Mais caro, Fiat Doblò 2010 chega ao mercado com novo visual

Vocês devem estar pensando: nossa, a Fiat Doblò 2010 foi lançado e o Parizzi não comentou nada no De 0 a 100. Ele preferiu falar do Sentra reestilizado. Na verdade, não postei nada sobre o Fiat antes por dois motivos. O primeiro foi uma sucessão de acontecimentos que me deixaram longe do PC mais tempo do que eu queria. O segundo, e mais importante, talvez até ingênuo, foi que eu cheguei a esperar que a marca italiana fosse divulgar uma correção nos preços do Doblò 2010! Ledo engano…


Não quero ficar comparando os valores da linhas 2009 e 2010. Quero falar dos preços atuais, que vão subir em dezembro e mais um pouco em janeiro! Pagar R$ 59.680 num Doblò Adventure é muita coisa. Se ele tivesse airbag duplo e freios ABS, por exemplo, a situação seria um pouco melhor. Mas esses equipamentos são opcionais.

Não estou, de forma alguma, dizendo que o carro é ruim. Mas, por R$ 60.000, você pode comprar veículos com qualidade superior e mais equipados. A versão de entrada do Doblò, a 1.4, por exemplo, custa praticamente R$ 50.000, e não vem nem com ar-condicionado (opcional). Pelo preço cobrado, todas as versões de passageiros do modelo deveriam sair de fábrica com esse equipamento citado, além de banco traseiro bi-partido, predisposição para rádio e volante com regulagem de altura.

O que mudou

O Doblò 2010 é oferecido em seis versões, sendo quatro de passageiros e duas de carga. Uma das novidades para a nova linha é o sexto banco suplementar de série para as versões ELX, HLX e Adventure Locker, que permite a acomodação de até seis pessoas (podendo chegar a sete) e que pode ser rebatido caso se necessite de mais espaço para bagagens. O grande atrativo do Doblò continua sendo o generoso espaço interno, tento para os ocupantes, quanto para a bagagem (750 litros na versão para passageiros e 3.200 l no modelo de carga).

Para a nova linha “urbana” (veja as fotos mais abaixo no post), além dos preços salgados, a Fiat conseguiu deixar sua multivan menos feia. Na dianteira, o pára-choque, pára-lamas, a grade cromada e os faróis polielípticos de dupla parábola são novos. A traseira ganhou novas lanternas, mais bonitas (na medida do possível).

Já a versão “aventureira” também teve seu visual inspirado no Fiat FCC, como já havia acontecido com o restante da família Adventure (Strada, Idea e Palio Weekend). O remodelado pára-choque dianteiro e as novas molduras nas caixas de roda conferem ao veículo um aspecto mais robusto. Os faróis polielípticos de dupla parábola têm máscara negra. Já os novos retrovisores, na cor do veículo, ganharam indicadores de seta incorporados (abaixo). Na traseira, além novas lanternas (escurecidas), a segurança do estepe aumentou com um novo recobrimento equipado com trava antifurto.

Três novas cores metálicas complementam o estilo do novo Fiat Doblò para versões de passageiros: Azul Trinidad, Vermelho Magma e Verde Creta.

Por dentro

Agora todas as colunas são revestidas e os novos painéis de portas trazem apóia-braço na traseira, oferecendo mais praticidade ao modelo. Os quadros de instrumentos também mudaram. Nas versões com motor 1.4, ele mostra todas as funções necessárias (velocímetro, conta-giros, marcador gradual de temperatura da água e do nível de combustível; e um display digital que exibe as informações do hodômetro, relógio, computador de bordo e My Car Fiat). Na versão HLX 1.8 o quadro fica mais completo, pois o display digital apresenta ainda o computador de bordo B e informações do rádio, que são acessadas pelo My Car Fiat. Para completar as novidades internas, o veículo ganhou luz de leitura traseira.

No interior do Fiat Doblò Adventure Locker (acima), com tecidos de revestimentos exclusivos, há bússola e inclinômetros transversal e longitudinal – agora instalados na parte dianteira do teto -, e um painel de instrumentos exclusivo, com a inscrição “Adventure” e com serigrafia diferenciada. Além de todas as informações necessárias, ainda mostra a temperatura externa.

O motor 1.4 flex é o mesmo que equipa a família Palio e Punto, com 85 cv de potência e 12,4 kgfm de torque com gasolina e 86 cv e 12,5 kgfm com álcool. Segundo alguns colegas da imprensa, o desempenho do Doblò com esse motor foi surpreendente (na medida do possível). O outro propulsor disponível é o já conhecido 1.8 flex da GM Powertrain, que tem 112 cv e 17,8 kgfm com gasolina e 114 cv e 18,5 kgfm com álcool.

Testes com a motorização 1.9 16V flex do Linea chegaram a ser feitos, mas a falta de torque do motor em rotações mais baixas (mesmo alterando o câmbio) e o peso do Doblò não justificaram a mudança (pelo menos até o momento). Quem sabe no futuro. Mas o mais provável é que a multivan receba o propulsor 1.6 16V flex da Tritec.

EQUIPAMENTOS

Fiat Doblò 1.4 – R$ 48.950

A versão de entrada para passageiros vem equipada, de série, com direção hidráulica, vidros dianteiros elétricos, travas elétricas, portas laterais corrediças, computador de bordo, Follow Me Home, brake light, Fiat Code de segunda geração, My Car Fiat, espelhos no para-sol motorista e passageiro, protetor de cárter, porta-objeto sob o teto, console central com porta-copo e bolsas porta-objeto nas portas dianteiras, porta-garrafa nas portas traseiras.

Opcionalmente, a versão pode ser equipada com ar-condicionado, banco traseiro bipartido, airbags dianteiros + freios com ABS, predisposição para rádio, rádio CD com MP3, volante com regulagem de altura e dois bancos suplementares.

Fiat Doblò ELX 1.4 – R$ 52.540

A versão ELX tem todos os atributos e itens de série da 1.4, mais ar-condicionado e sexto banco suplementar. Entre seus itens opcionais constam apoia-braço para o motorista, banco traseiro bipartido, faróis de neblina, airbags dianteiros + freios com ABS, predisposição para rádio, rádio CD com MP3 ou rádio CD com MP3 e Bluetooth com entradas USB + iPod, espelhos retrovisores externos elétricos, rodas de liga-leve, telecomando de abertura e fechamento das portas, volante com regulagem de altura e sétimo banco suplementar.

Fiat Doblò HLX 1.8 – R$ 54.670

Além do motor 1.8, a versão HLX traz todos os itens de série da versão ELX 1.4 e ainda telecomando de abertura e fechamento das portas, computador de bordo B, calotas exclusivas e tecidos de revestimento mais luxuosos. Seus opcionais são idênticos aos da versão ELX 1.4, com exceção do telecomando, de série nesta. Veja o interior do HLX abaixo.

Fiat Doblò Adventure Locker – R$ 59.680

A versão “aventureira” é a top da gama e vem equipada de série com os mesmos itens da versão HLX além de bloqueio do diferencial (Locker), bússola e inclinômetros, faróis de neblina e de profundidade, suspensão elevada, estepe fixado na porta traseira com trava antifurto, rodas de liga-leve aro 15” exclusivas e pneus de uso misto 205/70 R15, retrovisores com indicador de seta, predisposição para rádio e uma variedade de detalhes de estilo exclusivos da família Adventure.

Seus itens opcionais são airbags dianteiros + freios com ABS, espelhos retrovisores externos elétricos, rádio CD com MP3 ou rádio CD com MP3 e Bluetooth com entradas USB + iPod, apoia-braço para o motorista, bancos em couro bicolor, banco traseiro bipartido e roda sobressalente de liga-leve.

Fiat Doblò Cargo 1.4 – R$ 39.680

A versão comercial traz, de série, apoios de cabeça com regulagem de altura, encosto do banco reclinável, console central, porta-objeto sobre o teto, Fiat Code de segunda geração, Follow Me Home, luz de cortesia na dianteira e no vão de carga, parede divisória em chapa, protetor de cárter, previsão para som, retrovisores externos com comando interno, tomada de 12V e vidros climatizados verdes, entre outros.

Os opcionais incluem direção hidráulica, airbags dianteiros + freios com ABS, ar-condicionado, brake light, rádio com MP3, faróis de neblina, desembaçador com ar quente, porta deslizante do lado do motorista e/ou do passageiro, portas traseiras com vidros, travas elétricas, vidro traseiro com desembaçador e limpador/lavador, vidros elétricos, volante com regulagem de altura e retrovisores externos elétricos.

Fiat Doblò Cargo 1.8 – R$ 43.320

Além do motor 1.8, essa versão traz todos os itens de série do Fiat Doblò 1.4, mais direção hidráulica. Os opcionais (menos a direção) são os mesmos.

Comentários (20)

  1. É isso aí, Parizzi. O povo quer pagar caro somente no que aparece: penduricalhos de plástico (que custam uma ninharia pra fábrica), rodas, sonzão, faróis de xenônio e outros balangandãs. Freios ABS, air bags e controle de estabilidade não aparecem… Tudo isso preserva a vida, mas acidentes só acontecem com os outros!

  2. Pesado com motor 1.4! Parece um camelo! E viva o 1.8 bebedor!!!
    E viva o plástico! E viva o interior que é igual ao antigo! E viva a roda que é a mesma! E viva ao volante que é igual! E viva ao Locker que para mim é a mesma coisa de nada! Tinha que ser tração 4 x 4!!! Para mim esse carro não me atrai! Voto em não gostei! Chega de plástica!

  3. O que me surpreende é que ainda tentaram deixar esse carro bonito… uma comédia! Nem o estúdio Pininfarina conseguiria esse feito. Realmente esse é o pato feio da turma da Fiat. Qué-Qué-Qué

  4. Pagar 60 mil num carro feio repleto de plástico é loucura. Por esse preço melhor pegar um Focus, Sentra, i30, etc. E se for para pegar barro mesmo, opte por uma Ranger cabine dupla. Mas o pior mesmo é esse monstrinho com motor 1.4 (e ainda custando quase 50 mil). Não deve andar nem por milagre. Esse motor 1.4 da Fiat é péssimo. Fiquei com um Idea 1.4 uns tempos atrás, e dava raiva ver o carro fazer barulho e sair lentamente do lugar.

  5. E viva a falta de respeito da FIAT com o consumidor brasileiro!
    Estão nos empurrando um veículo que acabou de ser substituído na Europa por Doblo totalmente renovado.
    E um executivo da FIAT teve a cara de pau de dizer que o Doblo europeu não se encaixa no perfil do consumidor brasileiro…

  6. Oi, eu gostaria de saber se o Novo Gol 1.0 tem potencia parecia com a do palio 1.4 ou é só impressão, pois tenho um gol G5 e a poucos dias dirigir o palio, nao o novo 2009 mais nao notei diferença de potencia.
    E é verdade que o novo gol veio com probelema no óleo do motor e todos tem fazer a troca nas consercionarias?

  7. Oi Antonio.

    O novo Gol 1.0 tem 72 cv de potência e 9,7 kgfm de torque com gasolina e 76 cv e 10,6 kgfm com álcool.

    Já o Palio 1.4 tem 85 cv de potência e 12,4 kgfm de torque com gasolina e 86 cv e 12,5 kgfm com álcool.

    A semelhança que você notou talvez seja sentida por causa do peso: 934 kg no Gol contra 981 kg no Palio.

    Sobre o problema do Gol, veja os links abaixo:

    http://blog0a100.blogspot.com/2009/10/volkswagen-fala-sobre-problemas-do-gol.html

    http://blog0a100.blogspot.com/2009/10/dor-de-cabeca-com-o-novo-gol.html

    Um abraço.

  8. Não me interessa se é horrível ou não, o que vale é que é o único carro nessa faixa de valor que você pode acessar e carregar uma cadeira de rodas (JUVENIL) que não desmonta nem abre, apenas abrindo as portas trazeiras. Quem não tem problemas na familia (eu espero que todos nunca tenham) pode se dar ao luxo de chamá-lo de horrorível e etc. Num país que só fabrica carroças, que vocês queriam? Coisa boa só importado. Grato

  9. A fiat ficou para tras tenho uma doblo adv 2009 ta com 30.000km inclui todos opcinionais e saiu por 65,000 eu acho que nao estava em si quando comprei alinhamentos. Nas rodas dianteiras ninguem consegue acertar a minha ja comeu os dois pneus por dentro a porta traseira a propia autorizada nao consegue regular foram colocar o estepe na porta traseira e garanto que nem fizeram estudo e o principal gasta muito no alcool faz de 4 a 5,8 ja na gasolina nunca marquei o locker e so marketing fui fazer graca num barro simples e fiquei e acho um carro horrivel pra barro concluindo vou vender a minha e fiat nunca mais pretendo comprar um Santa fe mas dessa vez vou ser mais cauteloso antes da compra

  10. С нашим замечательным и удобным сервисом Из рук в руки авто в городах Дальнего Востока вы быстрее продадите свой автомобиль, потому что у нас можно удобно, быстро и совершенно бесплатно разместить ваше предложение Продажа автомобилей на Дальнем Востоке в нашем большом каталоге

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *