Chevrolet lança série especial (e “esportiva”) Effect para Agile e Sonic hatch

Chevrolet-Agile-LTZ-2014-hatch-Brasil-flex-Effect

Depois de um novo SUV que não inova em nada, e que nem gosta de enfrentar aventuras na terra, agora é a vez da série especial que não traz nada de novo, a não ser o visual que aparenta ser esportivo. Chegaram os novos Chevrolet Agile e Sonic Effect.

Para promover o recém lançado Agile 2014, a marca criou a série especial e “esportiva” Effect. Com motor 1.4 8V Econo.Flex, que desenvolve 97 cv de potência com gasolina e 102 cv com etanol, a versão LTZ do hatch tem os mesmos equipamentos de série, além de rodas escurecidas de liga leve (mantem os pneus de 16″), saias laterais, aerofólio, spoilers dianteiro e traseiro, faróis e lanternas escurecidos, retrovisores e teto pintados em preto brilhante, além de adesivos decorativos – o já batido “kit esportivo” das montadoras nacionais.

Chevrolet-Agile-LTZ-2014-hatch-Brasil-flex-Effect-visual-traseira

Por dentro, adesivo decorativo em cima do porta-luvas, novos bancos com apelo esportivo e detalhes também em vermelho (incluindo o volante) são os destaques. A série conta ainda com tapetes de borracha e protetor de soleira em alumínio escovado.

Por R$ 44.940 (manual) e R$ 47.440 (manual automatizado Easytronic, com direito a paddle shift, talvez o único “ar” de esportividade verdadeiro do modelo), o Agile Effect é vendido em duas cores: branco e vermelho.

Chevrolet-Agile-LTZ-2014-hatch-Brasil-flex-Effect-interior-painel

Pagando R$ 58.490, o consumidor pode levar para casa o Sonic hatch LTZ Effect branco (única cor disponível), que já está na linha 2014, com motor 1.6 16V Ecotec flex, que desenvolve 116 cv com gasolina e 120 cv com etanol; e transmissão automática de seis marchas.

Com um pouco mais de potência e com um câmbio bem mais eficiente do que o Easytronic do Agile, o Sonic fica devendo as borboletas (paddle shift) atrás do volante para a troca de marcha no modo sequencial (manual), como acontece no Camaro e no próprio Agile, como já citei. Infelizmente a marca insiste em botões pouco práticos e mal localizados – do lado esquerdo do câmbio.

Chevrolet-Sonic-LTZ-2014-hatch-Brasil-flex-Effect

O Sonic Effect tem faróis de neblina, rodas de liga leve com aro de 16″ com pintura preta, adesivos nas laterais, traseira, capô e teto; tampa do combustível com adesivo decorativo, espelhos retrovisores na cor preta, protetor de soleira com acabamento em alumínio escovado e tapetes de borracha exclusivos.

Internamente, destaque para os bancos revestidos em couro, controle de áudio no volante e para o sistema multimídia MyLink, com tela LCD de sete polegadas sensível ao toque.

Chevrolet-Sonic-LTZ-2014-hatch-Brasil-flex-Effect-interior-painel-MyLink

A Chrevolet avalia estender o pacote Effect a outros modelos da marca dependendo da aceitação do público. Por mais que essa série especial não tenha alta performance, justiça seja feita: a Chevrolet, nunca prometeu desempenho esportivo; mas sim, design esportivo (como a marca já vez outras vezes – Vectra GT, por exemplo). Mas bem que os modelos poderiam ser mais apimentados na hora de dirigir.

Comentários (2)

  1. só como comentário , diria que limpou meus olhos … teria o imenso prazer de ser convidado a fazer um teste drive num deste … to num caidinho 97 1.0 , e habilitado há 15 anos , profissional motorista há 8 … sem nunca ter levado multa e acidente … bem que a gmc de convenio com o detran poderiam incentivar a direção defensiva e gratificar-me como exemplo , já que os impostos que pagamos …xiii , no caidinho só dpvat msm rs …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *