Vendedores de carros são bons atores, bobos ou desinformados?

O internauta Marcos Vinícius levantou uma questão bastante interessante. Será que os consultores de venda de automóveis (novo nome para vendedores de carros) entendem mesmo daquele produto que eles estão vendendo? E dos concorrentes, será que eles os conhecem bem?


Os vendedores deveriam, no mínimo, dominar as características dos carros da marca que sua concessionária vende e seus principais concorrentes no mercado. Saber o que estar por vir “dentro da própria casa” também é importante, já que, no momento, transparência é a alma do negócio.

Não quero generalizar aqui, já que conheço bons consultores de venda (homens e mulheres), mas concordo com o que o M. Vinícius disse. Não é legal quando o vendedor não entende do produto que ele está vendendo. Eles precisam ser treinados para saberem tudo (ou quase tudo), já que eles estão na linha de frente entre a marca e o consumidor.

Não quero me alongar muito, mas a questão aqui merece uma boa reflexão. Até gostaria de ir um pouco mais além: os vendedores de veículos seminovos e usados, por incrível que pareça, já que eles trabalham com diversas marcas ao mesmo tempo, costumam ser bem piores (também não quero generalizar, já que conheço excelentes vendedores de usados). Já fui embora de uma loja depois que o pobre coitado do funcionário me disse que a Zafira automática tinha sete marchas. Até hoje estou contando para saber onde elas estão: quatro para frente, mais uma para trás… mais o ponto morto, mais a banguela, ou a queda livre…

Enfim, realmente vale a reflexão. Leiam texto do Marcos Vinícius e opinem.

Desinformação ou fingimento?

Por que será que quase sempre quando entramos numa concessionária, ao ser argumentado sobre o produto que está vendendo, muitas vezes o consultor de vendas (o vendedor) se faz de desentendido para alguns questionamentos? É desinformação ou puro fingimento? Prefiro acreditar na segunda hipótese.

Percebi isso por agora, pois estou fazendo vários orçamentos para a compra do meu novo zero quilômetro. Como tenho pesquisado em várias marcas o mesmo segmento de veículos, percebo que os vendedores não estão muito bem informados sobre o produto que estão vendendo e muito menos do que é oferecido pela concorrência. Mostram-se desinformados quanto ao mundo automobilístico.

Ao ser questionado sobre os novos lançamentos da marca que estão por vir, um vendedor de uma das líderes no ranking de vendas no Brasil disse não saber de nada. Ora, como assim, meu caro vendedor? Está estampado em qualquer site que aborda o tema, e divulgado diariamente pela imprensa especializada. Seria somente ele não saber o que anda acontecendo com os produtos da própria marca que representa?

Acho pouco provável que isso seja verdade, mas o que eu pude perceber é que grande parte desses profissionais de vendas realmente não estão sintonizados com o que anda acontecendo no mundo automobilístico.

Se nós, “simples” consumidores, chegamos numa destas lojas e nos deparamos com uma situação em que sabemos mais do que aqueles que estão ali para esclarecer nossas dúvidas, algo está errado. Estes vendedores deveriam saber que, com o avanço tecnológico, boa parte da população tem acesso à rede mundial de computadores, a internet, e que, com isso, dificilmente seremos enganados por eles.

Pois assim o fiz. Antes de pisar em qualquer uma destas lojas procurei pesquisar o máximo possível sobre aquele produto. Seus principais concorrentes diretos, as características e especificidades de cada um deles. As dúvidas que não foram solucionadas de imediato tive a vaga ilusão de que seriam prontamente esclarecidas por estes profissionais.

Uma pena que isso só ficou mesmo na ilusão. O despreparo destes profissionais me impressionou. Em alguns casos me surpreendi ao ver que eu sabia muito mais daquele produto do que quem estava do outro lado da mesa “pronto” para me atender e pior, para me vender.

Se eu fosse dono de uma concessionária faria com que minha equipe de vendas acessasse a todo o momento sites especializados para atualização constante de suas informações. Se não está com cliente na mesa, deverá estar conectado, pesquisando sobre o produto que vende, seus concorrentes, lendo comentários em blogs, etc.. Isso sem contar com as leituras de jornais impressos e revistas do ramo – mas só isso não bastaria.

Portanto, fica aqui minha dica e quem sabe uma importante sugestão para estas pessoas que estão lidando diariamente com o mundo automotivo. Fingir que não sabem do assunto, até certo ponto é permitido, mas não é legal. Agora, se mostrar realmente desinformado, é inaceitável.

(foto: loja inglesa)

Comentários (32)

  1. Que os vendedores automotivos são muito mal informados (grande maioria) sobre seu produto de venda É UM FATO.
    Quando fui comprar um Fiat Punto eu sabia muito mais do carro do que o proprio vendedor que não sabia nem quais são os motores disponíveis para o carro.
    Mas essa ai do Parizzi foi a melhor ZAFIRA com 7 marchas D+ acho que ele ta acostumado com a linha da da Opel na europa ou confundio com o numero de lugares que a Zafira tem.

  2. Os vendedores são ótimos atores, e também desinformados, de bobos eles não tem nada.
    Nenhum vendedor admite lançamento ou atualização, por que ele quer te empurrar o que ele tem disponível na loja, ou no estoque da montadora. Pra ele não é negócio que vc espere 2 meses pelo lançamento, ou atualização. É prejuízo pra fábrica, pra revenda e principalmente pra ele que trabalha por comissão. Aí se tu cai no papo furado do cara…. Eles fazem isso tb pra não ter que baixar o valor de venda da charanga que vai sair de linha ou vai ser remodelado.

  3. Eu fui em uma revenda Kia, ver o cerato ano passado com um amigo que está doido pra compra o carro, e o vendedor sabia menos sobre o carro do que eu. Eu quando fui comprar uma Twister em meados de 2007 fiquei preocupado se o modelo 2008 já teria injeção eletrônica. pesquizei na internet e não achei informando sobre, o vendedor tb não sabia de nada(nesse caso não vou crissifica-lo). Acabei comprando a modelo 2007, e a 2008 não teve atualização além dos adesivos e umas mudanças de cores.

  4. Quando fui comprar o meu Focus, o vendedor não sabia da promoção de dar 50% de entrada e o restante em 24X sem juros. Era um sábado por volta das 9:00 e também não haviam gerentes, diretores ou sequer um telefone de informações para que o vendodor pudesse se informar. O anúncio estava em uma das primeiras páginas da revista “Veja”. Acabei indo embora e mais tarde, por volta das 13:00 o vendedor me ligou para começarmos as negociações. Além disso, quase todas as perguntas feitas por minha esposa, foram respondidas por mim e não pelo vendedor.

  5. VENDEDORES não entedem de carros e sim de vendas goela abaixo do consumidor. Vendedores entendem de como iludir e ofuscar outros produtos sem conhrcer em detalhes o que esta vendo. Alias o que importa é eu vender o produto. Sem pre vem com aquele papo tenho um carro usado (as vezes da mesma marca)igual ao seu, ele é bom. Mas na troca eu tenho de desvalorizá-lo já o 0 Km esta no promoção e não dá para tirar mais nada, nem brinde. Eu também tenho um filho, meu neto nasceu, estou prescisando de espaço interno….. Todas estas frases são para que você crie um vínculo com o vendedor, a revenda da marca e o carro, mas não para que você conheça o carro. Vendedores são ilusionistas que vendem um sonho quem não conhecem, muitas vezes não o querem ter (pois sabem de todos os defeitos daquele carro)ou nunca terão por falta de grana, mas qualquer carro que você disser que tem ele já teve ou tem. Um abraço a todos.

  6. É um absurdo mesmo…

    Quando fui à Ford conhecer o Focus, o vendedor achou que eu não sabia distinguir um sedan de hatch. Ele disse, enquanto gesticulava e indicava a traseira com a mão, o seguinte: “O sedan é com essa bunda aqui, óh. Tá vendo?”.

  7. A verdade é que esse problema é igual ao das oficinas mecanicas das concessionarias, como elas, em sua maioria, podem fazer serviços ruins e mesmo assim serem caras? Falta concorrencia! E com a vendas de carro é a mesma coisa, um mercado como o brasileiro que mesmo no meio de uma crise mundial cresce como o nosso não tem tempo ruim pra vendedor nenhum! Tanto que é muito dificil fazer um bom negocio hoje em dia, o carro que o cara deixa de vender agora, ele vende pra outro nao demora muito. Principalmente os vendedores das marcas lideres! A se eu fosse vendedor de carros…

  8. Parizzi é ordem do fabricante aos consultores (antigos vendedores), fazerem-se de besta para vender o produto em estoque exemplo: fui na Forlan Raja e disse débora, no mês de janeiro 2010 a Ford irá lançar um motor flex ela disse, desconheço esta informação e tenho um Focus a gasolina pelo preço tal, com certeza ela sabia da novidade porém, tinha que desovar o estoque antigo.

  9. Enquanto isso na Honda Auto japan, o consultor explicou direitinho o porque da promoção, como utilizar o veículo, sua configuração, como utilizar o câmbio automático de forma eficiente, mostrou até onde fica a vareta do nível de óleo da caixa automática e como verificar o nível do óleo do motor.

  10. Como o próprio nome diz, “vendedor” só é visa o lucro, para conseguir a sua tão sonhada e muitas vezes “gorda” comissão é capaz de fingir das mais descaradas formas subestimando nossa inteligência com o intuito de empurrar o carro para algum consumidor inexperiente…
    Falo isso, porque trabalho no setor financeiro de uma concessionária FORD. E sei das “artimanhas” que eles usam para enganar seja nos planos de financiamento que eles por interesse próprio e percebendo o quanto o cliente é leigo inserem juros e mais juros afim de se ter “retorno”; ou até mesmo passando a falsa de idéia de serem ótimos entendedores de automóveis. Claro que não estou generalizando, mais na grande maioria são perfeitos “atores”..

  11. Bem, eu acho que já fui bem massacrado por este tipo de vendedor passei por esta situação quando compre o VOYAGE, que por sinal a pessoa que havia mi atendido não conhecia bem nem mesmo o carro de sua concessionária quanto mais, os concorrentes.
    Sempre ao fazer uma compra procuro antes pesquisar sobre o produto na net, só depois busco opiniões de pessoas que possuem o mesmo modelo, para só então entrar em uma concessionária.
    Este pessoal não sabe do principio básico de um bom consultor de vendas…… “não vendo aquilo, que eu não compro”…

  12. O M. Vinícius tá certo. Os venderoes sabem menos do que deveriam saber sobre os produtos. Tem uma dose de teatro tb, mas a maioria absoluta é totalmente despreparada, lêem pouco e não tem disposição para estudo. Em janeiro fui a uma concessionária GM em BH ver o Ágile. A vendedora me levou diante de um astra e disse: é esse aí! meu filho de 10 anos falou: esse é o astra, papai quer ver o ágile, ao que a vendedora disse: nossa, onde estou com a cabeça? E nos encaminhou cerca de 30 metros À frente onde estava o lançamento.

  13. Já passei por algumas experiencias não muito agradaveis com vendores. Ano passado fui com amigo ver um Gol G5 cheguei a bater boca com a vendedora porque ela não sabia nada sobre o carro.. E ainda ela soltou a seguinte frase: Você sabe mesmo hein?? Respondi: eu sou apenas uma pessoa informada…

    Vejo que os vendedores querem convencer de todas as maneiras a pessoa a fazer a compra, MENTE NA CARA DE PAU, dizem que vão dar um “brinde” e na verdade esse brinde é um item de série… entre outros absurdo que já ouvi…

    Diante disse, sempre aconselho quem vai até uma concessionária a estudar bem o carro para não ser ENGANADO. Para mim todo vendedor é um inimigo, e no momento da negociação é guerra mesmo… não pode dar mole, pq ele com certeza quer levar sempre vantagem (SE NÃO LEVAR SEMPRE)

    Outra coisa, cara que quer se vendedor de automovel tem que gostar de automovel.. Vender carro não é vender geladeira, fogão, TV. Tem que respeitar e ter consideração pela pessoa que vai investir muito, mas muito dinheiro nesse bem…

  14. Creio que 90% dos vendedores de carros novos são bem treinados, e conhecem perfeitamente o produto que estão oferecendo e parcialmente os da concorrência. O que concordo deveriam saber tudo. Porém é muito chato lidar com pessoas que estudam pela internet, que conversam sobre carros só em mesas de bar, e não tem contato nenhum com a realidade. OS VENDEDORES estão ali para auxiliar e não para competir ou medir conhecimento com nenhum NERD desdobrado que não tem mais o que fazer. Caso queira façamos então uma Gincana, VENDEDORES X CLIENTES, o vencedor ganha um Carro 0KM? Só que na hora da minha folga por favor, Por que tenho filhos, pago impostos, Sou CONSUMIDOR Como todos vocês, tenho contas para pagar, e precisamos vender e GANHAR DINHEIROOOOO SIM, Algum Problema Nisso? Você sabe em média qual é a comissão de um vendedor? 80% dos Patrões não pagam mais de 0,5% do Valor do Carro, O que vcs queriam ser atendidos por Engenheiros? Te garanto que um Sorriso e um cafézinho, e alguém que dispõe de 7 dias da semana para Amar a realização de seus sonhos estará a sua disposição. ATOR DA VIDA REAL.

  15. Acho que antes de qualquer comen´tário sobre um assunto como esse as pessoas deveriam pensar bem antes de falar besteiras. Voces já pensaram em como é ser um vendedor….a vida e o cotidiano de um trabalhador em comum como qualquer outro. Todos os profissionais…são mesmo “profissionais” como vcs estão criticando. Será que todos estão bem preparados para o mercado de trabalho. Vcs estão? Qual é a profissão de cada um….Enganar as pessoas acho que é forte demais….ninguém quer enganar ninguém…hoje todo mundo sabe de seus direitos e deveres, não há pessoas má informadas mais todos tem acesso a internet..televisão e rádio. Precisamos sim ter mais respeito com as pessoas e com cada profisão…Sou uma vendedora e me orgulho muito disso.Sou bem treinada por que minha empresa me propoe isto….e não engano as pessoas apenas os atendo.

  16. O assunto é polemico. Mas concordo plenamente com o Blog do Consumidor de Carros e com a Elaine. Respeito é muito bom e é algo que está em extinção. O Vendedor, seja ele de automóveis, refrigerador, estofados, roupas ou cachorro-quente é apenas o intermediário entre o produto e o consumidor. Obviamente como todo bom Vendedor ele deverá conhecer as características principais do produto que está vendendo, seja ele qual for. As informações detalhadas e de cunho técnico não são de sua responsabilidade, pois nao idealizaram, não projetaram e não fabricaram. Alguns são mais preparados outros menos, assim como há bons medicos e medicos não tão bons, bons arquitetos e arquitetos não tão bons, bons tecnicos de computador e técnicos não tão bons e assim por diante em todas as profissões, sejam elas graduadas ou não, mas todas merecedoras de respeito. Tenho lido os “comments” pela rede mundial em diversos segmentos e tenho com tristeza constatado que respeito, bom senso e cordialidade são características em extinção no “bicho” humano. Para aqueles que acham que Vendedor de Veículos não é gente, fica uma pergunta: Porque não compram seus veículos pela internet????? Era isso minha gente. Uma observação: Não sou vendedora, nunca fui e nunca precisei ser. Sou apenas uma pessoa que fica triste ao ler comments como os acima, que me fazem cada dia mais amar o meu bichinho de estimaçao, pois ele é companheiro, é solidário e fiel. Viviany

  17. trabalho com veículos usados e posso dizer que vendedor de veiculos novos não da a mínina para o cliente. so querem saber qnt eles vao lucra com o cliente q os procuram. pq qnd um cliente procura um carro novo se torna vitima do vendedor q tem muitas forma de extrair dinheiro do cliente: na venda do veiculo(comissao do veiculo normal, lucro extra, emplacamento, seguro, financiamento entre outras coisas) mais eles tiram mais dinheiro e qnd o cliente tem veiculo usado na troca. pq tem muita concessionaria q o vendedor repassa o carro EXEMPLO. o cliente tem um gol 08/08 completo e o vendedor pergunta pro cliente qnd ele quer no carro, ex o cliente fala 18.000 mil o vendedor tem contato de muito compradores e liga pra eles oferecendo o veiculo e numa dessa alguem paga 19000 mil o vendedor nao vai falar pro cliente q achou 19000 mil e sim 18000 e iria combinar com o comprador pra ele depositar os mil reais na conta dele entao nessa negociacao ele ganho 1 mil reais e so gasto umas ligacoes. fora qnd ele nao consegue fazer isso e comprador paga uma comissao aki geralmente se paga 300 reais “por carro” isso mesmo 300 por carro imagine q ele venda 10 carros novos q tenha usado na negociacao da 3000 mil so de carro usado. entao ser vendedor de carro novo e muito bom. por isso q nem sempre e bom vender carro na concessionari e so procurar um loja de seminovos q tenha referencia e vender seu carro diretamente sem intermediario. pq assim vc sabera o valor real do seu veiculo.

  18. Bom dia
    concordo plenamente com o blog do consumidor e esses “Nerd” com toda certeza são pessoas muito bem informadas realmente porem ele te faz 20 perguntas que ele sabe a resposta vc responde corretamente, faz a melhor negociação possivel e ele vira para vc e fala “só estou pesquisando” meu amigo, trabalhamos como outro qualquer e vivemos só de comissão. essas 20 perguntas com esse cliente foi tempo perdido.

  19. Boa tarde a todos! Meu nome é Emerson e trabalho no ramo automotivo entre manutenção, vendas, coordenação, supervisão, gerencia de vendas e avaliação de automóveis a mais ou menos 20 anos. Sou bom no que faço porque sou apaixonado por carros desde criança e por isso aprofundei em todos os setores que correspondem a veículos, ou seja, eu sou um Profissional do setor e como tal, me especializei em atendimento ao cliente dando suporte a altura em todos os quesitos. Vi tantos comentários prós e contra vendedores de veículos que acabam horrorizando a profissão. O que acontece é que ao longo dos anos este mercado cresceu de tal forma que fica difícil encontrar profissionais que vêem para o setor com paixão pelo ramo e assim se tornem profissionais, é fato que todo brasileiro entende de futebol ou acha, e todos amam carros, acontece que alguns vendedores ao longo dos anos deturparam a profissão por serem verdadeiros picaretas e outros por não entenderem nada de carros más são bons de lábia, outros se tornaram por falta de opção ou por ver o crescimento enorme deste filão, más em qualquer setor encontramos bons e maus profissionais e não podemos crucificar esta profissão. A questão não é ser um expert em veículos e nem ser o melhor atendente, a questão é que quando fazemos algo com profissionalismo, estamos aprendendo o tempo todo, respeitamos nossos limites e o dos outros, tratamos a todos com o devido respeito e atenção, com um sorriso e humildade, com entusiasmo e alegria no que estamos fazendo. Quando não sabemos todas as informações que o cliente necessita, agimos com humildade e procuramos tal informação para que o cliente saia satisfeito da loja. A questão que todo vendedor tem que aprender é que não vendemos produtos ou sonhos como alguns dizem, vendemos sim nosso profissionalismo, transmitindo segurança, respeito e amizade a quem vamos atender. Não tem como saber todas as informações de todos os carros, más tem como mostrar interesse em descobrir junto com o cliente, para o cliente e com o cliente. Lembrem-se que hoje qualquer um que tem uns trocados a mais pode ser um revendedor de veículos más VENDEDOR(consultor) de Veículos PROFISSIONAL vocês só vão encontrar em empresas que possuem história e boa carteira de clientes. Um muito obrigado pela chance de expressar-me e um abraço a todos. By China

  20. EU SOU UM VENDEDOR DE AUTOMOVEIS NOVOS E SEMINOVOS,REPONDENDO SOBRE AS VARIAS PERGUNTAS SE NOS VENDEDORES SOMOS BOBOS,DESINFORMADOS OU ATORES A MINHA RESPOSTA EO SEGUINTE SE VOCES OS CLIENTES SABEM TANTO A RESPEITO DO CARRO QUE ESTAO PROCURANDO PORQUE VEM COM PERGUNTINHAS BOBAS COM QUANTAS MARCHAS TEM ESSE CARRO OU AQUELE E QUE NA VERDADE A MAIORIA QUEREM CONSULTAS SOBRE VEICULOS MAIS NA HORA DA COMPRA O CLIENTE QUER E DESCONTO,IPVA GRATIS,JUROS BAIXO E QUAL A CONCESSIONARIA QUE PAGAR MAIS NA TROCA DO CARRO DELE ENTAO NAO VEM COM BALELA PORQUE EU SOU VENDEDOR E NAO CONSULTOR EU NAO QUERO DAR CONSULTA E SIM VENDER AUTOMOVEIS.E RESPEITO DE COMISSOES SO PRA CONSTA A DE 0KM E DE 0,5% E DE USADOS E DE 0.8% PENSEM NISSO ANTES DE IR A UMA CONCESSIONARIA SO PRA SE CONSUTAR E TIRAR O TEMPO DE UM ¨VENDEDOR DE CARROS¨ E PAI DE FAMILIA

  21. É que na verdade qdo alguem se depara com uma pessoa, que só esta ali para encher o saco que fica lendo detalhe sobre detalhe para fazer aquela pergunta sem nexo só para dizer: ” Peguei esse vendedor”! Essa pessoas nem está interessada em comprar nada só para encher o saco. O mais engraçado é que qdo o Médico da alguma receita ninguem queationa o porque daquele remédio ou o porque daquele exame, ninguem entra em detalhe, mas qdo se fala em Vendedor todos querem tirar uma com a nossa cara. Infelizmente existem profissionais sem capacitação em qualquer ramo! Agora não é porque vendo automovéis que tenho que saber tudo! Não sou engenheiro sou Vendedor! Enfim se quiser fazer um duelo estou disposto! Tenho 26 anos sou vendedor e com muito orgulho! Se alguem quiser tirar um dia para debater comigo me Chamo Douglas e vendo carros na Autokraft na Barra. E ve se não vem com carro lixo para não sujar a calçada que é limpa.

  22. Boa noite a todos!
    A situação aqui é tão simples e fazem um reboliço. A verdade é que todo e qualquer vendedor, consultor ou atendente de qualquer empresa e/ou ramo, tem por obrigação atender muito bem a todos, conhecer bem o produto, serviço e a próprias empresa, isso não quer dizer que ele tem que ser um expert em tudo da sua área, mas precisa pelo menos mostrar interesse e paixão no que faz, se no caso é vender automóveis, tem sim por obrigação se dispor para o cliente. O grande problema é que a maioria pensa que esta ali para vender tal produto, isso pode até funcionar para alguns, mas para ser profissional, destacar-se e fazer uma boa carteira de clientes “amigos”, precisa muito mais que isso. Primeiro, vende-se a sua imagem de profissional, de entusiasmo, de cortesia, de alegria em atender, depois, venda o produto, mostrando a melhor opção para o cliente que você tem disponível, tem hora que melhor é aguardar a entrada do produto adequado e em todos os casos, tem que orientar o cliente. Feito isso, apresentando sua verdadeira imagem de profissional e apresentando o produto ideal, a venda é conseqüência, se vai financiar, dividir, entrar com o produto na troca, etc., não importa, a venda já esta feita, mesmo que o cliente não leve na hora ou naquele dia, a venda já foi feita. Quanto a teatro, desinformação e outros, saibam que todos erramos, acertamos, erramos, acertamos,… e por ai vai, faz parte, lembrem-se que cada um tem sua peculiaridade, e forma de se apresentar, talvez aquele vendedor não o que melhor possa atender tal cliente e talvez o cliente se dê melhor com o outro, mas uma coisa é certa, atender bem, ser correto, gentil, entusiasmado, disposto e conhecer o produto é uma obrigação do profissional de vendas. Sempre funcionou comigo e estou no ramo a mais ou menos 20 anos. Um abraço a todos!
    By China/BH

  23. Obs.: Fui vendedor de peças, acessórios e de automóveis semi-novos e novos por muito tempo e graças a DEUS e a minha paixão por vendas e fazer amizades, me tornei gerente de vendas de revendas de automóveis e concessionárias. Hoje gerencio equipe de vendas de concessionária de motos e tenho sido abençoado em minhas contratações e treinamentos da minha equipe onde sigo os mesmos princípios e exijo o mesmo de minha equipe. Consequentemente temos batidos as metas da empresa e com tendência real de aumentá-las mensalmente. Um grande abraço a todos e me coloco a disposição para quaisquer esclarecimentos. By China BH/ Otobai Honda

  24. Esses dias fui comprar uma nova mercedes e adorei o atendimento. A senhorita Maria Eduarda (concessionária aqui de Curitiba) me atendeu da melhor maneira possível. Acho que os vendedores desinformados estão nessas concessionárias de carros populares…Resumindo: pobre tem de se foder. hahahaa

  25. SOU VENDEDOR, CONCORDO COM ALGUNS COMENTÁRIOS…. MAS O MAIOR CULPADO É O PRÓPRIO CONSUMIDOE QUE ACHA QUE LEVAR VANTAGEM EM FAZER LEILÃO É MELHOR DO QUE UM BOM ATENDIMENTO….AI RECLAMA QUE COMPROU UM VEÍCULO DE UM VENDEDOR DESPREPARADO, MAS NÃO REVELA POR QUE COMPROU COM ELE…. AS VEZES FOI POR CAUSA DE R$100,00 A MENOS NO VALOR DO CARRO, OU PIOR R$5,00 A MENOS NO VALOR DA PRESTAÇÃO, OU ACHA QUE ESTA GANHANDO ALGUMA CORTESIA OU PAGANDO MAIS NO SEU USADO, TRISTE INFORMA-LOS ESTA TUDO ATRIBUIDO NO VALOR DO TOTAL DE SUA COMPRA… O VENDEDOR NÃO OFERECEU TAXA ESPECIAL PARA O COMPRADOR DO FOCCUS ACIMA CITOU… POR QUE SERÁ? PORQUE NA REALIDADE É MELHOR MANDAR UM RETORNO…E O PIOR O CONSUMIDOR EM QUESTÃO, AINDA NEGOCIOU COM O MESMO…É GOSTAR DE SER ENCANADO… MAL ATENDIDO… E PROVAVELMENTE É O CONSUMIDOR QUE RECLAMA DO VEÍCULO… DA ENTREGA… DA DOCUMENTAÇÃO… DO USADO….ENTÃO AMIGOS É UMA PENA INFORMA-LOS( NIQUEM DÁ NADA PARA NINQUEM), SE VOCE FOI BEM ATENDIDO E DEVE UM VALOR JUSTO, PRODUTO DE QUALIDADE, E O PRINCIPAL ESTA COMPRANDO O QUE VOCE REALMENTE DESEJA, PEGUE UMA SEGUNDA OPINIÃO, PESQUISE, MAS COMPRE COM QUEM REALMENTE TE DEU UM BOM ATENDIMENTO, CONVERSE COM SEU VENDEDOR, TE FEEDBACK SOBRE OUTRAS PROPOSTAS, TENHO CERTEZA QUE ELE SERÁ O MAIS INTERRESSADO EM DE AJUDAR, POIS SEM SUA COMPRA ELE NÃO FAZ SALÁRIO……

  26. TECNICAS IMPORTANTES PARA VENDEDORES DE VEICULOS. DOMINGO 17:00 HRS VOCE VENDEDOR ALMOÇOU UM SANDUICHE E QUER IR EMBORA. NESSE MOMENTO ENTRA UM PESCOÇO NA CONCESSIONARIA E PERGUNTA SE ESTA FECHANDO VC ANTENDE E COMEÇAM AS 20 PERGUNTAS QUE ELE JA SABE A RESPOSTA. ¨DICA¨ ABRA O CAPÔ DO VEICULO MOSTRE QUALQUER PEÇA NO MOTOR E QUANDO O PESCOÇO INTRODUZIR A CABEÇA SOLTE A TAMPA.

  27. Nós, vendedores de carros, precisamos ser mais pacientes com aquela clientela que entra na loja e faz várias perguntas. Na maioria das vezes o cliente é apenas desinformado, ou então está planejando a compra e precisa de uma opinião. Eu já vendí carro em poucos minutos, o cara passou em frente a loja, viu o carro, perguntou quanto davam as prestações, viu que cabia no bolso e mandou fazer a ficha, mas em outros casos já fiz negociações que chegaram a durar meses, como no caso do casal que nunca teve um carro. Dei consultoria a eles, me agradeceram e foram embora. Quase um ano depois voltaram, ambos aprovados em concurso, e cada um comprou um carro comigo, fora que o cara já me trouxe uns dois amigos pra comprar carro. Muita gente eu já atendi, não comprou e nunca mais voltou, ou comprou na concorrente, enfim, como disse meu amigo Rafael Razeeck, da Suprema Veículos (DF), esse mercado é uma loteria.

  28. SE NÃO HOUVESSEM VENDEDORES, NÃO HAVERIA ALEGRIA!! POIS QUEM NÃO GOSTA DE ADQUIRIR UM NOVO BEM, DURAVEL OU NÃO, QUALQUER QUE SEJA? POREM SE TUDO QUE QUALQUER VENDEDOR SABE FOSSE PASSADO A TODOS OS CLIENTES, NADA SERIA VENDIDO, POIS TODOS E QUALQUER UM PRODUTO, TEM SEUS PONTOS AUTOS E BAIXOS, PORTANTO É DEVER DO PROFISSIONAL ENALTECER SOMENTE OS PONTOS POSITIVOS DO PRODUTO A SER VENDIDO E DIRIMIR OU NÃO CITAR OS PONTOS NEGATIVOS, SENÃO NUNCA SERIA VENDIDO UM PRODUTO QUE SAIRÁ DE LINHA OU AQUELES QUE NÃO SÃO TOP DE LINHA, ETC… CADA UM TEM O LIVRE ARBITRIO, DE PESQUISAR E DECIDIR O QUE É MELHOR PARA SI MESMO, E INDEPENDENTE DO VENDEDOR FAZER A MELHOR COMPRA!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *