Alta Roda – Redondamente enganado pular os automóveis híbridos

O futuro da indústria automobilística aponta, ninguém sabe com certeza em que ritmo, para a tração elétrica e avanço das tecnologias de condução autônoma. É uma aposta industrial e de infraestrutura caríssima, sujeita a altos riscos econômicos e de difícil implantação fora de países ricos ou superpopulosos como a China e, eventualmente, a Índia. Pular a etapa racional dos automóveis híbridos pode se tornar um erro grave, talvez tarde demais para reverter.

Pneu do futuro da Goodyear

Pneu do futuro da Goodyear

Continuar lendo

Alta Roda – Prevaleça o bom senso do Inovar-Auto Brasil

Desenho de bombas de combustível: etanol e gasolina

O programa Inovar-Auto Brasil vigorou entre 2012 e 2017. Teve um viés protecionista e outro indutor de melhorias técnicas para diminuir consumo de combustíveis. Mesmo tendo dificultado as importações de veículos, há considerações a fazer.

Continuar lendo

Alta Roda – Recuperação do mercado brasileiro de carros avança

Fábrica de carros no Brasil

Em 2017 o mercado brasileiro de carros finalmente parou de cair e iniciou uma trajetória de recuperação. Em dezembro de 2016 já se esperava um ano melhor mesmo porque se completou um quadriênio de baixas consecutivas: um tombo de quase 50% sobre o ano recorde de 2012 com 3,8 milhões de automóveis e veículos comerciais (leves e pesados). O Brasil chegou a ser o quarto maior mercado do mundo e caiu para oitavo.

Continuar lendo

Alta Roda – Melhor ser sincero com os carros elétricos e híbridos

Eletroposto para abastecer carros elétricos e híbridos

Eletroposto para abastecer carros elétricos e híbridos

A curiosa catilinária dos carros elétricos e híbridos, assumida em discursos de governos de alguns países, grupos de pressão (alguns bem intencionados) e até fabricantes de veículos, sempre repercutidos pelo sabor da novidade, continua. Análise mais prudente deveria ser simplória: querer, não é poder. Na vida real há bem mais dificuldades do que se imagina. Voluntarismo nunca funciona pois, afinal, erros podem sair muito caro.

Continuar lendo

Alta Roda – Ênfase em eficiência energética pós Inovar-Auto

O encerramento do Inovar-Auto, no final deste ano, abre oportunidades de debates sobre a sua evolução. O programa causou polêmicas por envolver medidas consideradas protecionistas pela União Europeia e Japão. Projetado para um período de cinco anos (2012-2017), incluiu muitas exigências burocráticas e teve saldo final discutível. Tudo agravado pela severa recessão econômica que atingiu indústria automobilística e fornecedores.

Imagem que ilustra o programa Rota 2030 com consumo de combustível emissão de poluição e carro híbrido

Continuar lendo

Alta Roda – Recuperar o mercado de carros brasileiro sem artificialismo

Esse agitado ano de 2017 no âmbito político, que ameaça atrapalhar a fundamental agenda de reformas econômicas do País, pode explicar certa dispersão entre apresentações e conclusões dos palestrantes do VIII Fórum da Indústria Automobilística, organizado pela Automotive Business no último dia 17 em São Paulo.

Deve-se reconhecer que fazer previsões de curto e médio prazo para o mercado de carros brasileiro, em meio a tantas incertezas, é exercício difícil e sujeito a erros. Mas não deixou de atrair uma plateia maior que a do ano passado, ávida por saber se vai demorar a aparecer pelo menos uma luz no fim do túnel. Mesmo tênue.

Continuar lendo

Alta Roda – Salão do Automóvel de Paris, entre o futuro e a realidade

O Salão do Automóvel de Paris, o mais longo entre as exposições internacionais e que se encerra no próximo dia 16, evidenciou a aposta da maioria dos fabricantes em modelos híbridos, híbridos plugáveis e elétricos. Embora a indústria veja esse cenário como oportuno, ainda não se tem certeza de como os consumidores dos mercados maduros do Hemisfério Norte vão “abraçar a causa”. Nos elétricos, a autonomia tem aumentado, mas não há a segurança de recarga rápida e capilar. E por ainda demandar subsídios governamentais para trazer os preços a uma realidade aceitável, mesmo para compradores de alto poder aquisitivo, sobram dúvidas.

Continuar lendo

Alta Roda – Consumo de combustíveis continuará a baixar

carro-automovel-poluicao-meio-ambiente-fumaca

Os dois maiores emissores do planeta de gases de efeito estufa – basicamente CO2, mas também outros – finalmente chegaram a um acordo para homologar a meta de redução estabelecida na última conferência mundial sobre mudanças climáticas. Estados Unidos e China aproveitaram a recente reunião do G20 (grupo de países que representa 90% do PIB mundial) e se comprometeram a baixar o consumo de combustíveis fósseis. No caso de veículos, gasolina e diesel deverão ceder espaço a biocombustíveis e eletrificação de forma híbrida ou total.

Continuar lendo

Alta Roda – Carro básico voltará ao Brasil?

A atual crise do mercado brasileiro levou a mudanças no comportamento dos consumidores. Para a maioria dos analistas o grau de exigência dos compradores aumentou e o tempo dos carros básicos (também chamados de “pelados”) terminou. Pode não ser bem assim.

Continuar lendo

Alta Roda – Caminho aberto para o motor turbo

Ford-New-Fiesta-hatch-Brasil-recorde-SE-Titanium

Ford Fiesta 1.0 EcoBoost

A combinação de turbocompressor e motor de 1 litro é uma tendência e, tudo indica, vai se expandir. Na realidade, não chega a ser uma novidade pois o Gol, em 2001, tinha uma versão com esse arranjo que desenvolvia 112 cv, mais voltada para desempenho do que economia de combustível. Em julho do ano passado, a Volkswagen lançou o up! de 1-litro, três-cilindros, turbo e injeção direta (etanol/gasolina) para buscar desempenho e, ao mesmo tempo, menor consumo.

Continuar lendo