Salão do Automóvel de São Paulo – parte 1

Hoje foi o primeiro dia de imprensa do Salão do Automóvel de São Paulo. Foram 17 coletivas ao todo. Fiquei no local do evento de 8h da manhã às 19h30. Foi cansativo mas, como sempre, no final das contas, valeu a pena.

Não vou falar aqui de tudo que as marcas de hoje mostraram no Salão. Prefiro focar nos carros e nos pontos que mais gostei e/ou achei interessante. Já de início, três termos estavam presentes em quase todas as apresentações: as palavras sustentabilidade, inovação e o conceito “design fluído”. Se as montadoras tivessem combinado, não teriam conseguido repetir estes termos tantas vezes

Ford
O dia começou com a coletiva de imprensa da Ford. A marca mostrou seus quatro pilares de comunicação, sempre usando um carro para representá-los: criatividade (New Fiesta), qualidade (Focus), sustentabilidade (Fusion Hybrid) e segurança (Edge). O Fusion Hybrid vai custar R$ 133.900, enquanto o novo Edge, agora mais equipado, terá preço de R$ 122.000.

Já o Focus passar a ser vendido com mais equipamentos de série, como já discutimos por aqui, e por um preço mais alto – tudo para afastá-lo do New Fiesta. A versão Ghia sai dor mercado e dá lugar à nova topo de linha Titanium. Veja mais detalhes no post abaixo.

Até 2013 a Ford pretende atualizar todas as suas plataformas no Brasil, incluindo o lançamento do novo EcoSport.

Fiat
Os italianos têm 30 carros expostos mo Salão, entre eles os carros conceitos FCC III (Mio), Uno Cabrio e Uno Ecology, o Novo Uno Sporting (que chega às concessionárias em breve) e o Bravo. O Mio é até legal, mas o Uno Cabrio o Bravo são as atrações do Salão.

O Uno Cabrio ficou realmente atrativo, ainda mais com o motor 1.4 T-Jet debaixo do capô. Ele tem visual diferenciado e agressivo, sendo um conversível de dois lugares.

Já o Bravo tem um visual arrasador.

Internamente, eu esperava um pouco mais de requinte, mas o acabamento é bom. O modelo tem até uma bela tela no meio do painel, mas que não é sensível a toque (segundo uma pessoa da Fiat, novidades sobre essa tela e sobre outros detalhes tecnológicos do Bravo serão anunciados até o final de novembro). Gostei também da posição de dirigir e da capacidade do porta-malas, mas o espaço interno é ruim, especialmente para as pernas. Os motores são o 1.8 E.TorQ (Essence e Absolute) e o 1.4 T-Jet.

Mitsubishi
Vale conhecer o novo ASX (Active Smart Crossover).

Hyundai
Os coreanos mostraram apenas o novo Sonata, que tem até ar-condicionado com ionizador (para matar bactérias). O sedã é interessante e tem atributos para se dar bem no seu segmento. Mas me perguntei: por onde andan i30 flex Tucson flex?

Chevrolet
Não sei se estive na coletiva de imprensa da Chevrolet ou num episódio ao vivo do seriado Glee. As quatro principais atrações da marca no Salão foram apresentadas com direito a uma performance musical, ao som de Lady Gaga e Black Eyed Peas, por exemplo. As apresentações foram até legais, mas foram um pouco exageradas.

Voltando aos quatro carros, são eles: nova Montana, Malibu 2011, Omega 2011 e Camaro V8, que vai custar R$ 185.000.

Bumblebee, dos Transformers, em tamanho real, também marca presença no Salão, assim como o uma unidade do Aveo hatch azul, outra do “aventureiro” Agile Crossport laranja (para testar a reação do público) e mais uma do “esportivo” Celta White .

Volkswagen
Embora com um estande grande e cheio de atrativos, a Volkswagen teve poucas novidades na prática: novos Jetta, Passat e Touareg. Os carros realmente evoluíram e ficaram mais bonitos e modernos. Dos três, o destaque foi o Jetta, que será lançado com motor 2.0 TSI. Uma versão 2.0 flex também é esperada.

A Volkswagen mostrou ainda a Saveiro RockeT, uma versão esportiva da Saveiro cabine estendida. O trabalho ficou muito bem feito. Debaixo do capô, a picape conceito está equipada com motor 1.4 turbo. Mas o que eu mais gostei do estande da Volks foi a Bik.e, uma bicicleta elétrica com um inovador mecanismo de dobramento, autonomia de 20 km, velocidade máxima de 20 km/h e peso de 20 kg.

Aproveitando a visita ao estande da VW, vá ao espaço logo ao lado e veja o espetacular Seat Ibiza Cupra!

Toyota
Os japoneses têm um estande morno, com um Corolla cromado, três conceitos, uma Hilux que “escala” a parede e o novo Rav4 4×2.

Mercedes
Vale a pena passar pelo estande da Mercedes-Benz, não só pelo modelos já tradicionais, mas por casusa dos lançamentos da marca: SLS AMG GT3 (primeiro semestre de 2011), E 350 Cabrio e o S 400 Hybrid. Vale conferir o C 180 CGI (R$ 115.000) e o Classe B com 180 com sistema park assist (que estaciona sozinho).

A Mercedes exibiu o seu forte slogan: the best or nothing.

Renault
Sem dúvida vale visitar o estande para conhecer o novo Fluence, que terá motor 2.0 16V flex com câmbio automático CVT (obrigado Sentra!). O sedã é mais bonito ao vivo e tem espaço interessante. Vale conferir também o já tradicional carro de F1 e também o Sandero Concept.

 Nissan
Outro estande que vale a visita por causa de um modelo, o March, futuro novo compacto da marca, com 3,78 m de comprimento, previsto para o fim de 2011. O Leaf também vale conhecer.

Peugeot
A marca do leão veio forte para o Salão, apresentando três modelos que podem ter destaque no Brasil. O 3008 começa a ser vendido ainda em 2010, partindo de R$ 79.900 na versão de entrada (Allure) e chegando a R$ 86.900 na topo de linha (Griffe). Ambas têm motor 1.6 turbo de 156 cv de potência, freios ABS, seis airbags, controle de estabilidade, ar-condicionado digital dual-zone, conexão bluetooth, compartimento refrigerado no console central e rodas aro 17”. O 3008 Griffe vem equipado ainda com bancos revestidos em couro, teto solar panorâmico, bancos dianteiros aquecidos e sensor de chuva e crepuscular.

Já o 408 Sedan chega no primeiro trimestre do ano que vem, com a motorização 2.0 flex e, provavelmente, com a 1.6 16V flex, prometendo fazer o que o 307 Sedan nunca conseguiu: ser um sucesso de vendas. O belo esportivo RCZ está no salão e deve chegar às ruas brasileiras no segundo semestre de 2011.

Honda
Assim como a Toyota, a Honda não tem nenhuma atração que justifique a visita, embora seus modelos e conceitos sejam  bem interessantes. Vale, pela curiosidade, passar pelo estande para ver o Insight.

Subaru
A marca apresentou dois modelos que justificam a visita ao estande: Impreza XV e Impreza Sedan WRX STi.

Citroën
Carente de novidades depois da chegada do Aircross, a marca francesa foi uma das que mais investiu em atrações. Então o visitante poderá encontrar todos os modelos da marca vendidos no Brasil. Destaque para quatro cabines com Gran Turismo 5, uma parceria com a Sony que vai presentear um visitante por dia com um Playstation 3. Vale também conhecer o belo conceito GT, um verdadeiro espetáculo de carro. (fotos: Renato Parizzi, menos a do interior do Bravo e do Uno Cabriolet/Fiat/Divulgação e do Fluence/Renault/Divulgação)

Comentários (10)

  1. Qual a Justificativa para a Ford vender o Fusion Hybrid por R$133.900,00 se nos EUA ele custa o equivalente a R$ 56.000,00 já com impostos. O carro não é fabricado no México!? Mesmo que venha direto do EUA…aínda assim está muito caro.

  2. Quanto ao Camaro da chevrolet sem comentários… um dos cabeças da GM disse que se tiver um V8 mais barato que o Camaro no Brasil, ele disse que dá desconto!
    Boa justificativa para esfolar o bolso de quem tá com grana sobrando!

    R$ 185.000,00…cômico.

  3. Achei o jetta com um visual muito “recatado”, ficou bonito mas a traseira exuberante do modelo anterior chamava mais atençao, esse está muito discreto, até demais. Já o cerato Hatch e belissimo.

  4. A Nissan com este carro horroroso, motor 2.0 no Jetta?, ainda por cima com 116cv com gasolina?, é um retrocesso. Quanto a jurássica GM deveria se mancar e não participar com estas pobreza dos nacionais, apesar de não ser chegado aos franceses admito, o 408 está mais bonito que o Fluence, e vai vender mais que o Renault.
    É triste não poder participar sequer um dia neste salão do automóvel de SP.

  5. renato dantas, o novo Jetta vem equipado com motor 2.0 TSI de 200 cavalos e câmbio automático DSG com dupla embreagem, aliás, se a VW manter seu preço, que incrivelmente é o esperado, será uma ótima opção de compra

  6. Gustavo Meneghetti segundo eu li, haverá uma opção com autorização 2.0 flex aspirado que equipa o Polo Sedan e o Bora, com 116cv a gasolina, assim sendo o motor do City com 115cv só deve perder para o Jetta no torque.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *