Alta Roda – Detroit sem grande impacto

Foi uma das recuperações mais rápidas de que se tem notícia. O mercado interno americano estava tão prostrado em 2009 com “apenas” 10 milhões de veículos vendidos, que nem dava para substituir a frota sucateada a cada ano. Pois, em 2015, venderam-se 17,5 milhões de unidades, recorde que perdurava desde 2000.

Continuar lendo

Alta Roda – Ano para esquecer

Fazer o balanço de um ano tão difícil para a indústria automobilística, como o de 2015, é tarefa nada agradável. Afinal, em dezembro de 2014 se imaginava pequena queda de vendas este ano porque o Produto Interno Bruto (PIB) iria cair 1%. As últimas previsões apontam para recuo do PIB no mínimo de 3,5% e isso explica parte do mergulho, sem ser a única nem a principal razão.

Continuar lendo

Crise no setor de veículos: é hora de comprar?

patio-fabrica-Chevrolet-Brasil

Segundo a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores), a produção de veículos recuou 18,5% no primeiro semestre deste ano. Isso é consequência de estoques lotados, por causa da queda nas vendas. Há diversas razões para esse cenário, no entanto, a pergunta é: comprar ou não comprar um carro?

Continuar lendo

Alta Roda – Assim não dá

consumo-combustível

Ganho de eficiência energética, ou menor consumo de combustível, é o maior benefício ao consumidor com o programa governamental Inovar-Auto. É economia direta para o bolso do motorista, principalmente se os fabricantes de veículos forem atraídos pelos incentivos adicionais estabelecidos e ultrapassarem a meta — compulsória — de 12% de ganho em 2017 em relação ao consumo da média dos modelos vendidos por cada marca em 2011.

Continuar lendo

Alta Roda – Esperar, cansou

Toyota-Prius-hibrido-Brasil

Parece próximo de ser anunciada a estratégia governamental para estimular o uso de veículos híbridos e elétricos. Tudo indica que o imposto federal IPI poderá zerar e na cidade de São Paulo haveria um desconto de 50% na alíquota do IPVA, ou seja, o município abriria mão dos 50% que lhe cabem nesse tributo estadual. Sem dúvida é condição necessária, mas não suficiente, para impulsionar essas tecnologias no Brasil.

Continuar lendo

Alta Roda – Desconfiança contagiosa

Diagnósticos da atual situação do mercado brasileiro de veículos continuam sem apontar saídas viáveis de curto prazo, depois de um dia inteiro de conferências e debates no V Fórum da Indústria Automobilística, organizado pela Automotive Business, essa semana em São Paulo.

Continuar lendo

Alta Roda – Ataquem as mazelas

Honda-Civic-LXS-LXR-EXR-Brasil-2014

Uma pena o sistema tributário brasileiro esconder o peso dos impostos sobre veículos. Existe, aliás, uma nova lei (adiada) que obriga a discriminação na nota fiscal, mas há dois problemas. Primeiro, o cipoal de impostos, taxas e contribuições ao longo da cadeia produtiva leva a um cálculo impreciso. Segundo, as tabelas deveriam ter dois preços, com e sem impostos, como informação fundamental ao consumidor.

Continuar lendo

IPVA dos carros no Brasil pode ficar até 15% mais barato em 2013, mas nem tudo são flores

Reprodução de Pekdek

Boa e má notícia para quem é dono de um carro no Brasil. Começando pela boa, de acordo com pesquisa da agência AutoInforme/Molicar, publicada pela Folha de S. Paulo, o valor do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) em 2013 deve ter uma redução média de 10% para a maioria dos veículos de passeio no Brasil. Em alguns casos, a queda pode ser de 15%!

Isso seria motivo para comemoramos e muito! Pensem: pagar menos imposto num país em que a carga tributária é elevada deveria seria excelente. Mas, como, infelizmente, não é o caso do IPVA…

Continuar lendo