Dúvida cruel: Fiat Punto 1.8 16V ou Ford Focus 1.6 16V

O internauta Pedro está com uma dúvida cruel em relação a qual carro ele deve comprar. No momento, ele tem um hatch médio na garagem e quer trocá-lo, no máximo, até agosto de 2010. É uma dúvida que até eu compartilho, já que também considero os dois modelos em discussão como possíveis “próximo carro”.

A dúvida é entre o Ford Focus GLX 1.6 16V e o Fiat Punto 1.8 16V nas versões Essence (azul) ou Sporting (vermelho). Vejam as considerações do Pedro.


Punto Essence ou Sporting 1.8

– Rodas 16″
– Freio a disco na frente apenas com ABS + EBD + air bag
– Blue & Me
– Spoiler traseiro
– Sensor de estacionamento + alarme
– Faróis de neblina
– 1 ano de garantia
– Mais fácil para estacionar
– Computador de bordo mais completo

Total: R$53.000 ~ R$54.000

Ford Focus 1.6 GLX

– Rodas 16″
– Freio a disco nas 4 rodas com ABS + CBC + EBD + air bag
– Som normal com apenas mp3 (entrada auxiliar)
– Suspensão multilink
– 3 anos de garantia
– Maior espaço
– Motor mais fraco
– Não tem farol de nebilna
– Sensor de estacionamento

Total: R$55.000 ~ R$56.500

Crueldade

Sugeri ao Pedro que fizesse uma cotação do Focus GLX 2.0 16V, pois ele seria o único modelo que conseguiria unir os pontos positivos do Focus GLX 1.6 16V e do Punto Essence/Sporting 1.8 16V. A questão foi que, segundo o caça-segredos Marlos Ney Vidal, a Ford pretende lançar, em outubro, o Focus 2011,5. A nova linha teria novas configurações de pacotes e equipamentos de série.

A versão GLX 1.6 passaria a ter faróis de neblina e porta-luvas refrigerado. Já o Focus GLX 2.0 contaria com acendimento automático dos faróis, sensor de chuva, espelho retrovisor interno eletrocrômico, Ford Power (partida sem chave); sistema de som My Connection, com conexões USB e para iPod, bluetooth e com o famoso comandos por voz; ar-condicionado digital dual zone; bancos em couro ajuste elétrico de altura e manual lombar do banco do motorista. Já a versão Ghia teria faróis direcionais. O preço só não pode subir, viu “Dona Ford”? Quando o seu carro começa a fazer sucesso no mercado é hora de subir o preço? Isso não pode!

A dúvida é tão cruel que eu resolvi passá-la para vocês. Vamos ajudar o Pedro!

Atualização: a compra do carro foi adiada!

Comentários (61)

  1. Tá com pressa? Punto! Pode esperar? Punto! O problema da Ford é que ela simplesmente ñ valoriza nem o Focus nem seus clientes. Ainda escuto que é um milagre achar um Focus a venda [e ñ é pq tá vendendo muito], um amigo meu trabalha em uma CSS da Ford e diz que os que chegam são logo vendidos, sendo que são poucos os que chegam, já deu p/ entender…

    Mas claro, eu preferiria o Punto Sporting, equipar um Essense com o que o Sporting tem, os deixaria pau-a-pau em termos de preço. Até agora só ouvi maravilhas desse 1.8 16V, ñ sei se o consumo é dos melhores, mas como o Punto é relativamente leve, deve ser. Já no Focus o Sigma pena e muito, o consumo do 1.6 beira o do 2.0 [que de econômico ñ tem nada].

    Eu iria de Punto, como já disse, a Ford ñ tá nem aí p/ o carro, e quem sofre são os clientes [tem falta de vergonha maior que larçar 2 linhas 2011 no mesmo ano? E pior, EM 2010!].

  2. E que tal negociar um Punto com 6 air bags? São apenas 2,5 mil a mais, vale a pena pela segurança extra e dá até p/ fazer propaganda na hora de vender. “meu carro está caro, mas pode procurar que ñ achar outro Punto com 6 air bags”.

  3. Mesmo com motor mais fraco, acho o focus com um conjunto melhor. Mais tudo depende do perfil do usuário!

    Se ele trocasse o Punto 1.8 pelo 1.6, o conjunto do Punto já agradaria mais e com a diferença de preço pro Focus dá pra pagar seguro e Ipva do Punto.

  4. Bom eu iria esperar um pouco mais para pegar o Focus 1.6 mais completo.
    Porem se ele esta com muita presa ele deveria comprar o Punto ou pensar em algum outro hatch médio tipo o I30 ou Vectra GT.

  5. O Focus é outra categoria e eu concordo. Tomo como base o 307 aqui de casa e o Punto que já pude conferir: o Peugeot é mais “no chão” e gostoso de dirigir (e falam que o Focus é ainda melhor), mas o Punto também me agrada muito, ainda mais com o novo 1.8.

    Se o Focus 2.0 aparecer por um bom preço, aí não tem dúvida. É ele.

    Mas entre o 1.6 e o Punto eu tenho a leve sensação de que o Fiat vai me dar mais prazer, pois é mais equipado e deve ser bem mais ágil.

    Tem mais 3 itens que eu acho que devem ser levados em consideração.

    1) O Punto Evo vai vir pro Brasil?
    2) O Focus eu sei que não muda.
    3) O Ford será que realmente vai ficar mais caro em outubro?

    Sobre as concessionárias, falam mal de Peugeot e a gente nunca teve nenhum problema nem com o carro e nem com a concessionária. Acho que com a Ford não vai dar erro.

    E sobre o airbag, tá aí mais um item que, no mesmo preço do Focus, é vantagem pro Punto.

    Complicado…

    Vou ver se vou na Fiat amanhã.

  6. Sempre gostei dos carros da Fiat, mas depois que comprei meu Focus… carro é Focus. O carro é um engolidor de curvas, confortável até demais, não dá manutenção. Só troco por outro mais novo. E essa história de rede concessionária ruim, eu discordo. Existem boas e más cc, o problema é justamente esse, não existe uma padronização dos serviços e atendimento, como em todas as marcas.
    Meu sonho é um dia ter o Focus 3ª geração no Brasil!rsrs

  7. Olha, esse post vai pegar fogo. hehe
    Acho ambos os carros bacanas!

    Mas eu iria de Focus pela plataforma e pelos 3 anos de garantia.

    Agora, se fosse o Punto Tjet no páreo aí seria outra história…

    Falando de potência de motores, vejam que interessante: Lendo a interessante história do VW Scirocco no Bestcars anotei: em 1983, (isso mesmo oitenta e três!) a VW preparou um motor aspirado de 4 cilindros, 1.8 litro e 16v para tirar dele 180 cavalos! (sem turbo mané!)

    E hoje no Brasil, quase 30 anos depois, ficamos felizes em ver motores 1.8 ou 2.0 com 140/150HP…

    Sei que são propostas diferentes mas pense bem, foi em 83! (talvez você nem tivesse nascido!) hehe

    Abraços!

  8. No preço do T-jet eu pego um Focus Ghia…

    O bom do Punto é que esse montado por mim já tem Bluetooth e entrada USB no som. O Focus só tem isso na versão 2.0 Ghia ou comprando a central multimídia, que custa quase R$2.000 a mais.

    Se for um Focus 2.0 a um preço bacana fechamos. Agora, entre o 1.6 e o Punto vai depender da melhor condição. E eu não gosto muito dos detalhes em vermelho do Sporting. Se ao menos o cinto e o câmbio fossem pretos seria mais aceitável.

  9. Gente, sei que é comodidade mas o preço cobrado por esses “rabichos” (as vezes chamam de centrais) USB/ipod, etc, são surreais!

    As fábricas estão lucrando e muito com isso como sempre.

    Lógico que tem a questão da segurança mas se é possível pegar o carro sem som OEM, com menos de mil reais (ou pouco mais) você instala um som + player com blutooth, USB e de quebra um cabo pra conectar seu ipod.

    Será que não vale a pena não?
    Só um pensamento alto…

  10. Só mais um detalhe… e quem garante que esses novos motores da Fiat não vão ser mais uma furada? Já é tradição da marca fazer motor que dá problema grave…

    Na visão geral, se você não ligar para isso e quiser arriscar, vá de Punto… Mas acredito que na revenda ele será muito mais desvalorizado que o Focus, devido a grande gama de equipamentos que vem no veículo, aumentando o seu preço… Oque o consumidor normalmente procura é um carro melhor (de categoria e motor) entretanto mais “pelado” desvalorizando assim os diversos itens. Isso fica a cargo da categoria do Punto por exemplo (O cara não pega o Palio completo pra ficar com um Punto mais pelado e no mesmo valor).

