Muito mais para um Grand Siena melhorado, novo Fiat Cronos tem grande potencial

Fiat Cronos Precision automático

Fiat Cronos Precision automático

Bonito, com versões variadas, porta-malas muito grande, espaço interno limitado e preços acima do esperado: bem longe de ser um substituto para o Linea e muito mais para um Grand Siena melhorado, novo Fiat Cronos agrada e tem um grande potencial – mas pode evoluir.

Com cinco versões, duas possibilidades de motores e três opções de transmissão, o Fiat Cronos oferece uma oferta interessante para os interessados num sedã compacto. Preços, que poderiam ser melhores, variam entre R$ 53.990 e R$ 83.330.

Vídeo – Novo Fiat Cronos

Visual

A dianteira do Cronos é um pouco diferente em relação à do Argo e se destaca por um aspecto mais “musculoso”, com capô alongado e faróis que invadem as laterais (com uma “assinatura” em LED).

As laterais são harmônicas com o projeto e a traseira talvez seja o seu ponto alto, com traços marcantes, bem melhores do que os do Volkswagen Virtus nessa parte.

No geral, o Cronos é um dos sedãs mais bonitos do mercado brasileiro.

Fiat Cronos Precision manual

Traseira é um dos pontos altos do Fiat Cronos

Tamanho

Mas seria ainda mais harmonioso se ele fosse maior. O Cronos é um sedã pequeno, muito mais próximo de um Grand Siena e de um Chevrolet Prisma do que de um Linea, de um Cobalt e do Volkswagen Virtus.

E, esse, é um dos principais problemas do carro. Por não ter o seu entre-eixos alongado em relação ao Argo, como aconteceu com o Virtus e com o Polo, o Cronos ficou com um espaço interno bem limitado, especialmente atrás.

Pelo menos o porta-malas é excelente: 525 litros (mesmo com as peças alças que amassam as malas).

Espaço traseiro do Fiat Cronos

Espaço traseiro é bem limitado no Cronos

Por dentro

Internamente, o acabamento é interessante e a posição de dirigir é boa, embora, assim como o Argo, o modelo pudesse ter mais espaço para a cabeça do motorista.

No painel, destaque para o sistema multimídia Uconnect Touch de 7″, no centro, “flutuante”, compatível com Apple CarPlay e Android Auto, de série nas versões Drive e Precision, permitindo acessar Waze e WhatsApp, entre outros aplicativos. O equipamento pode ser controlado a partir do bom volante multifuncional.

Painel do Fiat Cronos Drive

Painel do Fiat Cronos Drive

Motor 1.3

O Cronos conta com duas opções de motores. O 1.3 8V, de quatro cilindros, da família Firefly (usado no Uno e no Argo), desenvolve 101 cv e 13,7 mkgf com gasolina e 109 cv e 14,2 mkgf com etanol.

Esse motor é eficiente e funciona muito bem no Argo e no Uno, que são mais leves do que o sedã. Ainda assim, ele deve atender bem os donos do Cronos.

Motor 1.3 Firefly do Fiat Cronos Drive GSR

Motor 1.3 Firefly do Fiat Cronos Drive manual e GSR

Motor 1.8

A motorização 1.8 16V E.TorQ VIS (também usada no Renegade e no Argo) é capaz de gerar 135 cv de potência e 18,8 mkgf de torque com o combustível fóssil e 139 cv e 19,3 mkgf com o derivado da cana-de-açúcar.

Essa é a versão mais atualizada desse propulsor no Brasil. Seu funcionamento mais áspero e ruidoso contrasta com a chegada do novo Fiat. Pelo menos o motor 1.8 é confiável e pode ser usado até o lançamento de uma nova motorização mais potente da FCA por aqui, prevista para um futuro de médio prazo.

Motor 1.8 E.TorQ do Fiat Cronos Precision

Motor 1.8 E.TorQ do Fiat Cronos Precision manual e automático

Câmbios do 1.3

O motor 1.3 pode ser associado à transmissão manual de cinco marchas e ao câmbio manual automatizado GSR Comfort também de cinco velocidades, que possui modo Sport e conta com Auto Upshift Abort, para melhorar as retomadas, além de paddle shifts (borboletas) atrás do volante.

Câmbios do 1.8

Além da opção com transmissão manual de cinco velocidades, o Cronos 1.8 possui câmbio automático de seis marchas, o mesmo utilizado na picape Toro, no Argo e no Jeep Renegade.

Essa caixa conta com paddle shifts (borboletas) atrás do volante e com o recurso Neutral Function, que auxilia na economia de combustível ao desacoplar o motor da transmissão em paradas rápidas de trânsito – o que também evita a incômoda sensação de que o sistema está forçando os freios.

Minha ordem de escolha seria:

  1. Câmbio automático de seis marchas;
  2. Câmbio manual de cinco marchas;
  3. Dúvida entre as duas primeiras;
  4. Transmissão manual automatizada de cinco velocidades GSR.
Painel do Fiat Cronos Precision automático

Painel do Fiat Cronos Precision com câmbio automático

Versões, preços, equipamentos de série e opcionais

Fiat Cronos 1.3 – R$ 53.990

Vem de série com ar-condicionado, direção elétrica, vidros elétricos (dianteiros), trava elétrica, chave com telecomando, rádio com conexões Bluetooth e USB, computador de bordo, volante com comandos de rádio e telefone, display TFT de 3,5″ e alta resolução no painel de instrumentos, pontos ISOFIX, sistema de monitoramento da pressão dos pneus (iTPMS), ajuste de altura do banco do motorista, sistema ESS (sinalizador de frenagem de emergência), cintos de segurança de três pontos para todos os ocupantes, apoio de cabeça central traseiro, volante regulável em altura e outros.

Fiat Cronos Drive GSR

Fiat Cronos Drive GSR

Fiat Cronos Drive 1.3 – R$ 55.990

A versão Drive acrescenta o sistema multimídia Uconnect Touch 7″ e a segunda porta USB – voltada para os passageiros traseiros.

Como opcionais estão disponíveis faróis de neblina, banco traseiro bipartido, rodas de liga leve, câmera de ré com linhas dinâmicas, sensor de estacionamento, retrovisores elétricos com tilt down (ajuste automático do espelho do lado do passageiro para uma posição mais baixa nas manobras de ré) e repetidores de seta integrados, vidros elétricos traseiros e alarme.

Painel do Fiat Cronos Drive GSR

Painel do Fiat Cronos Drive com câmbio manual automatizado GSR

Fiat Cronos Drive 1.3 GSR – R$ 60.990

Além dos items da Drive, essa versão vem com o câmbio manual automatizado GSR (Gear Smart Ride) Comfort de cinco marchas com controle por botões no console central; Start&Stop, Ambient Lights, piloto automático (cruise control), apoio de braço para o motorista, vidros elétricos traseiros, retrovisores elétricos com tilt down e repetidores de seta integrados; controles de tração e estabilidade; e assistente de partida em rampa (Hill Holder).

Opcionais: faróis de neblina, banco traseiro bipartido, rodas de liga leve, câmera de ré com sensor de estacionamento e alarme.

Fiat Cronos Precision 2019

Fiat Cronos Precision manual na cor mais bonita disponível: Vermelho Marsala

Fiat Cronos Precision 1.8 – R$ 62.990

Além dos itens do Drive 1.3, traz faróis com luz de posição em LED, rodas de liga leve de 16″, faróis de neblina, retrovisores elétricos com tilt down e repetidores de seta integrados, vidros elétricos traseiros, banco traseiro bipartido, sensor de estacionamento traseiro e alarme.

Opcionais: airbags laterais dianteiros, câmera de ré com linhas dinâmicas, display TFT de 7″ e alta resolução no painel de instrumentos, ar-condicionado automático digital, espelho retrovisor interno com sensor de ofuscamento, espelhos retrovisores externos com rebatimento elétrico e puddle lamps, Keyless Entry’N’ Go, sensores de chuva e de luminosidade; bancos revestidos em couro, maçanetas e frisos das portas cromados e rodas de liga leve de 17″.

Fiat Cronos Precision

Fiat Cronos Precision tem câmbio automático de seis marchas

Fiat Cronos Precision 1.8 AT6 – R$ 69.990

Além dos itens da versão Precision 1.8, a versão automática traz como equipamentos de série paddle shifts atrás do volante para troca manual das marchas, piloto automático (cruise control), Ambient Lights, apoio de braço para o motorista, volante revestido em couro e maçanetas e frisos das portas cromados.

Opcionais: os mesmos da Precision 1.8, com exceção das maçanetas e frisos cromados (de série aqui).

Porta-malas do Fiat Cronos

Mesmo amassando as malas com suas alças, porta-malas do Fiat Cronos tem excelentes 525 litros de capacidade

Cores e garantia

O novo Fiat Cronos chega ao mercado em oito cores quase todas muito parecidas: três sólidas (Branco Banchisa, Preto Vulcano e Vermelho Alpine); três metálicas (Prata Bari, Cinza Scandium e Preto Vesúvio); e duas perolizadas (Branco Alaska e Vermelho Marsala) – essa última a mais bonita de todas.

O sedã conta com garantia de três anos sem limite de quilometragem. Este período pode ser estendido por meio do Mopar Vehicle Protection (MVP), disponível com a opção de diluição de seu valor nas parcelas do plano de financiamento do veículo.

Fiat Cronos Drive 2019

Com apenas 2,521 m de entre-eixos, Fiat Cronos não é um sedã grande

Cronos X Grand Siena X Linea

Vejam que, realmente, o que comentei acima, é verdade: Cronos está muito mais para um Grand Siena do que para um Linea no quesito tamanho.

FIAT Cronos Grand Siena Linea
Comprimento 4,364 m 4,290 m 4,560 m
Largura 1,726 m 1,700 m 1,730 m
Altura 1,508 m 1,506 m 1,505 m
Entre-eixos 2,521 m 2,511 m 2,603 m
Peso
  • 1.139 kg (1.3)
  • 1.159 kg (1.3 GSR)
  • 1.248 kg (1.8)
  • 1.271 kg (1.8 AT)
  • 1.133 kg (1.0)
  • 1.094 kg (1.4)
  • 1.141 kg (1.6)
  • 1.148 kg (1.6 Dualogic)
  • 1.310 kg (1.8)
  • 1.325 kg (1.8 Dualogic)
Porta-malas 520 litros 520 litros 500 litros
Tanque  48 litros 48 litros 60 litros

Pontos a serem revistos

Se o espaço interno não pode ser alteado, bem que a Fiat poderia efetuar mudanças para tornar o Cronos ainda mais interessante. A primeira delas é democratizar os controles de tração e estabilidade, que, assim como acontece no Argo, não estão disponíveis nem como opcionais para as versões de entrada.

Outro mudança seria matar a versão 1.3 sem sobrenome, fazendo com que toda linha ficasse R$ 2.000 mais barata. Isso ajudaria a tornar os valores do Cronos ainda mais competitivos, uma vez que, completo, a versão Precision 1.8 AT6 pode superar a incrível marca de R$ 82.000.

Motor 1.3 com transmissão automática e o propulsor 1.8 mais eficiente (ou de uma nova geração) são as minhas utopias para a FCA no País.

Design da dianteira do Fiat Cronos Precision

Design da dianteira do Fiat Cronos Precision agrada

Resumo da Obra

Mesmo assim, o Cronos, em menos de um mês, já demonstrou ter muito mais potencial de mercado do que o Grand Siena em toda a sua história no Brasil. Visual marcante, opções variadas e câmbio automático de verdade, além de boa ergonomia e outras qualidades fazem a diferença.

Se a Fiat mirar o Voyage, Prisma, Hyundai HB20S, Renault Logan (pelo preço), Nissan Versa (pelo preço), Toyota Etios Sedan e Ford Ka Sedan, evitando o embate direto com o Honda City, Volkswagen Virtus, Chevrolet Cobalt e com o futuro Toyota Yaris Sedan, o Cronos terá muito mais chance de sucesso.

ACOMPANHE O DE 0 A 100 TAMBÉM PELO:

Comentários (9)

    • José Luiz, eu sou proprietário de Fiat desde 2006 (um pálio e 3 Grand Siena). Você poderia apontar, qual o carro que a Fiat lançou e retirou o mercado em 5 anos? Eu não conheço nenhum.

  1. Sou mais o meu HB20S. Entretanto, parece ser um bom carro. Também não tenho nada contra a FIAT. Tive três que me atenderam muito bem. É FATO V.

  2. FIAT há anos está defasada com os seus modelos de motorização e linhas ultrapassadas, versões “Frankenstein” e ainda, com vida curta. Ao longo dos anos mesclou acertos e erros! O problema é que a FIAT é uma montadora popular que insiste em dar certo “status” a alguns modelos e consequentemente cobrar alto por isso!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *