Alta Roda – Criatividade ao ousar no Salão do Automóvel de Tóquio

Salão do Automóvel de Tóquio, no Japão

Aberto ao público no sábado passado, o Salão do Automóvel de Tóquio, organizado a cada dois anos, é uma exposição curta (termina no próximo dia 5) e predominantemente voltada ao próprio mercado. No entanto, tecnologias do momento que incluem carros autônomos, híbridos e elétricos são motivos de desafios que a engenharia local adora enfrentar. Considerando a chamada inteligência artificial (IA) fundamental daqui para frente, as marcas japonesas – aliás, em pleno processo de consolidação, pois não há futuro para nove fabricantes – têm muito a contribuir.

Continuar lendo

Nissan comemora impressionante marca de 150 milhões de veículos produzidos no mundo

Fábricas e veículos globais da Nissan

Um pouco da história da Nissan em imagens

A Nissan atingiu a impressionante marca de 150 milhões de veículos produzidos em todo o mundo. Desde o início de suas atividades, em 1933, a fabricante japonesa levou 73 anos para produzir seus primeiros 100 milhões de veículos e outros 11 anos para produzir as últimas 50 milhões de unidades.

Continuar lendo

Mais de 1 milhão de unidades do Toyota Corolla foram produzidas no Brasil

Toyota Corolla Altis 2018

Toyota Corolla Altis 2018

Um marco para a fábrica de Indaiatuba (SP): mais um 1 milhão de unidades do Toyota Corolla foram produzidas no Brasil. É uma marca e tanto! A unidade comemorativa foi um Corolla Altis 2018, que saiu da linha de montagem em 23 de março.

Continuar lendo

Alta Roda – Dilema do preço dos carros no Brasil

Situação difícil do mercado garante ao consumidor, mais do que nunca, a decisão de escolher. Entre os sedãs médios-compactos trava-se uma verdadeira batalha para atrair os possíveis (e poucos) compradores. Este ano vem sendo marcado pela renovação em diferentes níveis. Começou com a atualização do Nissan Sentra, seguido pelo inteiramente novo Chevrolet Cruze. Esta semana começam as vendas da décima geração do Honda Civic. A Citroën aproveitou o embalo para lançar o C4 Lounge 2017 apenas com motor turbo de 1.6 L/173 cv (etanol), conforme antecipado pela Coluna.

Continuar lendo

Alta Roda – A força de uma ideia com o híbrido Prius

Toyota-Prius-2017

Toyota Prius 2017

Persistência do povo japonês é conhecida. Que tal ter uma ideia disruptiva, no já longínquo ano de 1997, começar as vendas apenas no Japão e, inicialmente, enfrentar perdas de até US$ 10.000 (R$ 35.000) por unidade comercializada? Pois assim começou a história do híbrido Prius. Apenas 300 unidades no ano de lançamento, quase 18.000 em 1998 e 15.000 em 1999, segundo o site Wikipedia.

Continuar lendo

Alta Roda – Futuro com o carro a hidrogênio

No recente Salão do Automóvel de Tóquio não foram apenas carros autônomos e futurísticos que roubaram a cena. O governo japonês se empenha em disseminar a ideia da era do carro a hidrogênio e nada como os veículos para dar partida a uma verdadeira aposta. Esse elemento químico é o mais abundante do universo e está presente na água (H2O) que representa 70% da Terra.

Continuar lendo

Alta Roda – Ano para esquecer

Fazer o balanço de um ano tão difícil para a indústria automobilística, como o de 2015, é tarefa nada agradável. Afinal, em dezembro de 2014 se imaginava pequena queda de vendas este ano porque o Produto Interno Bruto (PIB) iria cair 1%. As últimas previsões apontam para recuo do PIB no mínimo de 3,5% e isso explica parte do mergulho, sem ser a única nem a principal razão.

Continuar lendo

Alta Roda – Toyota Hilux sobe de nível

Toyota-Hilux-2016

Toyota Hilux 2016

Desde 2005 a picape média Toyota Hilux não mudava tanto. Isso se tornou necessário porque os modelos de cabine dupla das seis marcas que disputam esse mercado no Brasil conquistaram espaço nas cidades, apesar da irracionalidade de seu porte e do peso elevado. A Toyota fez um trabalho profundo do chassi à carroceria, do estilo ao trem de força. Pela primeira vez a eterna líder Chevrolet S10 terá que se cuidar mais para manter a posição.

Continuar lendo

Alta Roda – Japão faz suas apostas

Tradicional discrição do Japão no 44º Salão de Automóvel de Tóquio – aberto ao público até o próximo dia 8 – foi trocada por atitudes mais ousadas dos fabricantes locais e uma aposta no hidrogênio como alternativa às baterias dos carros elétricos. Na verdade, o governo do país incentiva fortemente essa tecnologia cuja principal vantagem é tempo de abastecimento (três a cinco minutos, contra horas de uma bateria), mas a infraestrutura, além de muito cara, precisa ser construída a partir do zero.

Continuar lendo

Alta Roda – Micromobilidade avança

Smart mobility 1

O Japão destaca-se por investir muito em tecnologia de comunicações e informática (TCI) e, não por coincidência, conquistou a posição de trânsito urbano e rodoviário entre os mais seguros do mundo. A cultura nipônica se destaca por planejar longamente, avaliar tudo o que pode dar errado e, só então, executar com firmeza e prazos cumpridos à risca.

Continuar lendo