Fox ganha novo e moderno motor 1.0 na versão BlueMotion! Obrigado Volkswagen!

Volkswagen Fox BlueMotion 2014 motor tres cilindros Brasil

Se a linha 2014 do Fox recebeu mudanças interessantes, o que poderíamos esperar da tardia chegada do Fox Bluemotion 2014? Por fora não há nada de atraente. Mas, debaixo do capô, temos um dos lançamentos mais aguardados da Volkswagen nos últimos anos: o motor 1.0 12V flex de três cilindros!

Estamos vendo uma espécie de “avant-première” deste propulsor, uma vez que sua estréia de impacto ocorrerá mesmo quando o compacto Up for chegar ao mercado brasileiro, no final do ano.

A motorização de três cilindros faz parte da família EA211 da Volkswagen. Produzido em São Carlos (SP), mesmo local onde também será feito o Up, o motor 1.0 12V flex tem posição transversal e desenvolve 75 cv de potência a 6.250 rpm e 9,7 mkgf de torque com gasolina e 82 cv e 10,4 mkgf com etanol, nas mesmas rotações. Segundo a marca,  a partir de 2.000 rpm mais de 85% do torque máximo está disponível.

Volkswagen Fox BlueMotion 2014 motor tres cilindros Brasil traseira

Moderno, este propulsor tem cilindros com maior diâmetro, vela de ignição em posição central (entre as válvulas de admissão e escape, resultando em melhor frente de chama, maior velocidade e eficiência da queima da mistura ar-combustível), bielas 20% mais leves que as convencionais, comando de válvulas variável e taxa de compressão de 11,5:1. Além dessas e de outras características técnicas, o carro dispensa o tanquinho de partida a frio (como os motores 1.6 16V da Peugeot e Citroën; 2.0 16V da Honda; 1.6 E-Flex da própria Volks, entre outros) – o sistema é gerenciado pela Unidade Eletrônica de Controle (ECU) do motor. O combustível é aquecido em câmaras ao lado das válvulas injetoras e opera com temperatura ambiente abaixo de 17,5°C.

Fox 1.0 12V X Fox 1.0 8V
Em relação ao Fox 2014 convencional, o BlueMotion tem transmissões com relações alongadas em até 10%, grade frontal com desenho exclusivo, suspensão recalibrada, pneus (175/70 R14) de baixa resistência ao rolamento com maior calibragem (passando de 29/28 PSI para 36/34 PSI – dianteiro/traseiro) e calotas redesenhadas para minimizar o arrasto aerodinâmico. O modelo também recebeu melhorias no conforto acústico, com a utilização de maiores silenciadores no sistema de escape e de mantas de isolamento na carroceria. Ao todo, o Fox BlueMotion é 29 kg mais leve do que a versão 1.0 8V de quatro cilindros.

Volkswagen Fox BlueMotion 2014 motor tres cilindros Brasil interior painel

Quando abastecido com gasolina, o Fox BlueMotion tem redução de consumo energético de aproximadamente 16%. Quando está com etanol, são 17%. A “raposa de três cilindros” vem equipada de série com direção com assistência eletro-hidráulica, que segundo a Volks, reduz o consumo em até 3% se comparado ao Fox 1.0 normal.

O Fox 1.0 12V BlueMotion precisa de 13,5 segundos com gasolina e 13,2 s com etanol para ser acelerado de 0 a 100 km/h. Sua velocidade máxima com o combustível fóssil é de 166 km/h, enquanto com o derivado da cana-de-açúcar é de 167 km/h. Já o Fox 1.0 8V   precisa de 14,7 s com gasolina e 14,1 s com etanol para ser acelerado de 0 a 100 km/h e atinge 158 km/h de velocidade máxima com gasolina e 160 km/h com etanol.

Motor 1.0 12V de 3 cilindros Volkswagen

Motor 1.0 12V flex, de 3 cilindros, é a grande novidade da Volkswagen

Fox 3 cilindros 1.0 12V
Potência: 75 cv (G) / 82 cv (E) – 6.250 rpm
Torque 9,7 mkgf (G) / 10,4 mkgf (E) – 3.000 rpm
Consumo (etanol): 9,5 km/l na cidade e 13,6 km/l na estrada (medições da Quatro Rodas Ed. 645)

Fox 4 cilindros 1.0 8V
Potência: 72 cv (G) / 76 cv (E) – 5.250 rpm
Torque 9,7 mkgf (G) / 10,6 mkgf (E) – 3.850 rpm
Consumo (etanol): 7,8 km/l na cidade e 10,3 km/l na estrada (medições da Quatro Rodas Ed. 645)

Equipamentos e preços
O Fox Bluemotion 2014 será oferecido ao público nas carrocerias de duas portas, por sugeridos R$ 32.590, e de quatro portas, por R$ 34.090 – diferença de R$ 750 para as mesmas versões do Fox com motor 1.0 8V flex de quatro cilindros, que continuará sendo vendido pela VW (por enquanto).

