Venda de carros e comerciais leves se aproxima de recorde

As vendas de automóveis e comerciais leves novos em agosto até a quarta-feira superaram o volume de todo o mês anterior e todo o volume comercializado um ano antes, aproximando-se do recorde histórico definido em dezembro de 2010, informou uma fonte do mercado com acesso aos dados preliminares de emplacamentos.

Até o dia 29 deste mês, foram emplacados 358.409 automóveis e comerciais leves, 2 por cento acima do licenciado em todo o mês de julho e 16,45 por cento a mais do que o total vendido em agosto de 2011.

Com 21 dias úteis até a quarta-feira, o volume de emplacamentos por dia útil em agosto corresponde à forte média de 17.067 veículos e aconteceu em meio à expectativa dos consumidores com o suposto fim da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados, que acabou sendo prorrogada na véspera por dois meses, até 31 de outubro .

O recorde histórico de vendas de veículos ocorreu em dezembro de 2010, quando foram emplacados 381.552 veículos, dos quais 361.230 eram automóveis e comerciais leves. Se a média diária de vendas deste mês for mantida até a sexta-feira, agosto vai superar o recorde histórico anterior, com emplacamentos de 392.543 unidades, segundo cálculos da Reuters.

O volume de vendas acumulado no ano até dia 29 soma 2,342 milhões de automóveis e comerciais leves, crescimento de cerca de 5 por cento sobre o total de licenciamentos de janeiro a agosto de 2011.

No início do mês, o presidente da associação de montadoras, Anfavea, Cledorvino Belini, afirmou que apostava em recorde de vendas e também de produção em agosto, diante da corrida de consumidores interessados em aproveitar preços antes do fim do desconto do IPI, que acabou sendo prorrogado.

A Fiat licenciou até a quarta-feira 87.874 automóveis e comerciais leves, alta de 46,7 por cento sobre o volume emplacado no mesmo período de 2011. Volkswagen apurou vendas de 78.359 unidades, avanço anual de 35 por cento, enquanto a General Mortos registrou licenciamentos de 67.781 veículos, alta de 37 por cento na comparação com agosto do ano passado, informou a fonte.

Ford registrou vendas de 27.445 automóveis e comerciais leves até dia 29, crescimento de 13 por cento sobre o mesmo período de 2011. A Renault se aproximou da rival norte-americana, apurando licenciamentos de 24.262 unidades, expansão anual de 52,6 por cento, segundo a fonte.

Texto: Alberto Alerigi Jr.
Fonte: Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *