Alta Roda – Líderes do primeiro semestre de 2016

Chevrolet-Onix-2015-LT-LTZ-MyLink-Brasil

Chevrolet Onix: carro mais vendido do primeiro semestre de 2016 no Brasil

As estreias de novos carros levaram ao aumento da competição nas vendas do primeiro semestre. Onix manteve a liderança absoluta (mesmo sem a ajuda do Prisma). Corolla ampliou sua vantagem, pelo menos enquanto os novos Cruze e Civic não começarem a chegar às lojas no segundo semestre. Briga entre os SUVs compactos continua acirrada, mas o HR-V defendeu bem a posição.

Continuar lendo

Alta Roda – Potência e suv dominam salão do automóvel de Genebra

Bugatti-Chiron

Bugatti Chiron

Novidades realmente não faltam na 86ª edição do Salão do Automóvel de Genebra, a se encerrar no próximo domingo. Por mais que se fale em modelos híbridos e elétricos, o fato é que alta potência ainda atrai o público, mesmo muito distante do bolso dos simples mortais.

Continuar lendo

Alta Roda – Vencedores e vencidos

Nissan-Kicks-2017-SUV-Crossover

Em um ano tão depressivo como 2015, com queda geral nas vendas de 26,6% (houve recuos mais expressivos de 41%, em 1981, 33%, em 1987 e 28%, em 1998), todos os 15 segmentos em que esta coluna divide o mercado sofreram bastante com exceção de um, os SUVs compactos. Enquanto os carros esporte e stations mergulharam 48% e 34%, respectivamente, os utilitários esporte pequenos subiram nada menos de 34% sobre os resultados de 2014.

Continuar lendo

Alta Roda – Absurdos prosperam

Em tempos de economia em depressão, qualquer boa novidade traz ânimo ao mercado de automóveis. Enquanto as vendas de veículos novos estão em forte queda acumulada de mais de 20% em relação a 2014, o setor de usados como um todo conseguiu até agora um crescimento de 4% e o de seminovos (até três anos de uso) em particular, cerca de 5%. Essa é sinalização de que em algum momento de 2016 a recuperação se iniciará.

Continuar lendo

Alta Roda – Empurrar com a barriga

Uma das características menos virtuosas que um povo deve evitar é adiar decisões. Os governos do nosso país parecem cultuar com fervor um velho ditado da política – ilustrado no título desta Coluna – que pode até ser moderadamente aplicado por razões momentâneas. Quem desconhece a lei que não “pega” ou, pior, a lei sem regulamentação e, portanto, de efeito prático nulo? Sem contar a proibição de algo com ausência de penalização que se transforma em letra-morta.

Continuar lendo

Alta Roda – Vencedores e vencidos 2014

Fiat-Palio-Fire-Rua-2015

Primeiro ano em que as novas regras de segurança forçaram o fim de linha de veículos superados – Kombi, Mille e Gol Geração 4 – o fechamento de 2014 deixou executivos da Fiat e da Volkswagen de plantão até o dia 31 de dezembro. É que estava em jogo a liderança de 27 anos do Gol, depois do Fusca o mais bem-sucedido modelo já fabricado no País.

Continuar lendo

Alta Roda – Valorizar a eficiência

Se existe um programa governamental que deu certo, com (quase) unanimidade do ponto de vista técnico, é o Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular (PBEV). Embora estudos tenham se iniciado bem antes, o programa coordenado pelo Inmetro estreou em 2009 com apenas cinco marcas: Chevrolet, Fiat, Honda, Kia e Volkswagen. No ano passado, como reflexo das exigências do regime Inovar-Auto, 35 marcas haviam aderido, inclusive importadas sem plano de produção local.

Continuar lendo

Alta Roda – Excesso de zelo

paris-poluicao-ap-

Foto: AP – Reprodução do Terra – 04/04/2014

Infelizmente, aspectos políticos sobrepostos aos técnicos têm atrapalhado, de novo, o debate neutro sobre as emissões de CO2, aquecimento global e mudanças climáticas. Ninguém desconhece o problema – salvo alguns poucos cientistas céticos –, mas muitas vezes só se olha um lado da questão. O recém-divulgado relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas, da ONU, pregou de novo o quase apocalipse, se a temperatura média de planeta subir 2 graus Celsius até o fim do século. Nenhuma palavra sobre novas áreas agricultáveis, rotas marítimas mais curtas e outras externalidades “positivas” do aquecimento global, mesmo sem compensar suas desvantagens.

Continuar lendo

Renault alcança a marca de 3 milhões de motores fabricados no Brasil

Fabrica-Renault-motor-2014-3-milhoes

Com cada vez mais adversários disputando o acirrado mercado brasileiro de automóveis, alguns números ainda chamam a atenção. Uma delas foi alcançada hoje pela Renault, que atingiu, hoje, a marca histórica de 3 milhões de motores fabricados no Brasil. A conquista foi marcada pela produção de mais uma unidade do motor 1.6 8V, que equipa o novo Logan e também a linha Sandero (que está prestes a mudar de geração).

Continuar lendo

O que as principais marcas de carro estão preparando para 2014 no Brasil?

Toyota-Corolla-Brasil-2015-novo-sedanO mês de janeiro já está chegando ao fim, mas ainda dá tempo de darmos uma olhada em algo especial: o que as principais marcas de carros estão preparando para 2014 no Brasil. Selecionei as novidades das 10 marcas mais vendidas do Brasil em 2013, ordenadas pela colocação no ranking do ano passado: Fiat, Volkswagen, Chevrolet, Ford, Renault, Hyundai, Toyota, Honda, Nissan e Peugeot.

Continuar lendo