A lista de equipamentos de série do BlueMotion 2014 é composta por freios ABS com EBD, airbag duplo frontal, banco traseiro com encosto rebatível, banco do motorista com regulagem de altura, chave canivete, conta-giros, desembaçador do vidro traseiro, gaveta sob o banco do motorista, para-sol com espelho de cortesia dos lados direito e esquerdo, tomada de 12 volts, computador de bordo, direção com assistência eletro-hidráulica, e indicador digital de consumo instantâneo de combustível e o indicador de troca de marchas (que ajuda o motorista a trocar as marchas de forma mais econômica).

Mas por que o “obrigado no título”?
Você deve estar se perguntando porque agradeci a Volkswagen no título deste post. Este obrigado se deve ao fato da marca estar finalmente começando a se renovar, lançando um motor novo de verdade para os veículos que ela vende no Brasil. Mesmo que ele tenha torque ligeiramente inferior com etanol ao propulsor 1.0 de quatro cilindros, ele supera o seu “par” em desempenho e, ao que tudo indica, consumo de combustível. Se isso não bastasse, esta motorização de três cilindros representa o futuro da VW no segmento de carros 1.0 no país!

Logo teremos o Up 1.0 12V flex, que vai matar o “pau para toda obra”, robusto, feio, ultrapassado e desconfortável Gol G4. Faltará para a marca acabar com o Polo, Polo Sedan e Kombi; exterminar o Golf IV,V e lançar os novos Santana, Taigun e Golf VII. Aí sim teremos uma Volkswagen moderna e renovada para brigar de vez pela liderança (Saveiro cabine dupla ajudaria também).

Fecho com a pergunta: além dos concorrentes cada vez melhores e mais numerosos, será que o Gol manterá sua “eterna” liderança de mercado no Brasil com a chegada do Up? Acho que não…

Comentários (3)

  1. Eu concordo c/ os dizeres daquela propaganda:
    Saia do 1.fraco e suba no 1.6!
    Aturar nossas ruas “lunares”, c/um motor que vibra mais do que o normal, c/ aquele ruído “bacana” que deve fazer, fraco nos aclives, pneu de bicicleta, SEM ar condicionado(opcional?!?!), fora o preço cobrado ?
    Tinha que oferecer muito mais e por muito menos.
    Fala-se muito do 1.0 da família EcoBoost, mas…no Brasil…quando será?
    Necessitamos de um motor(realmente)mais forte e (realmente)econômico.
    Motor moderno p/ linha de entrada da Volks deveria ser o 1.4 TFSI. Aí sim!
    Sonhar não custa nada.

  2. Não sou engenheiro nem nada não, mas por experiência própria, se eu fosse ter um Fox com esse motor um dia, eu evitaria abastecer apenas com gasolina por longos períodos.
    Isso pelo motor ser pequeno demais, girar a maior parte do tempo em altas rotações e ter uma taxa de compressão de 11,5:1.

    Altas taxas de compressão pedem uma maior octanagem na gasolina, e pra grande maioria do público alvo desse carro que não vai querer ficar abastecendo pagando 3,70 no litro da Pódium, prevejo problemas com esse motor num curto/médio prazo ocasionados pela pré-detonação no caso do proprietário ficar abastecendo apenas com gasolina comum(ou mesmo aditivada de baixa octanagem).

    Porquê acredito nisso!? Quando estou no trânsito observo meio que automaticamente os outros carros quando passam ao meu lado e reparo que muitos mas muitos mesmo sofrem da conhecida “batida de pino”. Isso em veículos pós 2005 que nem são antigos demais e tem taxa de compressão menor que este novo motor da VW.
    E o dono nem deve perceber o problema…

    A longo prazo, isso é um perigo para o motor e pode trazer vários problemas. * O Google é seu amigo, pesquise sobre.

    Uma forma de evitar o problema seria misturar sempre que possível etanol com gasolina(o etanol aumenta a octanagem da gasolina), ou abastecer mais vezes com o etanol, evitando usar apenas gasolina de baixa qualidade por vários abastecimentos consecutivos.

    Bem, esta é a minha dica né, mas como se trata de um novo motor posso estar errado também…
    Vamos esperar pra ver, mas até termos resultados práticos, eu tomaria estes cuidados.

    Abraços Parizzi!

  3. Parizzi, será que vale mesmo a pena esperar pelo up!? os dados de consumo deste motor ea211 são muito conflitantes no fox, acho que as adptações no motor flex aumentaram muito o consumo, ligado tb a qualidade de nossa gasolina, você acha qua valerá o custo beneficio do up!?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *