Fiat não se aguenta e eleva o preço de seus carros de novo! Adeus liderança de mercado!

Fiat-Toro-Volcano-2017-picape-diesel-4x4

Fiat Toro: elevação dos preços para lucrar mais por unidade vendida

Vocês se lembram que, em junho, quando lançou o Punto 2017, a Fiat resolveu também aumentar os preços de seus modelos? Pois é, mais uma vez a marca não se aguentou e adivinhem? Elevou os preços de seus carros de novo! Desse jeito, não há dúvidas: adeus liderança do mercado brasileiro de automóveis!

Continuar lendo

Tentando aquecer as vendas, Fiat Mobi Way chega às concessionárias

Fiat-Mobi-Way-On-2017

Fiat Mobi Way 2017

O Fiat Mobi ainda não decolou nesse seu início de ciclo no Brasil, amargando a 17ª posição no ranking de emplacamentos da Fenabrave, em maio de 2016 (42º no acumulado do ano). Vários motivos explicam esse fato, como o mercado em baixa, inúmeros concorrentes, preços altosalém do novo compacto ítalo brasileiro não ter inovado praticamente em nada – embora tenha me agradado, como aconteceu no lançamento do Hyundai HB20.

A sensação é a de que a marca italiana poderia ter feito mais para a sua novidade, especialmente em termos de motorização e tecnologia – como foi com a picape Toro. Como não fez, a companhia tenta aquecer as vendas do Mobi de outra forma, agora com a versão Way, que chegou esse mês nas concessionárias.

Continuar lendo

Punto 2017 puxa o aumento de preços dos modelos Fiat. Volkswagen também eleva valores

Fiat-Punto-Essence-2017

Fiat Punto Essence 2017

O tiro no pé escancarado continua! Com a continuidade da recessão do mercado nacional de automóveis, as montadoras seguem firme e forte na estratégia de ter margens mais altas de lucro por unidade vendida. Como? Simples: elevando os preços de seus modelos! A Fiat, por exemplo, aplicou aumentos que podem superar os R$ 4.000 (!!!!). Quem puxou o aumento da marca italiana foi o Punto 2017 que, antes da sua próxima geração, perdeu versões, ganhou equipamentos e ficou mais cara. A Volkswagen também não ficou atrás e aumentou seus valores – estratégia que já havia sido adotada por outras marcas nesse ano.

Continuar lendo

Alta Roda – A força de uma ideia com o híbrido Prius

Toyota-Prius-2017

Toyota Prius 2017

Persistência do povo japonês é conhecida. Que tal ter uma ideia disruptiva, no já longínquo ano de 1997, começar as vendas apenas no Japão e, inicialmente, enfrentar perdas de até US$ 10.000 (R$ 35.000) por unidade comercializada? Pois assim começou a história do híbrido Prius. Apenas 300 unidades no ano de lançamento, quase 18.000 em 1998 e 15.000 em 1999, segundo o site Wikipedia.

Continuar lendo

Alta Roda – Conflito de preços dos carros subcompactos

Fiat-Mobi-Way-On-2017

Fiat Mobi Way 2017

Finalmente, o mercado de subcompactos começa a esquentar no Brasil. Espaços mal planejados nas cidades para circular e estacionar, exigências de menor consumo e emissões e muitos carros rodando com no máximo um passageiro além do motorista, justificariam presença menos tímida no total de hatch compactos, de longe o segmento mais importante em vendas.

Continuar lendo

Com vocações urbanas, Fiat Mobi não inova, mas agrada

Fiat-Mobi-Like-On-2017

Fiat Mobi Like On 2017

É, meus amigos. Escrevi o início desse post, até agora, 9 vezes, mas não consegui chegar a uma conclusão definitiva do que achei do Fiat Mobi. O máximo que consegui foi que ele não inova, mas agrada – como aconteceu no lançamento do Hyundai HB20. A sensação é a de que a marca italiana poderia ter feito mais para a sua novidade, especialmente em termos de motorização e tecnologia – como foi com a picape Toro.

Por outro lado, o que foi feito torna o veículo simples (em termos de mecânica) e confiável – argumentos muito fortes de venda para esse segmento, especialmente para um carro com vocações quase que exclusivamente urbanas. Com certeza isso já é suficiente para a FCA aposentar a dupla Uno Vivace (que deveria ter morrido quando o “novo” Uno chegou) e Palio Fire (esse ficará mais um pouco conosco, pois tem um público cativo).

Continuar lendo

Fiat comemora aniversário do Rio de Janeiro com série especial Uno Rio 450

Fiat-Uno-Way-2015-Rio-450

Em uma das séries especiais mais simples já criadas pela marca, a Fiat comemora o aniversário de 450 anos do Rio de Janeiro com o lançamento da edição Uno Rio 450. Usando como base o Uno Way 1.0, a novidade trás pouquíssimos diferenciais.

Continuar lendo

Alta Roda – Novo Uno em carreira solo

Novo-Fiat-Uno-Way-2015-Brasil

Fiat Uno Way 1.4 2015

Fiat foi rigorosa quanto ao tempo correto de renovação do Uno. Lançado há pouco mais de quatro anos, o novo modelo 2015 chega agora com a responsabilidade de melhorar as vendas, depois do fim do Uno Mille, que chegava a representar 50% dos resultados, distorção típica do mercado brasileiro. Para essa espécie de carreira solo o carro está bem preparado, apesar de motores com mesma potência/torque e sem direção eletroassistida, em termos mecânicos. A inalterada versão Vivace 2/4 portas continua a ser a de entrada, repetindo a dupla personalidade do Nissan March.

Continuar lendo

Fiat Uno 2015 chega com visual e interior atualizados, câmbio Dualogic Plus e com o inédito sistema Start&Stop

Novo-Fiat-Uno-Evolution-2015-BrasilCom adversários cada vez mais atraentes, modernos e equipados, e com o antigo Palio Fire ganhando mercado, a Fiat não perdeu tempo e acaba de lançar a Uno 2015, que chega com visual e interior atualizados, novos equipamentos, opção de câmbio Dualogic Plus e com o inédito (para um carro nacional) sistema Start&Stop. O compacto italiano passa agora a ser vendido em sete versões (uma a mais), com preços variando entre R$ 26.370 e R$ 36.650. Infelizmente, a nova tecnologia está disponível apenas para o Uno Evolution, enquanto a versão Vivace, de entrada, não teve seu visual alterado – o que considero um erro.

Continuar lendo

Fiat lança o seu “aventureiro” mais barato e sem inspiração: Palio Fire Way

Fiat-Palio-Fire-Way-2015-BrasilLançado como o substituto do Mille no início desse ano, o Palio Fire recebeu um aumento de preços em março (o tornando o “carro mais barato fabricado no Brasil” e não o “automóvel mais barato do país”) e agora ganha outro aumento e mais uma versão: Way. Com pequenas alterações mecânicas, de acabamento e estéticas, o hatch “aventureiro” mais barato da Fiat consegue enfrentar muito bem as esburacas ruas e estradas brasileiras, mas não vai além de uma trilha leve na terra. Seu visual “Adventure” (ou “Trekking”) do Palio Fire Way foi o mais sem inspiração lançado até hoje pela marca italiana.

Continuar lendo