Veja os 36 anos do Ford Fiesta em apenas 1:25s

A Ford divulgou, no último dia 21, um vídeo que mostra os 36 anos de história do Fiesta, mostrando a evolução do carro durante este tempo. Este material marca a chegada da primeira reestilização da atual geração do modelo, que será lançada (e fabricada) no Brasil em 2013.

O Fiesta foi lançado na Europa em 1976 e já vendeu mais de 15 milhões de unidades em todo o mundo. A evolução do veículo é considerável. Não podemos nem comparar a primeira geração com a atual; mas fica também difícil comparar a atual geração com a anterior – que ainda é vendida no Brasil com o nome de “Fiesta” e com um design questionável.

Atualmente importado do México, o New Fiesta (como é conhecido por aqui) representa o presente e o futuro do modelo. Esqueçam do nosso Fiesta e pensem apenas no New Fiesta (torço para perder o New quando a geração anterior sair de linha no Brasil), que é fruto de um projeto muito mais moderno, seguro e eficiente (e, infelizmente, caro aqui no país).

Comentários (6)

  1. O Fiesta tem uma boa história lá fora. Acredito que se ele tivesse vindo pra cá desde a primeira geração, essas duas útimas teriam um histórico de vendas e tradição semelhante a Uno e Gol, mas a Ford do Brasil teve um Hiato durante o fim dos anos 70 até o fim de 90. Carros defasados e sem personalidade.

    Insistir no Corcel no lugar dele, talvez, tenha sido uma mancada.
    Assim como investir no Del Rey (claramente aquém de Santana/Monza/Opala) ao invés de trazer o Granada ou Sierra.

  2. Vídeo muito legal! Essa versão 2012 está linda. Tb não gosto do nome New Fiesta. A Ford faz carros bons (já tive Fiesta, Escort XR3 e Focus), porém, cometeu um erro estratégico ao importar o New Fiesta do México sem preço competitivo. Agora que será fabricado no Brasil, tem que ter preço na faixa dos 30 a 40k, para brigar de igual para igual com Onix e HB20. Minha torcida é para a Ford colocar o novíssimo motor 1.0 EcoBoost de 123 cv nessa carro, mas acho que isso é sonho. Que venha esse novo carrinho brasileiro, mas sem essa de ser premium. Premium é aquele compacto que o fabricante não quer abaixar o preço e inventa essa para ver se cola. Carro sem ABS, AIRBAG, AR, DIREÇÃO e TRIO ELÉTRICO nem deveria existir mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *