Volkswagen Passat, Passat Variant, CC e Fusca 2015 tem poucas novidades. Golf sobe de preço de novo nesse ano

Volkswagen-Fusca-2015
Volkswagen Fusca 2015

A linha 2015 dos veículos importados da Volkswagen está chegando às concessionárias da marca em todo Brasil. Touareg, Tiguan, Passat, Passat Variant, CC e Golf, fabricados na Europa, já podem ser encontrados, enquanto o Fusca, importado do México, só estará disponível no início de agosto. Entre os modelos, apenas Passat, Passat Variant, CC e Fusca 2015 receberam alguma novidade. Touareg e Tiguan não mudaram, enquanto o Golf, também sem alterações, subiu de preço de novo nesse ano, ficando ainda mais caro.

Entre as novidades da linha 2015, destaque para a nova opção de revestimento dos bancos do Fusca, que passa a contar com acabamento de couro perfurado, que auxilia na transpiração do corpo em longas viagens, aumentando o conforto dos ocupantes.

Volkswagen-CC-V6-2015
Volkswagen CC V6 2015

Outra mudança é em relação a localização da entrada auxiliar do sistema de som (Media-in). Na linha 2015 dos modelos Passat, Passat Variant e CC, essa entrada foi realocada no porta-luvas, permitindo uma melhor acomodação de celulares ou dispositivos de mídia que estão conectados à entrada, por exemplo.

O Novo Golf é oferecido no Brasil em três versões: Comfortline, Highline e GTI. As versões Comfortline e Highline são equipadas com o motor 1.4 TSI BlueMotion Technology de 140 cv, que conta com opções de transmissão manual de seis velocidades ou transmissão automática DSG de sete velocidades com função Tiptronic. Já a versão esportiva GTI é equipada com o motor 2.0 TSI de 220 cv e transmissão automática DSG de seis velocidades com função Tiptronic.

Volkswagen-Passat-Variant-2015
Volkswagen Passat Variant 2015

Passat e Passat Variant são oferecidos em versão única de acabamento, que traz a terceira geração do motor EA888 2.0 TSI de 211 cv e transmissão automática DSG de seis velocidades com função Tiptronic. Esse conjunto mecânico está disponível também no CC, que conta ainda com a opção topo de linha com motor 3.6l V6 FSI de 300 cv e tração 4MOTION. Já o Fusca oferece o motor 2.0 TSI de 211 cv tanto com transmissão automática DSG de seis velocidades com função Tiptronic como o câmbio manual de seis marchas.

Entre os utilitários esportivos, o Tiguan traz o motor 2.0 TSI e transmissão automática de seis marchas. O Touareg, por sua vez, é oferecido com duas opções de motorização: 3.6l V6 FSI, com 280 cv e 4.2l V8 FSI, com 360 cv, ambos conjugados à transmissão automática de oito velocidades.

Volkswagen-Golf-Comfortline-Brasil-2014
Volkswagen Golf Comfortline 2015

Seu bolso não agradece
Para fechar, a linha 2015 marcou mais um aumento de preços do Golf no ano que, se não me engano, recebeu seu quarto aumento de valores em 2014. De qualquer forma, interessante o hatch médio da Volkswagen, na versão Highline, já subiu R$ 5.760 desde o seu lançamento no Brasil em setembro do ano passado.

A versão de entrada do Golf, Comfortline, recebeu o seu primeiro aumento desde o seu lançamento no Brasil, subindo de R$ 66.990 para altos R$ 67.790. A todo de linha, GTI, está a R$ 10 de superar o assustador preço de R$ 100.000. Confira a diferença de preços:

VolkswagenPreço 07/2014Preço 03/2014Preço 09/2013*
Golf Comfortline 1.4 TSIR$ 67.790R$ 66.990
Golf Highline 1.4 TSIR$ 73.750R$ 70.360R$ 67.990
Golf Highline 1.4 TSI DSGR$ 80.750R$ 77.610R$ 74.990
Golf GTI 2.0 DSGR$ 99.990R$ 98.300R$ 94.990

*: Valores praticados na época do lançamento do novo Golf no Brasil.

Comentários

  • Bruno Ursine disse:

    Aleluia, alguma revista especializada resolveu alertar ao consumidor sobre esse aumento abusivo de preços da VW.
    Agora o consumidor precisa criar vergonha na cara e parar de comprar, porque esse mês além do aumento do preço base os opcionais também sofreram aumento. Depois reclamam das vendas baixas.

  • Pablo disse:

    Renato, você acha que vale a pena esperar o Golf nacional, sabendo que terá motor flex com 10cv a mais, porem com câmbio e suspensão inferiores? Ou é melhor aproveitar o queimão das ultimas unidades do mexicano?

    • Renato Parizzi disse:

      Oi Pablo. Depende da sua necessidade pelo carro. Se precisar do carro agora, compre, sem dúvida. Se não precisar e achar que pode ser um problema não ter um veículo fabricado no Brasil, espere.

      • marco costa disse:

        Pablo, se vc quer comprar um golf de verdade, deveria ter comprado o alemão, ou se contentar com o mexicano. O nacional, virá com mudanças no motor (o atual é muito econômico e anda bem, tenho um e posso afirmar), câmbio, suspensão e, dizem, até a plataforma não será a mesma. REsumindo a VW vai oferecer um gol com cara de Golf. Eu, por ex., adoro o Golf e já o vinha esperando há duas gerações (que não foram lançadas no Brasil, mas que tive o prazer de dirigir por muitos quilômetros na Europa), não vou comprar o nacional. Infelizmente migrarei para outro veículo a contragosto.
        Espero ter ajudado.
        Abç

        Marco

    • Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *