Toyota lança novo Corolla 2015, que chega mais bonito, equipado, moderno e caro

Sedã japonês evoluí em todos os aspectos, ficando ainda mais “Corolla e Civic” ao mesmo tempo. Pela primeira vez, pensei me comprar o sedã da Toyota, mas preços me assustaram.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-visual

Demorou, mas finalmente temos o novíssimo Toyota Corolla rodando nas nossas ruas. Ainda é cedo para garantir, mas, provavelmente, essa é a melhor geração da história do sedã. Digo isso porque o carro ficou (bem) mais bonito, mais moderno, mais equipado e, lamentavelmente, mais caro, com preços que variam entre R$ 66.570 e R$ 92.990 (!). Fui conhecer o carro numa concessionária e já fiz algumas avaliações.

O novo Corolla será vendido em três versões (a XLi morreu), com duas opções de motor e duas de câmbio: GLi 1.8 16V com transmissão manual de seis velocidades; GLi 1.8 16V com câmbio automático Multi-Drive, que simula sete velocidades no modo Drive e no modo sequencial, por meio de trocas na alavanca de transmissão; e XEi e Altis, ambos 2.0 16V e equipados com transmissão automática Multi-Drive, que simula sete velocidades no modo Drive e ainda oferece ao motorista trocas de marchas manuais no modo sequencial, tanto na alavanca do câmbio quanto por meio de borboletas localizadas atrás do volante.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-traseira

Design
Pela primeira vez na minha vida acho o Toyota Corolla realmente bonito. Analisei o carro com bastante calma e gostei mesmo do que vi. Diferente do estilo adotado pela marca na última reestilização do modelo (com direito a traseira no estilo “tuning” – ou xuning para alguns), a nova geração é moderna, elegante e com linhas mais esportivas, seguindo um pouco o modelo quase sempre adotado no principal concorrente, o Honda Civic.

Com isso, o atual comprador do modelo, assim como outros que antes consideravam o Corolla um carro de tiozão, provavelmente ficarão bem interessados na nova geração do sedã. E, do meu ponto de vista, o Corolla ficou mais bonito do que o Civic atual brasileiro.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive

Toyota Corolla Altis 2015

A nova geração do sedã da Toyota tem seu design baseado em dois conceitos: Keen Look, expressão inspirada no olhar focado de um atleta de alto rendimento antes de uma competição, que reflete a nova identidade visual dos veículos marca, com dianteira, traseira e lateral mesclando formas côncavas e convexas; e Under Priority, que tem como característica o posicionamento mais baixo da grade frontal, garantindo melhor eficiência aerodinâmica e maior nível de proteção aos pedestres, em caso de acidentes.

Na dianteira, destaca-se o amplo conjunto de faróis que se une de forma integrada aos para-lamas. O desenho do capô é elevado e possui vincos acentuados no centro e nas laterais. A grade frontal é formada por três filetes que invadem a lente de policarbonato dos faróis. Este efeito se torna ainda mais interessante na versão topo de linha Altis, equipada com jogo de luzes auxiliares em LED.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-lateral

Toyota Corolla Altis 2015

Na parte traseira, o Novo Corolla também segue a tendência mundial da Toyota. As formas da carroceria e da tampa do porta-malas se unem às laterais e às lanternas para criar um visual elegante.

O novo Corolla prova que a Toyota sabe fazer carros bonitos e que poderia ter feito um trabalho visual muito melhor na linha Etios.

Interior, acabamento e espaço
Por dentro, todas as versões contam o painel dianteiro desenvolvido em um tema horizontal, ampliando, segundo a marca, a sensação de espaço aos ocupantes. Na primeira vista, o resultado é estranho. Mas depois é fácil se acostumar.

A versão de entrada, GLi, tem acabamento bem feito, mas não entrega alto refinamento – normal para os carros da marca. O painel de instrumentos é mais simples, com a a zona de informação composta por um grande círculo central que indica a velocidade, ladeado por dois círculos menores, sendo o da esquerda o conta-giros e o da direita o indicador de combustível e temperatura. Um display de cristal líquido, localizado abaixo do mostrador de velocidade reúne as informações do computador de bordo. Não é feio, mas poderia ser igual ao das versões superiores, o que o tornaria mais refinado e completo.

Toyora-Corolla-GLi-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-painel-instrumentos

Painel de instrumentos do Toyota Corolla GLi 2015 poderia ser mais refinado

Embora as peças tenham boa qualidade e encaixes bem feitos, alguns pontos do acabamento do Corolla GLi poderiam melhorar, ainda mais para um carro que parte de R$ 66.570. A tecla do botão Sport, que fica no console central, perto do câmbio automático, é um exemplo. Quando o carro não tem esse sistema, o painel fica desnivelado. Repare na foto abaixo.

Toyota-Corolla-2015-GLi-Brasil-CVT-painel-acabamento-mal-feito-botao-Sport

Repare no desnível deixado pela falta do botão Sport – parte de baixo, centro direita

A versão XEi traz banco, volante, painel das portas e manopla de câmbio com revestimento padrão couro, na cor cinza. Diferente da versão de entrada GLi, na qual há presença de materiais de acabamento Total Black, nesta, os mesmos detalhes são em padrão fibra de carbono. A versão topo de linha Altis apresenta revestimento padrão couro, na cor bege, e detalhes em padrão madeira escura no painel central, portas e na manopla de câmbio.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-painel-instrumentos

Painel de instrumentos das versões XEi e Altis

Nas versões XEi e Altis, o painel de instrumentos mostra dois grandes círculos em suas extremidades: o do lado esquerdo reúne o conta-giros e o termômetro do motor, o direito engloba o velocímetro e o indicador de combustível. Ao centro, está presente uma tela display ao estilo TFT, na qual são exibidas diversas informações sobre a condução, em projeção tridimensional. Entre elas, a marcha que está sendo simulada pela transmissão Multi-Drive.

Todas as versões têm a iluminação clear blue para os indicadores de velocidade e rotação do motor no painel de instrumentos, sistema de áudio, relógio e ar-condicionado, quando o farol está acionado. A intensidade da luz pode ser regulada conforme a preferência do motorista.

Toyota-Corolla-2015-GLi-Brasil-CVT-painel-relogio

Não gostei do relógio. Quebra o conjunto do painel

O destaque negativo do painel é seu relógio digital (acima). Alguns podem achar nostálgico e clássico, mas eu achei muito feio, quebrando totalmente a modernidade do conjunto. O relógio me lembrou muito o do Chevrolet Monza que o meu pai tinha quando eu era criança.

Outro ponto que me incomodou, especialmente à bordo do Corolla Altis, de salgados R$ 92.990, foram os botões de abertura do porta-malas e do bocal do tanque de combustível. Localizado bem em frente ao banco do motorista, do lado esquerdo, próximo à porta, eles são feios e simples (embora práticos), como se fossem do Etios. Um sedã médio da marca Toyota merecia algo um pouco melhor.

Toyota-Corolla-2015-GLi-Brasil-CVT-painel-alavanca-porta-malas-bocal-combustivel

Em termos de conforto e espaço, o novo Corolla evoluiu em relação à antiga geração, ao mesmo tempo que “caminhou” em direção ao Civic.

A carroceria está mais rígida em comparação com a geração anterior, devido à utilização de aços de alta resistência à tensão e aos diversos reforços estruturais implementados. Também houve melhoria na relação de direção, que ficou 8% mais direta, bem como o posicionamento do volante, reduzido em dois graus – para um ângulo que privilegia esportividade e conforto (inspiração Civic).

Segundo a marca, a calibragem da suspensão (tradicional: independente no eixo dianteiro e com barra de torção no eixo traseiro) foi totalmente realizada pela engenharia da Toyota do Brasil, resultando em um balanço perfeito entre conforto e esportividade – olha a inspiração Civic aí de novo.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-banco-traseiro

Interior da versão Altis. Toda linha Corolla 2015 melhorou o espaço interno, menos para a cabeça no banco traseiro

Outra revolução diz respeito ao espaço interno. O modelo oferece 2,70 metros de entre-eixos (10 centímetros a mais do que a geração anterior) – número mais compatível para a categoria atualmente.

Segundo a Toyota, o desenho do novo Corolla possibilitou, ainda, a realocação das caixas de rodas para as extremidades da carroceria, proporcionando mais comodidade a todos os ocupantes. São 7,5 centímetros adicionais entre a base do banco traseiro e o encosto do banco dianteiro. O espaço para os joelhos dos passageiros que viajam na parte traseira do veículo totaliza 70,6 centímetros, o que significa aumento de 8,5 cm em relação ao Corolla anterior. Já o espaço para os pés, beneficiado pelo assoalho traseiro de desenho totalmente plano, cresceu 9,2 centímetros.

Toyora-Corolla-XEi-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-painel

Toyota Corolla XEi 2015. Painel horizontal é estranho no início

Por outro lado, o espaço para a cabeça piorou no banco traseiro. Digo isso porque fui conhecer a nova geração do Toyota a bordo de um Corolla 2013/2013 (taxi) sentado no banco traseiro. Em nenhum momento bati a cabeça no teto, diferente do novo Corolla, que empurra a minha cabeça para baixo e para frente – problema de quem tem mais de 1,90 m.

De acordo com a marca japonesa, os bancos do novo Corolla são mais finos, receberam espumas de revestimento mais densas e tiveram aumentadas as abas laterais, acomodando de maneira mais ergonômica o corpo dos ocupantes. Também houve melhora no ajuste de altura do banco, deslocando-se verticalmente de 4,5 cm para 6 cm, e na sua profundidade, ampliada de 24 cm para 26 cm – ótimas mudanças para as pessoas mais altas e mais baixas. Para incrementar ainda mais o espaço para o motorista, o conjunto dos pedais foi deslocado em 1 cm para frente.

Toyota Corolla 2014 Novo Corolla 2015
Comprimento (m) 4,540 4,620
Largura (m) 1,760 1,775
Altura (m) 1,480 1,475
Entre eixos (m) 2,600 2,700
Vão livre mínimo do solo (cm) 16 15,5
Porta-malas (l) 470 470
Tanque (l) 60 60
Peso em ordem de marcha (kg) 1.8: 1.245 ( MT) e 1.255 (CVT); 2.0 CVT: 1.285 (XEi) e 1.290 (Altis) 1.8: 1.235 (MT) e 1260 (CVT); 2.0 CVT: 1.295

O nível de ruído interno foi trabalhado para privilegiar o silêncio a bordo, segundo a marca. Mantas acústicas estão espalhadas por diversos pontos da carroceria, isolando os passageiros. Também foi adotado um carpete com tratamento especial no assoalho. A 100 km/h, o Novo Corolla gera 63.8 decibéis, contra 66.6 decibéis registrados pela geração anterior.

Motor e câmbio
O novo Corolla manteve os mesmos motores da sua geração anterior no Brasil, 1.8 16V e 2.0 16V, mas ambos receberam algumas melhorias. Eles agora são equipados com o sistema de partida a frio, para utilização do etanol em baixas temperaturas, que dispensa o tanque de combustível auxiliar e, consequentemente, seu reabastecimento periódico com gasolina. Os bicos injetores são dotados de um sistema que preaquece o etanol no momento da partida, quando o motorista vira a chave de ignição (GLi e XEi) ou aperta o botão de partida (Altis).

Toyora-Corolla-XEi-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-motor-2.0

Motor 2.0 16V desenvolve 143/154 cv de potência

O propulsor 1.8 16V desenvolve os mesmos 139 cv de potência a 6.000 rpm e 17,7 mkgf de torque a 4.200 rpm com gasolina e 144 cv e 18,4 mkgf com etanol, nos mesmos regimes de giro. Já a motorização 2.0 16V gera 143 cv a 5.600 rpm e 19,4 mkgf a 4.000 rpm, quando abastecido com gasolina, e 154 cv a 5.800 giros e 20,4 mkgf a 4.800 rpm com etanol.

A nova geração do Corolla está equipada com dois tipos de transmissões, uma manual de seis velocidades, na versão de entrada GLi, e a exclusiva transmissão automática Multi-Drive, presente nas demais – sem dúvida a principal novidade do conjunto mecânico do modelo.

Toyora-Corolla-GLi-XEi-Altis-Brasil-2015-cambio-CVT-Multi-Drive

Câmbio automático CVT Multi-Drive simula sete marchas

Com a tecnologia CVT (transmissão continuamente variável), o câmbio Multi-Drive usa um software de gerenciamento para simular sete marchas, mesmo quando o motorista conduz o veículo com o câmbio na posição Drive. Segundo a marca, “o resultado é uma sensação agradável ao dirigir, com o benefício da percepção das trocas de marchas, mas de uma maneira suave, sem os choques característicos das transmissões automáticas convencionais”.

A transmissão Multi-Drive da Toyota oferece ao motorista, em todas as versões, a possibilidade de trocas manuais sequenciais, que podem ser feitas exclusivamente na alavanca de câmbio, na GLi. Já para as versões superiores XEi e Altis, as trocas sequenciais podem ser praticadas também por meio das borboletas localizadas atrás dos volantes. Estas duas versões do sedã contam também com a tecla “Sport Mode” que, quando acionada, altera o mapeamento do software de gerenciamento da transmissão e proporcionam ao novo Corolla um comportamento dinâmico mais esportivo.

Toyota-Corolla-2015-GLi-Brasil

Toyota Corolla GLi 2015

Consumo e desempenho
O conjunto formado por aerodinâmica, peso, motor e transmissão, aliado à adoção de pneus com baixa resistência à rodagem, tornou o novo Corolla, segundo a Toyota, superior à sua geração anterior em termos de desempenho.

Em linhas gerais, o modelo, na sua versão 2.0, está 15% mais rápido no teste de aceleração de 0 a 100 km/h e 27% mais ágil no teste de retomada entre 80 km/h e 100 km/h. Com transmissão Multi-Drive, o novo Corolla precisou de 9,6 segundos para ir da imobilidade a 100 km/h, quando abastecido com etanol, nos testes divulgados pela Toyota e conduzidos pelo Instituto Mauá de Tecnologia –  as condições simularam um uso regular do veículo, ou seja, ar-condicionado ligado e dois passageiros a bordo.

O novo sedã da Toyota também já foi submetido à avaliação do Programa de Etiquetagem Veicular do INMETRO, e recebeu a nota A em todas as versões de motorização e transmissão. Os dados de consumo aferidos foram os seguintes:

 Combustível

Gasolina

Etanol

 Circuito Cidade Estrada Cidade Estrada
Corolla 1.8 MT 10,7 km/l 13,2 km/l 7,4 km/l 9,1 km/l
Corolla 1.8 CVT 11,4 km/l 13,2 km/l 7,8 km/l 9,2 km/l
Corolla 2.0 CVT 10,6 km/l 12,6 km/l 7,2 km/l 8,7 km/l

Preços, versões e equipamentos
O novo Toyota Corolla está disponível em sete cores. As já conhecidas Super Branco, Prata, Cinza, Preto e Azul, e as novas Vermelho e Branco Pérola. Veja os preços e a lista de equipamentos:

Toyota-Corolla-2015-GLi-Brasil-CVT

Toyota Corolla GLi 2015

Toyota Corolla GLi 1.8 16V 2015 - R$ 66.570 (manual) / R$ 69.990 (CVT)
Direção eletroassistida progressiva, ar-condicionado com controle manual, chave do tipo canivete, com comandos do alarme integrados, múltiplos porta-objetos nas portas e no console central, computador de bordo com seis funções (consumo médio e instantâneo, indicador Eco Drive, autonomia, velocidade média, tempo de percorrido, controle de iluminação do painel e temperatura externa), coluna de direção com regulagem de altura e profundidade, hodômetro e relógio digital, sistema de som com conectividade USB para iPod e similares e dispositivo Bluetooth, vidros e retrovisores com acionamento elétrico, volante multifuncional, cinco airbags (dois frontais, dois laterais dianteiros e um de joelho para o motorista), sistema de ancoragem ISOFIX para cadeiras infantis nos bancos traseiros, travamento automático das quatro portas a 20 km/h, cintos de segurança com pré-tensionador e limitador de força e freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem; entre outros.

Toyota Corolla XEi 2.0 16V 2015 – R$ 79.990
Equipamentos da versão GLi além de ar-condicionado é automático digital, o computador de bordo exibe a velocidade instantânea em formato digital, acionamento dos vidros elétricos por um toque disponível nas quatro portas; faróis de neblina, bancos traseiros bipartidos (60/40), com descanso de braço central e porta-copos; sistema Multimídia com tela de 6,1 polegadas, com todas as funções do áudio, dispositivo de navegação, câmera de ré, conexões USB para iPod e similares e dispositivo Bluetooth; reprodução de DVD, sinal de TV digital; controle de velocidade de cruzeiro e retrovisor interno eletrocrômico, entre outros.

Toyora-Corolla-Altis-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-interior-painel

Painel do Corolla Altis 2015

Toyota Corolla Altis 2.0 16V 2015 - R$ 92.900
A versão topo de linha, Altis, tem os itens da XEi acrescentando luzes auxiliares em LED, sistema smart entry, sistema de partida sem chave tipo Start Button, ajuste elétrico para o banco do motorista, retrovisores externos eletrorretráteis, acendimento automático dos faróis, mais dois airbags (tipo cortina – totalizando sete), entre outros.

 Preços *Linha 2014 – R$ Linha 2015 – R$
Corolla XLi 1.8 manual 62.100 -
Corolla XLi 1.8 automático 66.010 -
Corolla GLi 1.8 manual 64.860 65.570
Corolla GLi 1.8 automático 68.280 69.990
Corolla XEi 2.0 automático 77.220 79.990
Corolla Altis 2.0 automático 86.790 92.900

* Preços cotados em março de 2014 no site da Toyota.

Realmente o novo Corolla está caro, principalmente as versões 2.0. A Toyota até tentou se explicar sobre o assunto, mas os valores me assustaram um pouco. Se você não se incomodou com os preços, fique atento aos números pedidos pelas concessionárias. Na Osaka, em Belo Horizonte, lamentavelmente todas as versões do Corolla estavam com o extra de R$ 2.000 no dia da minha visita (15/03).

Resumo da obra
O Corolla nunca foi tão bonito, moderno e equipado como hoje. Ele também nunca foi tão próximo do Civic como hoje, mas mantendo bem as suas características próprias. Mas, unindo mais um pouco os dois carros, a Toyota consegue manter a fidelidade do atual dono do Corolla e ainda atrair (ainda mais) o proprietário do sedã médio da Honda.

Toyora-Corolla-XEi-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive-dianteira

Toyota Corolla XEi 2015

A evolução mecânica do Corolla também foi notável, especialmente por causa do câmbio automático CVT Multi-Drive. Além de contribuir com a melhora do desempenho e do consumo, sua simulação de sete marchas o coloca à frente dos principais concorrentes, como, por exemplo, o Civic (automático de apenas cinco velocidades), Chevrolet Cruze (automático de seis velocidades) e Hyundai Elantra (automático de seis velocidades).

Mas o grande problema do Corolla é o seu preço. Tudo bem que o carro ficou mais equipado e moderno, mas o aumento de preço não foi bem-vindo, ainda mais se pensarmos que, em julho, teremos mais uma elevação do IPI. Será que vale pagar R$ 79.990 (XEi) num veículo sem acendimento automático dos faróis, iluminação para o espelho do quebra-sol, sensor de chuva e sensor de estacionamento traseiro? E que tal investir R$ 92.900 num carro sem controle de tração, de estabilidade e sem faróis de xenônio?

Toyora-Corolla-XEi-Brasil-2015-CVT-Multi-Drive

Toyota Corolla XEi 2015

Por mais que o Corolla seja um excelente carro, cruzar a barreira dos R$ 90.000 o coloca numa categoria de preço em que ele briga com veículo superiores em conforto e equipamentos.

De maneira geral, aprovei todas as mudanças do novo Corolla, com exceção dos preços. Mesmo reconhecendo que o carro sempre foi muito bom, só agora, depois da nova geração, é que pensei, pela primeira vez na minha vida, em comprar um Corolla por causa da sua evolução. Mas, definitivamente, os valores realmente me desanimaram.

Mesmo assim, acho que o veículo tem tudo para voltar ao topo do segmento. Espero que a concorrência se mova o quanto antes para termos um mercado ainda mais disputado. A Nissan já vez a sua parte com a nova geração do Sentra, que mostra que um ótimo sedã médio pode custar até R$ 19.410 mais barato do que o seu concorrente (Sentra SL X Corolla Altis). Vamos esperar para ver o que Chevrolet, Volkswagen e Honda farão com Cruze, Jetta e Civic, respectivamente, nas suas linhas 2015.

Comentários (15)

  1. ficou excelente no design mas cometeu algumas falhas graves nos equipamentos de serie, mas de maneira geral voltou a ser o melhor sedan medio do mercado o resultado do design ficou tao bom q a toyota ja disse q algumas linhas de estilo do corolla irao pra nova geracao do ETIOS q sera lançado entre 2015 e 2016 na asia, america do sul e africa, q ganhara mais um integrante totalmente aceito em qualquer familia de qualquer marca… um SUV compacto

  2. Os preços para o novo Corolla segundo a própria Toyota são: Corolla 2015 1.8L GLi M/T R$ 66.570, Corolla 2015 1.8L GLi Multi-Drive (CVT) R$ 69.990, Corolla 2015 2.0L XEi Multi-Drive S R$ 79.990 e Corolla 2015 2.0L Altis Multi-Drive S R$ 92.990. Como são disponíveis cores metálicas, resta somente a Branco Pérola com o valor adicional de R$ 900.

    Se compararmos com carros equivalentes de outras marcas, veremos que os preços não são o atrativo maior deste carro. Prova disso é o preço de tabela do novo Fusion SE 2.5 R$ 97990 (encontrado com desconto em modelos 2014 nas concessionárias Ford por até R$ 92990 – icarros, vrum, webmotors etc…). Sem comentários comparar o novo Toyota Corolla Altis 2.0 com o novo Fusion SE 2.5.

    Não é por menos que alguns preços do Corolla já viraram piada. Como por exemplo o do Altis, em um quadro onde o trapalhão Mussum diz: Cacildis tá ALTIS esse preço…

    Como em um país como o Brasil a regra básica é vender, independente de qualquer coisa, ouve-se a frase de um consultor de vendas da Toyota:

    “Como a demanda está grande, a cada semana estamos colocando mais ágio. É para o consumidor não ir assustando, desta forma acostuma com o preço”. Então quem comprou na primeira semana pagou menos ágio. A cada dia quem compra vai pagando mais. Vai entender….

    Outros usam a desculpa do frete e do imposto. Mas como poderia ser isso se em estados do Nordeste, mais longe da fábrica e como maiores impostos estão com menores ágios?

    O consumidor brasileiro pergunta: Porque o carro em outros países é tão barato e aqui tão caro?

    Na verdade, não sabe que a resposta está nele mesmo. Se o consumidor compra a qualquer preço e a qualquer custo, porque o preço deve ser o justo?

    Fica aqui a reclamação para que a fábrica, que já mantém preços altos no veículo, trabalhe com política de respeito ao consumidor.

    Afinal de contas todos sabemos que a concessionária pode dar descontos e se não o faz em virtude do carro ser lançamento, que pelo menos não cobre ágio. Se um Corolla 2015 1.8L GLi CAMBIO MECÂNICO de R$ 66.570 por R$ 70.990 não for desrespeito, então o que seria?

  3. . . . tenho interesse por esse carro, quero comprar um Corola XEi 2015, mas… com TUDO que tem na propaganda como: todos os opcionais e o preço de R$ 79.990,oo, pago a vista e sem mais um tostao a mais, peeensa!!!

  4. Acabei de comprar o Corolla Altis 2015, tinha um SEG 2009, qual foi a minha surpresa negativa:- tiraram o sensor de chuva. – os bancos do motorista e carona ficaram mais estreitos por isto ¨mais espaço¨ entre os bancos, além disto, ficaram bem mais duros desconfortáveis, fizeram uma costura com relevo no assento que incomoda muito . –tiraram as tampas dos porta-copos do console.- o descanso de braço do console ficou fixo muito ruim, muito curto- a luz do quebra sol ligava quando abria a tampa do espelho, agora colocarão um interruptor, tem que abrir a tampa e depois procurar o interruptor a noite fica muito difícil, pois esta escuro -tiraram os sensores dianteiros e traseiros a câmera de ré não é tão confiável, no manual varias paginas falando dos cuidados, que não basta olhar só na câmera tem observar em volta -o botão que aumenta e diminui o ar condicionado era só apertar com o dedo indicador tanto para cima como para baixo agora retrocedeu para um botão de girar ¨pra acabar¨-tinha dois porta luvas agora um. -tenho a impressão que o motorista esta torto em relação ao volante, e ruim para segura-lo, pois o braço esquerdo fica esticado e o braço direito fica um pouco encolhido. -o relógio ficou uma piada além de feio ficou fora da visão do motorista.
    Coisas que melhorarão: motor e câmbio. .
    . E com todas estas desvantagens o preço absurdo, R$ 96.000,00 NA VIAN JAPAN EM PRESIDENTE PRUDENTE SP.
    Quando compramos um carro como o ALTIS quer o máximo de coisas automáticas, não ficar rodando botões ou movendo alavancas.
    E esperamos que coloquem mais tecnologia e não tirar as poucas que tem.
    Na confiança da marca TOYOTA e também do meu Corolla SEG 2009. Fiz o pedido do novo Corolla Altis, sem saber direito qual seriam as novidades, mas quando entrei no mesmo às novidades foram decepcionantes, faltavam muitas coisas que o 2009 já tínhamos.

  5. Acabei de comprar o Corolla Altis 2015, tinha um SEG 2009, qual foi a minha surpresa negativa:- tiraram o sensor de chuva. – os bancos do motorista e carona ficaram mais estreitos por isto ¨mais espaço¨ entre os bancos, além disto, ficaram bem mais duros desconfortáveis, fizeram uma costura com relevo no assento que incomoda muito. –tiraram as tampas dos porta-copos do console. – o descanso de braço do console ficou fixo muito ruim, muito curto- a luz do quebra sol ligava quando abria a tampa do espelho, agora colocaram um interruptor, tem que abrir a tampa e depois procurar o interruptor a noite fica muito difícil, pois esta escuro -tiraram os sensores dianteiros e traseiros a câmera de ré não é tão confiável, no manual varias paginas falando dos cuidados, que não basta olhar só na câmera tem observar em volta -o botão que aumenta e diminui o ar condicionado era só apertar com o dedo indicador tanto para cima como para baixo agora retrocedeu para um botão de girar ¨pra acabar¨-tinha dois porta luvas agora um. -tenho a impressão que o motorista está torto em relação ao volante, e ruim para segura-lo, pois o braço esquerdo fica esticado e o braço direito fica um pouco encolhido. -o relógio ficou uma piada além de feio ficou fora da visão do motorista.
    Coisas que melhoraram: motor e câmbio. . E com todas estas desvantagens o preço absurdo, R$ 96.000,00 NA VIAN JAPAN EM PRESIDENTE PRUDENTE SP.
    Quando compramos um carro como o ALTIS quer o máximo de coisas automáticas, não ficar rodando botões ou movendo alavancas.
    E esperamos que coloquem mais tecnologia e não tirar as poucas que tem.
    Na confiança da marca TOYOTA e também do meu Corolla SEG 2009. Fiz o pedido do novo Corolla Altis, sem saber direito qual seriam as novidades, mas quando entrei no mesmo às novidades foram decepcionantes, faltavam muitas coisas que o 2009 já tínhamos.

  6. eu não achava o corolla interessante, mas este modelo 2015 esta demais , ficou muito bonito que já estou pensando em ter um na garagem da minha casa . ta ai um sonho de consumo pra quem gosta do que é bom . esse é o carro .

  7. Fui conhecer o Corolla. na minha opinião ficou lindo demais.O painel q muitos criticam, achei diferente e interessante,menos o relógio.
    O problema ´q se fosse comprar um,seria o XEI. O carro vem com as maçanetas internas de plástico iguais à versão anterior.Não tem acendimento automático dos faróis,não tem sensor de chuva,nem rebatimento dos espelhos retrovisores.
    Tenho 1 Jetta confortline automático 2011 com todos estes opcionais,volante multifunções,menos teto e rebatimento automático dos vidros.
    Não acho interessante pagar o q pedem no Altis.O preço destes carros está fora da realidade,bem como do Golf 2015 q é absurdamente caro,mesmo em suas versões de entrada.
    Pretendo trocar meu Jetta já q o motor vai mudar,mas não está fácil encontrar CXB.
    Quando será q pagaremos preços justos pelos carros q compramos?

  8. É uma nave, com um tanque de 60 lts dá pra rodar 600 km dependendo da velocidade empregada, tem boa estabilidade, dá pra fazer uma curva a 140km/h, é espaçoso e da pra levar a sogra no porta malas kkkkkkk (brincadeirinha), tem boa acústica pra música, nao passa de 200 km/h, tem que tomar cuidado com os radares na rodovia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>