Volkswagen CC recebe nova versão de “entrada” no Brasil com motor 2.0 TSI

Volkswagen-CC-2.0-TSI

Para tornar o seu belo e pouco popular CC mais acessível, a Volkswagen acaba de lançar uma nova versão de “entrada” do modelo no Brasil. Com motor 2.0 TSI e uma série de equipamentos a menos, o “cupê com quatro portas” parte agora de R$ 146.990 – R$ 39.860 a menos do que a versão V6.

Em comparação com o CC com propulsor 3.6 de seis cilindros, que tem preço sugerido de R$ 186.850, a nova versão 2.0 perdeu 89 cv de potência, tração integral nas quatro rodas (4Motion), dupla saída de escapamento (tem uma posicionada à esquerda), faróis de xenônio (fachos alto e baixo) e luzes de LEDs de circulação diurna (oferecidos como opcionais).

Volkswagen-CC-2.0-TSI-back-traseira

Mas o Volkswagen CC 2.0 não faz feio. Produzido na fábrica da Volkswagen em Emden, no norte da Alemanha, ele conta com suspensão independente nas quatro rodas (tipo McPherson na dianteira, com braço inferior em “A”, e tipo Four Link na traseira), a direção com assistência elétrica Servotronic e a oferta da transmissão automática DSG de dupla embreagem e seis marchas. O motor 2.0 16V TSI da família EA888, que conta com turbo e injeção direta de gasolina, desenvolve 211 cv a 5.300 rpm e 28,5 kgfm de torque a 1.700 rpm.

Em termos de equipamentos, o CC 2.0 vem de fábrica com  ar-condicionado Climatronic com duas zonas de climatização; controlador eletrônico de velocidade de cruzeiro; volante multifuncional revestido de couro e rádio RCD 510 com tela sensível ao toque (touchscreen), com oito alto-falantes, conexão Bluetooth para telefone celular e CD changer integrado para 6 CDs; rodas de liga-leve com 18 polegadas (desenho “Interlagos”) com pneus autosselantes nas medidas 235/40 R18, com indicador de perda de pressão; freio de estacionamento eletrônico com função ‘Auto-hold’; assistente de saída em subidas; controle automático das luzes com funções ‘Leaving home’ e ‘Coming home’; sensores de estacionamento dianteiro e traseiro; controle eletrônico de estabilidade (ESC); seis airbags e bancos revestidos em couro com aquecimento para os dianteiros (há ajustes elétricos para o banco do motorista). São três as opções de revestimento para o interior do CC: couro preto, couro preto e bege e couro terracota e preto.

Volkswagen-CC-2.0-TSI-interior-painel-dashboard

Como opcionais são oferecidos o rádio RNS 315 com sistema de navegação integrado e tela sensível ao toque (touchscreen), câmera na traseira para auxílio ao estacionamento, luzes de uso diurno em LED e sistema Kessy de abertura de portas e partida do motor sem chave – que inclui o recurso “Easy Open”, por meio do qual um movimento específico do pé embaixo do porta-malas do carro é o bastante para abrir a tampa do porta-malas. Também é oferecido como opcional o teto solar elétrico.

O Volkswagen CC 2.0L TSI está disponível em oito opções de cores pouco variadas: duas sólidas (Branco Cristal e Cinza Urano), cinco metálicas (Marron Oak, Cinza Iron, Marrom Light, Azul Night e Prata Sargas) e uma perolizada (Preto Mystic).

Versões 2.0 TSI Volkswagen CC Volkswagen Passat Volkswagen Jetta
Comprimento (m) 4,802 4,769 4,644
Largura (m) 2,090 (com espelhos) 2,062 (com espelhos) 1,985 (com espelhos)
Altura (m) 1,426 1,480 1,473
Entre-eixos (m) 2,712 2,712 2,651
Porta-malas (l) 532 485 510
Tanque (l) 70 70 55
Peso (kg) 1.528 1.474 1.378
Preço sugerido (R$) 146.990 118.150 (138.217 completo) 92.890 (108.299 completo)

O Volkswagen CC, sem dúvida, se destaca pelo seu visual. Mesmo tendo a cara de quase todos os outros carros da marca (felizmente a Volks já admitiu o erro), o grande diferencial do modelo é a sua imponência, associada à sua altura (veja como ele é mais baixo do que os irmãos menores). A parte que considero mais bonita é a traseira, com seu estilo “esticado”.

Volkswagen-CC-2.0-TSI-farol

A perda de alguns equipamentos pode ser sentida, mas a redução de quase R$ 40.000 é muito bem-vinda para o CC. Embora o veículo ainda seja caro e voltado para um nicho de mercado, a nova versão 2.0 TSI consegue deixar os fãs do carros mais próximos de uma realidade com um exemplar na garagem.

Comentários (4)

  1. ate q pra ser o carro TOP da marca aqui no brasil 147mil nao esta tao caro, mas nada supera em custo beneficio ,maximo prazer e qualidade o golf GTI q e um carro quase prefeito custando 98mil, por esse preço ninguem no mercado pode com ele…

    • aMIGO TENHO UM cc DESSE COMPLETO Q PAGUEI 150K. e, MINHA ESPOSA UM GOLF TSI 2015 ALEMAO. EU JA TIVE 2 GOLF E JA DIRIGI O ALEMAO GTI 2014… TE FALAR, NADA A VER UM CC COM O GOLF – É OUTRO PLANETA!!!! E, O CUSTOXBENEFICIO VC COMPARA CASO CC, COM A MB C200, AUDI A5 E BMW328. NENHUM DELES GANHA… NA VERDADE, DEIXAR UM CC SO PARA O AUDI A7, MAI AI VAI 260K…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *