Fiat Argo ganha nova versão mais barata para tentar ficar mais popular

Dianteira do Fiat Argo Drive 1.3 2018

Fiat Argo Drive não é mais a versão de entrada

O sucesso não é absoluto, mas seu desempenho já é notado, principalmente nas ruas. E, para tentar ficar ainda mais popular, o Fiat Argo acaba de receber uma nova versão de entrada.

Sem sobrenome, o Argo 1.0 perdeu equipamentos de série em relação à versão Drive para passar a custar R$ 44.990. Saíram: limpador e desembaçador do vidro traseiro, predisposição para rádio, chave canivete, banco motorista com regulagem de altura, porta-óculos e alça de segurança.

Desses, acaba sendo o fim da picada um veículo de R$ 45.000 não vir com limpador e desembaçador do vidro traseiro.

Itens de série

Pelo menos o Argo 1.0 conta como ar-condicionado, vidros elétricos dianteiros, trava elétrica, direção elétrica, sistema Start & Stop, computador de bordo, volante com regulagem de altura, ESS (sinalização de frenagem de emergência), rodas de aço estampado aro 14”, airbag duplo, freios ABS, entre outros.

Fiat Argo Drive 1.3 GSR 2018

Foto ilustrativa do Fiat Argo Drive 1.3 GSR 2018

Opcionais

Para compensar a perda dos equipamentos, a Fiat oferece dois pacotes de opcionais para o Argo 1.0:

  • Kit Convenience, com retrovisores externos elétricos, luzes indicadoras de direção nos retrovisores, função tilt down, vidros elétricos traseiros com one touch e antiesmagamento – R$ 1.200;
  • Kit Rádio Connect, com áudio streaming, Bluetooth e volante com comandos de rádio – R$ 1.300.

Somados, o Argo 1.0 sobe para R$ 47.790 – ainda mais barato do que a versão Drive 1.0. Mas, com o Argo 1.0, infelizmente, esqueça a segurança de ter limpador e desembaçador do vidro traseiro.

Motor 1.0

Debaixo do capô, a nova versão de entrada do Argo conta com o motor 1.0 6V Firefly de três cilindros que desenvolve 72 cv de potência e 10,4 mkgf de torque com gasolina e 77 cv e 10,9 mkgf com etanol.

Traseira do Fiat Argo Drive 1.3 2018

Traseira do Fiat Argo Drive 1.3

Preços

  • Fiat Argo 1.0 – R$ 44.990
  • Fiat Argo Drive 1.0 – R$ 47.790 (já foi R$ 46.800)
  • Fiat Argo Drive 1.3 – R$ 54.990 (já foi R$ 53.900)
  • Fiat Argo Drive 1.3 GSR – R$ 59.990 (já foi R$ 58.900)
  • Fiat Argo Precision 1.8 – R$ 62.290 (já foi R$ 61.800)
  • Fiat Argo Precision 1.8 AT6 – R$ 68.290 (já foi R$ 67.800)
  • Fiat Argo HGT 1.8 – R$ 65.290 (já foi R$ 64.600)
  • Fiat Argo HGT 1.8 AT6 – R$ 71.390 (já foi R$ 70.600)

Mercado de janeiro a abril de 2018 (Fenabrave)

  1. Chevrolet Onix – 58.390 unidades
  2. Hyundai HB20 – 33.618 unidades
  3. Ford Ka – 32.790 unidades
  4. Volkswagen Polo – 23.538 unidades
  5. Volkswagen Gol – 21.705 unidades
  6. Renault Kwid – 20.303 unidades
  7. Fiat Argo – 17.818 unidades
  8. Fiat Mobi – 16.539 unidades
  9. Renault Sandero – 15.249 unidades
  10. Toyota Etios – 13.243 unidades
  11. Volkswagen Fox – 12.295 unidades
  12. Volkswagen Up! – 6.558 unidades
  13. Ford New Fiesta – 6.015 unidades
  14. Nissan March – 4.700 unidades
  15. Fiat Uno – 3.629 unidades
  16. Peugeot 208 – 2.796 unidades
  17. Citroën C3 – 2.569 unidades
Visual do Fiat Argo Drive 1.0 2018

Visual do Fiat Argo Drive 1.0 2018

Resumo da obra

No momento em que completa um ano de Brasil, com quase 50 mil unidades vendidas, o Fiat Argo recebe uma nova versão mais em conta claramente para tentar melhorar a sua posição no ranking de vendas.

Mesmo mais caro, o carro considerado o seu principal rival, Volkswagen Polo, tem vendido mais (veja acima). E, realmente, ele me parece uma escolha mais interessante.

Ainda assim, o Argo tem potencial e pode sim subir nas vendas, podendo chegar, no meu ponto de vista, a um honroso quarto lugar no ranking acima. Mas, se o novo presidente da Fiat fizer as mudanças certas (especialmente de preços), a ascensão pode ser ainda mais alta.

Sobre potencial, basta observar que o Argo já vende mais do que o Mobi, mesmo custando mais caro. É muito mais carro!

Comentários (1)

  1. É realmente um bom carro e bem superior ao Mobi. Porém, o novo Polo me parece superior ao Argo principalmente no item segurança e motor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *