Impressões – Volkswagen Golf TSI 1.2 Bluemotion manual é superado, mas agrada muito

Volkswagen Golf Bluemotion com motor 1.2 TSI turbo

Volkswagen Golf TSI 1.2 Bluemotion agradou e muito!

Como amante público de hatches médios, eu não poderia fugir dessa categoria de carros na primeira vez em que fui dirigir um automóvel na Europa. Eu estava em Bordeaux, na França, e escolhei um Volkswagen Golf TSI 1.2 Bluemotion manual para fazer a minha estreia em grande estilo, afinal, não importa a versão, o Golf é um SENHOR carro.

Continuar lendo

Alta Roda – Novo EcoSport saindo da anestesia

Novo Ford EcoSport 2018

O EcoSport teve fase de ouro desde seu lançamento em 2003. Os concorrentes ficaram anestesiados, vendo a banda passar, e só em 2011 surgiu o Renault Duster. Em 2013, foi lançada a segunda geração do modelo que havia inaugurado o mercado mundial de SUV compactos, segmento que só existia aqui. Nesses últimos quatro anos a concorrência se acirrou e desta vez anestesiou a Ford, que só agora reagiu com o novo EcoSport.

Continuar lendo

Alta Roda – Recuperar o mercado de carros brasileiro sem artificialismo

Esse agitado ano de 2017 no âmbito político, que ameaça atrapalhar a fundamental agenda de reformas econômicas do País, pode explicar certa dispersão entre apresentações e conclusões dos palestrantes do VIII Fórum da Indústria Automobilística, organizado pela Automotive Business no último dia 17 em São Paulo.

Deve-se reconhecer que fazer previsões de curto e médio prazo para o mercado de carros brasileiro, em meio a tantas incertezas, é exercício difícil e sujeito a erros. Mas não deixou de atrair uma plateia maior que a do ano passado, ávida por saber se vai demorar a aparecer pelo menos uma luz no fim do túnel. Mesmo tênue.

Continuar lendo

Alta Roda – Futuro da condução autônoma

O avanço da direção semiautônoma e, em futuro não distante, da condução autônoma completamente conectada a outros veículos e à infraestrutura parece mesmo irreversível. Isso a despeito de incidentes graves de percurso, ambos nos Estados Unidos, um fatal ocorrido com um Tesla; outro, mais recente, envolvendo um Volvo XC90 do Uber ao varar um semáforo vermelho (um pedestre aguardava na faixa, sem chegar a atravessar). Em ambos os casos, os motoristas poderiam ter intervindo, mas não o fizeram.

Continuar lendo

Alta Roda – Tempos de reação no mercado brasileiro?

Foto do Jeep Renegade Sport flex 2017

Jeep Renegade Sport flex 2017

Em plena crise de vendas pode parecer que a grande onda de lançamentos em 2016 se deve à atuação imediata dos fabricantes em busca de clientes arredios. Na realidade, as novidades foram decididas há quatro ou cinco anos, nos tempos de bonança, e em razão de metas de eficiência energética. Só neste mês de setembro, chegaram Uno e seus novos motores, reformulações de meia geração no Fusion, motor 1-litro turboflex para o Golf, além do Jeep Compass produzido no Brasil (a ser analisado na Coluna da próxima semana).

Continuar lendo

Punto 2017 puxa o aumento de preços dos modelos Fiat. Volkswagen também eleva valores

Fiat-Punto-Essence-2017

Fiat Punto Essence 2017

O tiro no pé escancarado continua! Com a continuidade da recessão do mercado nacional de automóveis, as montadoras seguem firme e forte na estratégia de ter margens mais altas de lucro por unidade vendida. Como? Simples: elevando os preços de seus modelos! A Fiat, por exemplo, aplicou aumentos que podem superar os R$ 4.000 (!!!!). Quem puxou o aumento da marca italiana foi o Punto 2017 que, antes da sua próxima geração, perdeu versões, ganhou equipamentos e ficou mais cara. A Volkswagen também não ficou atrás e aumentou seus valores – estratégia que já havia sido adotada por outras marcas nesse ano.

Continuar lendo

Impressões – O potente e econômico Volkswagen Move up! TSI

Volkswagen-Move-Up-TSI-flex

Volkswagen Move up! TSI

O Leônidas já é um colaborador honorário do De 0 a 100! Suas Impressões são sempre muito bem-vindas e colaboram bastante com os leitores. Ele agora fala da sua empreitada urbana com um Volkswagen Move up! TSI, que se destaca pela agilidade e economia de combustível! Confira!

Quem quiser participar do Impressões, como o Leônidas, o Rafael, o Jow, o Hugo, o Bruno, o Joathan, o Leônidas (de novo!), o Hugo Leite, o Pedro, o Piauí Jr., o Renato Dantas, o Mário Cesar, o Mário Cesar (de novo!), o Renato Dantas (de novo!), o Joathan (de novo!), o José Barbosa Júnior, o Jefferson de Oliveira, eu mesmo (Volvo XC60Astra e Lincoln Town Car), o Leonardo Vilela, o Mário César (mais uma vez!), o Pedro (de novo!), o Wladimir Pereira, o Wladimir Pereira (de novo!), o Pedro (de novo!), o Éder Sibilin, o Pedro (de novo!) e o Pedro (mais uma vez), basta enviar um e-mail para renatoparizzi@gmail.com. Fale um pouco sobre o seu carro. Descreva os pontos positivos, negativos e conte alguma coisa curiosa! E não se esqueça de mandar fotos do veículo (só serão publicados posts com fotos). Fique tranquilo porque a placa (ou algum outro detalhe) não será mostrada. Mas se quiser mandar sem foto, não tem problema.

Continuar lendo

Alta Roda – Visão centenária

Maserati-logo

O grupo restrito de fabricantes de veículos que estão no mercado há 100 anos ou mais, de forma contínua, aumentou neste mês de março com a entrada da BMW. Este clube, em ordem alfabética, é formado por Alfa Romeo, Aston Martin, Audi, Buick, Cadillac, Chevrolet, Dodge, Fiat, Ford, Lancia, Maserati, Mercedes-Benz, Opel, Peugeot, Renault, Rolls-Royce, Skoda e Vauxhall. A seleção da Coluna tem critérios próprios, pois considera marcas que apresentaram desde o início algum vínculo com a mobilidade.

Continuar lendo

Alta Roda – Segurança com mais força

Uma das complicadas e desgastantes situações para fabricantes de veículos e seus clientes, em qualquer parte do mundo, são os recalls sempre ligados a riscos de segurança. Apenas em 2015 nos EUA – maior frota mundial, 255 milhões de veículos e o segundo maior mercado, 17,5 milhões unidades/ano – ocorreram 868 campanhas envolvendo o recorde de 51 milhões de veículos. Aqui, no mesmo período foram 114 recalls e 2,8 milhões de unidades convocadas para uma frota total de 41 milhões. Nos números frios das estatísticas proporcionais o Brasil não ficou tão mal na foto.

Continuar lendo

Volkswagen Jetta agora é nacional e tem motor 1.4 turbo, que só bebe gasolina. Preços assustam

Volkswagen-Jetta-1.4-turbo-Brasil-nacional

Volkswagen Jetta Comfortline agora é nacional e tem motor 1.4 turbo a gasolina

[POST ATUALIZADO COM OS PREÇOS DO VEÍCULO] Já vimos esse filme antes. O Volkswagen Jetta acaba de ser nacionalizado e ganhou motor 1.4 turbo, mas que só bebe gasolina! Será que é um mico investir nesse modelo sem que ele seja flex (algo que não deve demorar a acontecer, uma fez que o Golf 1.4 TSI agora é bicombustível)? Mico ou não, o novo propulsor dá mais vida ao sedã, que penava com a ultrapassada motorização 2.0 flex – essa, finalmente, se aposenta por aqui.

Continuar lendo