    Quanto ao Focus você estará em outra categoria, um carro bem mais imponente. Tudo bem que perde na força, mas não é tanto assim. Te garanto que o motor 1.6 16v da Ford é muito mais confiável que esse novo 1.8 16v da Fiat.

    Enfim, na minha opinião acho que vale mais a pena um carro de categoria superior à um de uma inferior, por mais completo que seja…

    Abraço

  11. PEDRO, JÁ TIVE VÁRIOS CARROS DA FIAT, MEU ÚLTIMO CARRO FOI UM HONDA CIVIC E AGORA ESTOU NO MEU SEGUNDO FOCUS. O CARRO É FANTÁSTICO. A DIFERENÇA É QUE O MEU É O 2.0 E NÃO SEI COMO É O 1.6.

    UMA DICA… PROCURE UMA DESSAS LOJAS DE “BOCA”. ACHE O MENOR PREÇO Á VISTA E VOLTE A CONCESSIONÁRIA.

    EU FIZ ISSO NA FORD. COMPREI O MEU CARRO MAIS BARATO QUE O MERCADO. PAGUEI METADE À VISTA E O RESTANTE EM 24 X SEM JUROS…

  12. Hoje voltei de novo da rua atrás de um Focus. Ele consegue ser ainda mais largo que o 307.

    Gente, que carro SAPO. Ele é totalmente “troncudo”. Uma tora mesmo, ehe. Dá vontade de ter um na hora.

    Vou tentar ir amanhã ou quinta na Fiat conferir a novidade pessoalmente e posto pra vocês.

    E Bruno, o legal do Punto é o comando de som no volante, que acompanha o Blue & Me. E ele já tá embutido naquele pacote Creative 4, que tem além do som, rodas 16, spoiler e umas outras coisas.

    Eu acho abusivo o preço desses sons, mas no caso do Fiat não acho tão absurdo.

    Abs,

    Pedro.

  13. Não sou fã de Hatch porém iria de Focus pelos motivos abaixo:
    Chassi de Volvo, direção eletro-hidráulica, motor novíssimo Sigma que vai equipar muitos carros da Ford pelo mundo, é de uma categoria superior, na enquete acima dá um show de preferência agora, para tirar suas dúvidas acesse o teste dos 100 dias da 4rodas e terá belas surpresas, além do mais o Bravo é um Fiat e sendo um Fiat pergunto: este motor vai ficar até quando?.

  14. Só para deixar alguns nervosos:
    Especial Melhor Compra 2010 4rodas

    De 50.000 a 60.000 reais.

    O City mostrou que tem disposição para encarar rivais maiores e mais potentes – e isso foi fundamental para sua vitória na categoria. O vice foi o Focus na versão GLX 1.6,com um bom pacote de equipamentos, deixando o Nissan Sentra 2.0 na terceira colocação, apesar de vender muito pouco.

    8.000km e cada vez melhor.
    Parizzi o convite está de pé para você pilotar o verdadeiro automóvel.

  15. Dantas, sério, não leve como verdade absoluta testes de revistas pagas. Estamos na era do jabá e ele corre solto nesse mercado!

    Dizer que um carro com o sobrepreço do City bate em Focus pra mim só prova minha desconfiança…jabá!

    Fonte confiável pra mim hoje em dia é a internet onde vemos o mais importante que é o feedback dos DONOS de automóveis.

    Até!

  16. Eu gosto do Best Cars.

    Pra mim são imparciais e fazem algo que as revistas grandes deixam a desejar: eles detalham TUDO nos automóveis.

    E, no Best Cars, o City geralmente fica com as últimas posições pelo preço, apesar do veículo ser de ótima qualidade.

    Os engenheiros justificam cada colocação. É muito bom.

  17. Dantas a Honda pagou um jabá sinistro hem!!! melhor carro de 50 a 60 mil….kkkkkkk…é pra morrer de rir…um honda Fit adaptado pra ser sedam ganhar de focus, cerato, sentra…essa foi a melhor compra mais forçada que vi na revista…

  18. Comparar Focus e Punto é complicado.

    Um deles é um compacto sem freio a disco nas 4 rodas, com um visual já cansado, tanto que sofreu alterações na Europa. Além disso, ganho apenas 4 estrelhas na euroncap. Basta olhar como o motorista ficou “colorido” no teste:

    http://www.euroncap.com/tests/fiat_punto_2000/28.aspx

    Já o Focus é um médio, moderno, com bastante espaço, um visual extremamente bonito, com disco nas 4 rodas, suspensão independente e garantia de 3 anos. No teste da euroncap ele ganhou 5 estrelas:

    http://www.euroncap.com/tests/ford_focus_2004/204.aspx

    As revisões do Focus são exatamente aquelas divulgadas no site e o atendimento das concessionárias em Belo Horizonte é muito bom.

    Se alguém ainda tiver alguma dúvida, faça um teste drive nos dois carros, entre numa curva mais acentuada com ambos e depois coloque sua opinião.

  19. Ao Hugo e demais proprietários do Focus:

    Eu sei que em termos dirigibilidade o Focus supera facilmente o Punto, isso é indiscutível.

    Mas bateu só uma dúvida quanto as revisões, pois às vezes a gente consegue chorar um valor abaixo do preço de tabela.

    Você conseguiu algum desconto sobre os preços no site? E o Focus tem muitos barulhinhos internos?

    Abs,

    Pedro.

  20. CARO PEDRO, Eu tenho um Punto 1.8, gosto dele e quando fui comprar fiquei na duvida entre pagar um pouquinho a mais e pegar um 307, acho q se fosse hj seria a duvida q vc tem e meu veredito: VAI DE FOCUS, quando o (pouco) tempo passar vc vai perceber que pagou mais de 50 mil num carro que deveria ser o substituto do palio é divertida a direção mas FALTA NO PUNTO O ALGO MAIS que o FOCUS TEM, mais conforto, mais espaço, é claro que tem um que de eletronica embarcada que a fiat coloca em seus carros mas não é o q devemos esperar por um carro de mais de 50 mil. Cara se vc conseguir um voo mais alto compra o FOCUS 2.0 GLX aproveita que ele vai mudar em outubro e negocia um preço melhor, quando for vender detalhes que a montadora coloca a mais (mesmo opcionais q vc pague) não aumentam o valor do seu carro, no máximo te ajudam a vender um pouco mais rápido e se vc não vende para particular, aí sim é q não fazem diferença.

  21. OBs. : Optei pelo Punto e mesmo agora sabendo que o 307 vai sair de linha se tivesse comprado ele tenho certeza que estaria mais satisfeito.
    Se pudesse voltar a trás teria comprado um carro superir, Hoje um FOCUS.

  22. PEdro, tem mais 2 coisas:
    O Punto é carro de Show room de concessionária, vc vai ficar impressionado ao velo lá parado, cuidado para não se deixar vender por esta imagem.
    O Punto apesar de menor que o FOcus ele tem ombro alto e estaciona-lo sem sensor de estacionamento é uma coisa engraçada, não que seja dificil, mas ele parece ser tão grande quanto um landau (rs), vc fica todo cuidadoso.

    Pra finalizar o portamalas é pareo para o PALIO, GOL, C3 e cia ltda. Mas se vc não sai da cidade ou não carrega carrinho de Bebe isso não importa.

  23. Pedro, as revisões são tabeladas e você pode dividir em até 4 x sem juros.

    Nunca tentei pedir desconto, mas acho difícil conseguir.

    Com relação aos barulhos internos o meu carro apresentou alguns, mas foram resolvidos pela concessionária. O atendimento foi muito bom e atencioso.

    Inclusive, enquanto o meu Focus estava na concessionária para olhar os barulhos, a Ford deixou comigo um carro reserva.

    Outra coisa é a garantia de 3 anos. Meu carro está na revisão e só agora vi um pedaço do forro do teto solto. É num lugar escondido e só vi por sorte. Não é nada complicado, mas como são 3 anos de garantia bastou eu mostrar para o consultor que eles já vão resolver o problema.

  24. Estive vendo também como o Punto é fácil de roubar e visado.

    A fechadura dele é um caso sério, e comprar um carro pra isolar a fechadura não me agrada.

    Mais uma pro Focus…

    Vou ver o lado financeiro agora, que é o maior problema.

    Tendo dinheiro vou no Focus sem pensar duas vezes. Resta a Ford fazer uma boa condição pra minha família, pois serão 2 carros (um pra mim e outro pro meu pai).

    Devo rodar uns 20km ou 30km diários nele.

  25. Que fique bem claro, o Punto foi 5 estrelas e pode ser equipado com air bags laterais e de cortina. O Focus foi 5 estrelas tb mas o brasileiro é uma negação. Air Bags duplo apenas e de estágio único! Pode?! A propósito, disco nas 4 ñ é tão importante assim em carros de potência tão baixa. E se for por isso, leva um Stilo que é o único da categoria a ter todos os 4 discos ventilados [contra frontais ventilado e traseiros sólidos nos demais da categoria].

    A propósito, os carros europeus são avaliados com os 6 [ou mais] air bags, como o Focus só tem 2… vamos dar um desconto de 1 estrela, já o Punto pode ter todos [claro, é uma mosca branca visto que brasileiro se confia nas próprias abilidades e na reza do padre…].

    Mas saíndo do importante p/ o mais supérfluo, o Focus tem porta-malas maior, melhor espaço interno e acabamento melhor tb. A favor do Punto tem o B&M, o preço mais em conta, a melhor aceitação no mercado, o motor mais potente e econômico [isso pesa muito] e a opção de câmbio Dualogic. E se quiser se mostrar o Sporting ainda vem com o teto solar como opcional, mas isso é besteira, leva os 6 air bags que tá bom.

  26. Vou confirmar se a Fiat dá desconto de 8,5% para CNPJ. Mais um ponto pro Punto.

    Mas a minha opção vai ser o Focus 2.0. Acho que o Punto nesse caso não tem nenhum argumento que justique a escolha.

    Não sendo o 2.0, vou ver se consigo um bom desconto no Ford 1.6. Caso o desconto não exista, vai no Punto mesmo.

    Me desagradou o fato do Punto ser aberto com muita facilidade e, além do mais, o Focus (tomando como base o 307) deve ser consideravelmente mais “no chão”.

    Aos que têm o Focus: qual a quilometragem e a sensação de robustez da suspensão e motor + câmbio do carro de vocês?

    Abs,

    Pedro.

  27. Fabiano, eu também ficaria com o focus, mesmo com esse motor que com certeza faz o carro com 5 ocupantes, ar ligado, e mala cheia ficar manco. Não que o sigma seja ruim, o problema é o peso do focus 1290Kg, 100 kilos a mais que o modelo antigo! Se não fosse essa gordurinha…

  28. Paulo Freire, pelo site da Euroncap o punto é 4 estrelas. Já o focus possui 5 estrelas.

    Pedro, quando fui comprar o Focus eu rodei várias concessionárias e os melhores preços que consegui foram na Espaço Ford, na Antônio Carlos, e a Motorsete, em Sete Lagoas.

    Acabei comprando na Motorsete porque o vendedor Luiz me fez um preço muito interessante, e só precisei rodar 70 kms para pegar o carro.

    Faça uma boa busca porque de um lugar para o outro o preço varia bastante.

  29. Pedro, o meu é um Focus 2.0 GHIA 2009 e está com 15000 +- e o carro é fantástico. Tem espaço para 5 adultos sem aperto. O porta malas é ótimo para as compras do mês. Para viagens é só conversar com a patroa. A minha por exemplo, enquanto tiver espaço, ela acha algo para colocar. Na última viagem para o Rio, estava escuro e um cavalo entrou na frente. Tive a reação de frear e “tirar” o carro. O comportamento foi fantástico e o carro nem chegou a xiar. Ele estava o tempo todo na mão.

    È importante frisar… O PROJETO É EM CONJUNTO COM O VOLVO C30.

    Olhe também o preço do seguro, isso é muito importante!!!!! Procure um corretor amigo e faça a comparação.

  30. Outra coisa, procura um loja de “boca”. Pega o menor preço e vá até a consecionária. Bota preção.
    O meu comprei com o preço de à vista , sendo 50% de entrada e o restante “sem juros” em 24x.

  31. Renato Dantas, agradeço o convite novamente.

    Queria te perguntar se o seu carro está sofrendo com a ferrugem? A Quatro Rodas fez uma matéria sobre esse problema nos modelos Fit e City da Honda.

    Um abraço!

  32. Renato Parizzi, como sou cuidadoso fui na Auto Japan e solicitei uma verificação e nada foi encontrado até o presente momento.
    Quase 8.000km só alegria.

  33. Fui na Fiat da avenida Senhora do Carmo conferir o Punto.

    Pra minha supresa, não havia nenhum modelo 2011 no show room. Só tinha de fato um Punto em toda a concessionária.

    E ele, no entanto, estava pra sair com seu dono. Deu tempo de pedir pra dar uma olhadinha no carro com o painel aceso e no exterior.

    O modelo que vi era o 1.6 16v, com calotas e Blue & Me.

    Confesso que gostei do CB, mas esperei que a iluminação do painel fosse mais viva, ou seja, mais forte.

    Depois de ver a do Focus e acostumado com a do 307, que são bem “vivas”, achei a do Punto meio morna.

    De resto, continuo gostando do carro, mas eu só esperava mais da iluminação, pois eu vi algumas fotos em que ela aparecia “enérgica”. Infelizmente não pude ver o automóvel direito.

    Vou tentar arrumar um tempo maior e ir na outra Fiat.

  34. Tudo bem, temos que aceitar que existe o jabá para melhorar este ou aquela produto mas, não podemos ignorar a qualidade dos produtos Toyota e Honda são extremamente confiáveis, mesmo depois do mega recall da Toyota.

  35. Todas matérias e avaliações que li colocam o Focus como superior na categoria e imbatível no custo-benefício. Acho que vale a pena esperar as mudanças e apostar no Focus, que parece estar recebendo maior atenção da Ford para ampliar o número de vendas do modelo. Não acredito que os preços subirão, pois isto contrariaria o objetivo de aumento nas vendas.

  36. Eh focus talvez esteja em uma categoria acima…

    Mas se comparado o comforto entre eles nem pensaria duas vezes punto eh muito confortável sem comprometer a estabilidade…além de ter a manutenção bem mais barata.

    Pude testar os dois, o focus 2.0 de um amigo e o punto 1.6 16v na concessionária.

    Andei de focus me surpreendi com o acabamento digno de um popular e a suspensação dura…jamais pagaria os 53.000 por ele.

    Já o punto não esperava grandes surpresas mas qnd andei no paralelepípedo não sentia nd o carro eh mt macio e na curvas nao se torna perigoso faze-la um pouco rápido…testei o 1.6 pois era o único 2011, o desempenho foi bom demora um pouco nas retomadas mas no mais andou bem.O 1.8 16v deve ser mt mais interessante, então eu iria de punto 1.8 com certeza.

    Abrass

  37. Possuo um Punto 1.8 16V 2011 Sporting, tem ar digital, blue&Me, espelho eletrocrômico, sensor de farol e chuva, vidro elétrico nas 4 portas, banco bi-pertido, alarme e banco de couro, digo que o carro é excelente, muito estável, baixo nível de ruído, quanto ao consumo na estrada fiz 10km/l com álcool (4 pesoas mais bagagem), na cidade fica em torno dos 7km/l (depende muito do transito), pois na cidade já fiz média de 9km/l com álcool. Agora tem-se que observar que um motor de 132cv não pode gastar como um carro 1.0 ou 1.4. Não se pode comparar um Focus com Punto, são de categorias diferentes, O Punto é um carro muito mais esportivo e visual agradável, agora se for mais idoso vá de Focus.

  38. Não há dúvida alguma. Opte pelo carro que, sem sombra de dúvidas, é superior: o Ford Focus. O consumidor brasileiro se viciou em achar que carro melhor é aquele com mais acessórios supérfluos e bonitinho, esquecendo-se do essencial. O Focus tem o essencial, beleza e ainda conforto de sobra. A começar pela suspensão independente na traseira, coisa que o Punto ñ tem. Além disso tem ABS e airbag de série. Outrossim, tem freios a disco nas 4 rodas, coisa que o Punto tb ñ tem. Isso significa que o Focus é mais seguro. Mas se o consumidor quer um carro com botõezinhos e um motorzão duvidoso que ainda ninguém sabe se presta como o Punto 1.8 16V, que tal gastar mais um pouco e comprar um Focus 2.0? Além de tudo isso, o Focus tem mais estilo, é melhor de dirigir, mais estável, tem mais conforto e um acabamento superior. E para encerrar, ñ é um FIAT, a marca que mais faz experiência de motor no Brasil e não emplaca nenhum!!!

  39. (DUVIDA ENTRE FOCUS 1.6 OU PUNTO 1.8): VÁ DE FOCUS 1.6 NÃO TENHA DUVIDÁ, ANDA BEM, EXTREMAMENTE CONFORTÁVEL, ESPAÇOSO E PORTA MALAS GIGANTE,ALÉM DE SER ROBUSTO COM DESENHO SUPERIOR, CHEGA CHEGANDO EM QUALQUER LUGAR,É OUTRA CATEGORIA NÃO TEM COMPARAÇÃO…

  40. Também estava na dúvida entre um Punto 1.6 16v ou um Focus 1.6, Escolhi o Punto 1.6 com Skydome, nem compara, Punto é presença, tem bom acabamento e design, Focus é carro de idoso, para quem só se importa com “confiabilidade”, pessoal, o que importa é a emoção ao dirigir, Focus tem acabamento de FORD KA! E com Motor 1.6 parece 1.0!!

  41. Veja como é a vida….. estavam falando de carros de mais de 53.000,00 e hoje apenas dois anos depois não conseguem pegar 32.000,00 no punto e 35.000,00 no focus… meu pai perder 20K em dois anos é de amargar qualquer um… sem contar: IPVA, Seg. obrigatorio. Seguro, licenciamento, Manutenção, Combustivel, e se duvidar juros do financiamento…. da pra perder mais de 30K nesses dois anos ou seja outro carro equivalente. É uma pena como o Brasileiro sofre para comprar carro e paga tao caro e perde tanto para ter um pouco de conforto!! Vamos pensar melhor gente…. cuidado com esse tal de novo IPI.
    Autor do blog, favor postar esse comentário… obrigado.

  42. Olá a todos, tenho um Titanium manual. O carro é excelente e um primo comprou um 1.6 na semana passada. Motorização faz diferença brutal na estrada, em arrancadas, claro que o 2.0 fala mais alto, mas você não se decepcionará com o 1.6 16v, só não vai mexer com gente grande no sinal. Na estrada o carro perde velocidade em marchas altas, é necessário estar sempre trocando as marchas o que não é nenhum sacrifício, haja vista que o câmbio é uma delícia. O punto é um carro mais bem equipado, mas de uma categoria inferior. Todos esses acessórios só ajudarão na revenda no mesmo valor de outros Puntos sem os referidos acessórios. Espero ter contribuído para o debate. Rafael

  43. PROPAGANDA ENGANOSA

    Essa nova geração de motores adquiridos pela Fiat, batizada de “E-torq” decepciona justamente porque torque não é seu forte.
    Sou dono de uma versão 1.8 16v e logo nos primeiros quilômetros estranhei uma certa “LERDEZA” quanto a aceleração nas primeiras marchas. Achei que se tratava de uma questão de “amaciamento” do motor, porem o carro já passa dos 15 mil km e hoje posso afirmar minhas suspeitas.
    Esses motores possuem uma RELAÇÃO DE MARCHAS MUITO LONGA, prejudicando a aceleração (tanto em baixas quanto em altas rotações). Naquelas horas em que você precisa sair rápido ou mesmo de uma retomada em uma ultrapassagem você precisa “trabalhar” sempre em altas rotações para obter um desempenho satisfatório. No transito, constantemente tenho que fazer reduções!… um absurdo para um carro que promete “130cv”!
    Já tive um Palio com motor 1.6 16v de apenas 106 cv de potência e garanto que ele deixa esse Punto 1.8 16v pra traz fácil… fácil.
    Não pretendo continuam muito tempo com esse Punto, pois se for pra dirigir como um 1.0 prefiro pagar menos.
    Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *