Fiat e Ford: como os italianos podem ganhar com a queda da rival no Brasil

Logos da Fiat e da Ford
Fiat e Ford

Fiat e Ford: como os italianos podem ganhar com a queda da rival no Brasil? Essa é o tipo de pergunta que farei numa série de posts aqui no De 0 a 100 sobre como as principais montadoras de carros do País podem crescer considerando que a marca do oval azul norte-americana é carta fora do baralho.

A Ford

Decidir fechar suas fábricas no Brasil para virar uma marca de nicho, só com importados no portfólio, num momento em que o dólar está altíssimo, é a realidade da Ford que, otimista, terá 1% de participação no mercado nacional já num futuro próximo.

Ford Ka SE Plus 2019 de Renato Parizzi
Meu Ford Ka está saindo de linha no Brasil

A empresa ainda tem (por causa de estoques) em seu portfolio os modelos abaixo, sendo que os três primeiros, últimos fabricados aqui, foram responsáveis por mais de 70% das vendas da companhia no Brasil em 2020.

  • Ka
  • Ka Sedan
  • EcoSport
  • Territory
  • Edge
  • Mustang
  • Ranger

A Ford continuará no Brasil e terá mais alguns lançamentos (todos fabricados em outros países), mas nenhum garantirá volume de vendas. Como a Fiat pode aproveitar as lacunas criadas?

A Fiat

Os italianos, agora mais fortes com a Stallantis, tem dois carros que podem, imediatamente, suprir a ausência do Ka e do Ka Sedan: Argo e Cronos, respectivamente.

Por mais que eles tenham espaço interno inferior, o acabamento é parecido (talvez até melhor) e o visual da dupla Fiat é (bem) mais atraente.

Fiat Argo Trekking 1.3 2021
Além de substituir o Ka, Fiat Argo será a base para um novo SUV, que chega ainda em 2021

Com as novidades previstas em relação a motorização, câmbio automático (CVT) e tecnologia, sem dúvida eles estão aptos para substituir a linha Ka sem deixar saudades.

“Fiat EcoSport”

Por outro lado, a Fiat ainda não está pronta para ocupar o espaço deixado pelo EcoSport. Não ter um SUV Fiat até hoje foi um erro estratégico notável da FCA, que preferiu priorizar a Jeep para esse segmento com Renegade e Compass. 

Mas sabemos que a Stellantis está correndo atrás do prejuízo e que a Fiat terá, sim, o seu SUV, derivado do Argo, previsto para o segundo semestre desse ano. 

Ford Territory
Com o fechamento das fábricas da Ford no Brasil, Territory perdeu poder de conquista

Outros modelos

A Fiat também trabalha num utilitário esportivo maior, uma espécie de Toro SUV, que é muito mais promissor pelo conjunto do que o Ford Territory. Para brigar com o Edge e com o futuro Bronco, a Stallantis não escalará a Fiat, mas sim a Jeep.

Fechando o post, a dupla Strada e Toro continuará dando um banho de mercado na Ranger, ainda mais depois dessa senhora enfraquecida da Ford no Brasil. São categorias diferentes dentro do segmento de picapes, eu sei, mas o banho acontece e acontecerá do mesmo jeito.

ACOMPANHE O DE 0 A 100 TAMBÉM PELO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *