Novo Renault Sandero R.S. tem uma surpresa: 150 cv de potência!

Renault-Sandero-RS-2016

Renault Sandero R.S.

Agora a Renault acertou quase em cheio (falta o preço)! Nos próximos meses chega ao nosso mercado o novo Renault Sandero R.S., que foi desenhado e desenvolvido pela Renault Sport, em conjunto com a engenharia e o design da América Latina. O veículo guarda uma surpresa: motor 2.0 16V com 150 cv de potência!

Anunciado no Salão do Automóvel de Buenos Aires, onde a companhia também revelou, oficialmente, a picape Duster Oroch, o Renault Sandero R.S. 2.0 é o primeiro modelo da linhagem R.S. fabricado fora da Europa – sua produção será no Paraná. Mantendo o bom espaço interno do hatch, o modelo terá os seus 150 cv com etanol associados com o câmbio manual de seis velocidades.

Renault-Sandero-RS-2016-motor-2.0

Renault Sandero R.S. 2016 é 2,5 cm mais baixo

Ele contará com o RS Drive, que permite selecionar diferentes modos de condução: Normal, Sport e Race. Ainda na parte mecânica, a distância ao solo foi reduzida em 2,5 cm, a barra estabilizadora e o eixo traseiro são mais rígidos, as molas são mais rígidas combinadas com absorvedores de choque em poliuretano, que permitem uma redução de impacto mais progressiva e com maior durabilidade.

O Sandero R.S. conta com o inédito (para o modelo) sistema de freio a disco nas 4 rodas, que foi calibrado para uso intensivo, com atenção redobrada à estabilidade, distribuição da frenagem, durabilidade e resistência ao calor. Todo o sistema de freios foi preparado pela Renault Sport, com discos de freios maiores na dianteira e inéditos discos de freios na traseiros.

Renault-Sandero-RS-2016-painel

Painel do Sandero R.S. te detalhes em vermelho

Além disso, o hatch francês conta com controle de tração (ESP) com opção esportiva. De acordo com a Renault, o Sandero R.S. precisa de 8 s para ser acelerado de 0 a 100 km/h e atinge 202 km/h de velocidade máxima.

Para aguentar a força do motor, a versão apimentada do Sandero terá rodas de 17″. O hatch tem ainda sais laterais, retrovisores pretos com seta, para-choques com design diferenciado (mais agressivos), grade dianteira tem formato de colmeia, aerofólio traseiro e saída dupla de escape.

Renault-Sandero-RS-2016-esportivo

Se você se interessou, saiba que o Sandero R.S. deverá custar mais do que a versão Stepway que, com pintura metálica, câmbio manual automatizado Easy’R e roda de liga-leve de 16″, tem preço sugerido de R$ 57.300. Ou seja, espere um valor inicial variando, na casa de R$ 60.000 e R$ 65.000.

Comentários (4)

  1. Muto bonito e interessante. Gosto de hatchs médios, mas quem sabe este poderia ser uma opção… O que vc acha Renato? Um focus hatch ou um Sandero RS?

    • É uma dúvida boa! O Focus tem mais espaço interno, conforto e acabamento superior, além de ter a suspensão traseira independente (melhor estabilidade). O Sandero entregará mais desempenho e, provavelmente, diversão. Isso se comparamos o Sandero 2.0 com o Focus 1.6 16V.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *