Em ação publicitária de péssimo gosto da Hyundai na Europa, homem tenta suicídio dentro de um ix35

Reprodução do Youtube

Quando nos achamos que já vimos de tudo em termos de ações publicitária, vem sempre uma marca e supera a outra. Já tivemos comerciais péssimos, ridículos, medianos, bons e excelentes. Mas, nesta semana, a Hyundai colocou no ar na Europa uma campanha mórbida do ix35!

O comercial retrata a tentativa de suicídio de um senhor por meio de intoxicação de gás com o auxílio do ix35. Com fitas, ele prega uma mangueira no escapamento do veículo, colocando a outra ponta dentro do carro, vedando a passagem de ar com mais fitas adesivas.

Dentro do Hyundai, o homem com aspecto de tenso e triste, com a barba por fazer, liga o carro e parece ir “relaxando” com a suposta entrada de monóxido de carbono e de outros gases poluentes no interior veículo. Entretanto, “graças à tecnologia da Hyundai”, o suicido do homem acabou frustrado, uma vez que o ix35 emite apenas água na atmosfera.

O bizarro anuncio termina com o senhor saindo do carro, abrindo a porta da garagem e andando em direção à sua casa.

Assista ao comercial:

A tecnologia do ix35 é muito legal (e o carro é muito bom), mas usar o suicido para demonstrá-la foi de extremo mau gosto. É realmente lamentável. Confesso que me senti muito mal depois de assistir este vídeo.

O anúncio foi removido na tarde de ontem graças, principalmente, a uma carta da britânica Holly Brockwell descrevendo, de forma emocionante, como ela se sentiu ao assistir ao comercial, uma vez que seu pai morreu da mesma forma que o filme retratava.

Segundo a BBC, a Hyundai pediu “sinceras desculpas” pela campanha e disse que o material criado não será utilizado em nenhuma publicidade ou marketing da companhia.

Hyundai ix35 – Hyundai/Divulgação

Tarde demais, Hyundai. O estrago já foi feito. Melhor pensar ANTES de colocar o anúncio no ar. Encerro com uma fala da Holly: “Meu pai nunca dirigiu um Hyundai. Graças a vocês, eu também nunca irei.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *