Renault Logan 2012 1.6 16V automático chega por R$ 41.950

Quem quiser comprar um Logan automático já pode procurar na concessionária Renault mais próxima. A marca acaba de lançar a linha 2012 do sedã, que chega com aperfeiçoamentos internos, uma única mudança visual, uma nova opção de câmbio e o retorno do propulsor 1.6 16V flex, que saiu de linha Logan quando o Symbol chegou ao mercado.

A transmissão automática do Logan, com opção de troca sequencial, é a mesma que recentemente passou a equipar o Sandero. Ela tem quatro marchas e atua junto com o motor 1.6 16V Hi-Flex, que desenvolve 107 cv de potência e 15,1 mkgf de torque com a gasolina e 112 cv e 15,5 mkgf com etanol. A dupla está disponível apenas para a versão topo de linha, Expression.

A versão Expression automática sai de fábrica com ar-condicionado, direção hidráulica com regulagem de altura do volante, travas elétricas com sistema CAR (travamento automático a partir de 6 km/h), vidros elétricos dianteiros, computador de bordo, faróis de neblina e rodas de aro 15 (pneus 185/65). O preço inicial sugerido é R$ 41.950.

O consumidor conta com a seguinte lista de opcionais: rodas de liga leve 15”, Pack Segurança (freios ABS, airbag duplo, terceiro apoio de cabeça traseiro e volante com revestimento em couro), e o Pack Conforto 2 (Rádio CD Player integrado ao painel – com MP3, USB, entrada auxiliar/iPod e Bluetooth – e comando satélite, vidros elétricos traseiros, retrovisores elétricos na mesma cor da carroceria e alarme)

Quando equipado com os mesmos equipamentos de série da versão 1.6 16V automática, o Logan Expression 1.6 8V manual custa a partir de R$ 38.450 (com o Pack Conforto 1) – R$ 360 mais caro do que a linha 2011 com Pack Conf 1.

Interior evolui
Externamente, a única alteração na linha 2012 do Logan está na traseira do automóvel. Seguindo a nova identidade visual da marca, o nome com a identificação do modelo foi para o centro da tampa do porta-malas, o que já ocorre, por exemplo, com o Grand Tour, Symbol, Sandero e Fluence. Ainda pelo lado de fora, uma nova cor está disponível, o Bege Poivre, que se junta a Branco Glacier; Prata Etoile; Bege Angora; Preto Nacré; Azul Crepúsculo; Cinza Acier e Vermelho Vivo.

No interior, o painel pode ser equipado com o novo e mais moderno rádio – também o mesmo do Sandero. Além de rádio AM/FM e CD-Player, conta com processamento digital de som (DSP), reproduz músicas nos formatos MP3 e WMA; tem entradas auxiliar, do tipo “jack”, e outra para conexão USB/iPod. O som pode ser controlado pelo comando satélite instalado na coluna de direção. O novo rádio do Logan 2012 conta com a tecnologia Bluetooth, que permite conectar um telefone celular ao sistema de áudio do veículo, permitindo ao cliente realizar e atender chamadas pelo comando satélite.

Segundo a Renault, os botões de acionamento do ar-condicionado foram redesenhadas, ganhando um formato moderno e mais anatômico. Os anéis dos contornos das saídas de ar e os puxadores das portas agora são na cor cinza inox. O espaço interno continua ótimo para cinco adultos, o porta-malas tem os mesmos excelentes 510 litros de capacidade e a garantia é de 3 anos (ou 100.000 km, o que acontecer primeiro).

Resumo
Com as mudanças visuais da linha 2011, o modelo conseguiu ficar apresentável. As alterações na traseira do modelo 2012 praticamente não mudam em nada o design do veículo. Mas acho que o que importa é que, sem dúvida, o Logan continua com um conjunto atraente. O espaço interno é muito bom, assim como o espaço para bagagem. A opção por câmbio automático aumenta a versatilidade do consumidor, que pode descansar o pé esquerdo. Falta agora entender como vai ficar o Symbol.

Comentários (8)

  1. A Renault agora dependendo das vendas dos modelos automáticos da dupla Sandero e Logan deve investir em um câmbio de 5 velocidades. Creio que esse passo adiante dependerá do mercado. Uma vez que ela não gastou quase nada para fazer essa adaptação da Scenic em seus dois carros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *