Toyota Corolla GLi 2016 tem novidades

Toyota-Corolla-GLi-2016-couro
Toyota Corolla GLi 2016?

A Toyota ainda não fez nenhum anuncio oficial, mas, de acordo com o site da marca, o Corolla GLi 2016 tem novidades, que valem a partir de março. Revestimento dos bancos, lista de equipamentos e rodas devem ser o foco das mudanças, assim como os preços, que ficaram ainda mais caros com o retorno do IPI.

Bonito, equipado, moderno e caro, o (novo) Toyota Corolla deve ganhar algumas alterações na linha 2016 no Brasil. E a principal beneficiada seria a versão de entrada, a que mais deixa a desejar no quesito acabamento. Pelo menos é isso o que conseguimos entender da mensagem do website da marca japonesa, que diz que a partir de março de 2015, teremos o Corolla GLi manual com os bancos revestidos em tecido (como temos hoje); o Corolla GLi automático CVT com os bancos revestidos em tecido (igual atualmente); e o Corolla GLi automático CVT com o revestimento dos bancos em couro – a novidade.

Em termos de equipamentos, a versão GLi com couro terá, de série, banco traseiro rebatível, bipartido (60/40), com descansa-braços central e porta-copos; entradas USB e auxiliar; sistema de áudio compatível com CD-R/RW, MP3, WMA, ACC e rádio AM/FM; e volante com controles de áudio, computador de bordo e Bluetooth on/off (sem comando de voz).

Se essas são, até o momento, as únicas alterações por dentro, por fora as novidades estão “calçadas”: o Corolla com revestimento em tecido terá rodas de aço de 16″, enquanto o modelo com os bancos revestidos em couro terá rodas de liga-leve com a mesma medida (menos o estepe, que é de aço, com 16″, em todas as versões).

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-visual-LED
Toyota Corolla Altis continuará caro

Ao que tudo indica, todas essas mudanças já seriam parte da linha 2016 do Corolla. Falta a confirmação oficial da Toyota, que também não mudou nada no site em relação às outras versões do sedã, XEi (intermediária) e Altis (topo de linha), ambas 2.0 16V, que continuam com os elevados preços de R$ 82.050 e R$ 94.390 (R$ 95.290 com pintura branco perola), respectivamente.

A versão de entrada do Corolla, a GLi, é vendida apenas com motor 1.8 16V. Seu preço, nesse momento, não está mais disponível no site da companhia. De acordo com um funcionário de uma concessionária da Toyota que não quis se identificar, o Corolla GLi com revestimento em tecido, lamentavelmente, poderá perder alguns equipamentos para manter o preço na casa de R$ 68.000 (manual – R$ 71.000 CVT), enquanto a versão GLi com revestimento em couro, que ganhou alguns equipamentos, deve ficar na casa de R$ 75.000 (CVT), trombando com o Honda Civic LXR 2.0.

Se isso se confirmar, a Toyota preencherá uma lacuna de preço hoje praticamente inexplorada pelo Corolla: entre R$ 70.000 e R$ 80.000 – problema criado pela própria marca, uma vez que o seu sedã médio é caro demais, especialmente nas versões intermediária e topo de linha (embora o modelo venda muito bem). Veremos o que vai acontecer.

Comentários