vedacao, 9-parafuso solto do coxim do motor, 10-barulho do compressor do ar, defeito na partida a frio. tudo isso já foi trocado, mas ficou o trauma fico pensando como está recente quando irá acontecer o proximo ou se aisnda vai continuar. estou me sentindo lesado comprei um carro 0km pra nao ter dor de cabeça, mas está acontecendo contrario já pedi um outro novo,mas foi negado pelos responsaveis. portanto estou entrando com uma acao por danos morais e materiais acho que nao tem como perder atraves de todas as provas que possuo comprei um carro novo com todos os defeitos de carro velho e nao consigo mais confiar minha vida e de minha familia dentro deste carro e comparando com os defeitos de outros proprietario fico me perguntando será que os que ainda nao acinteceram como o freio ainda pode acontecer…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *