Duelo (eterno) 2020: Honda Civic EXL 2.0 CVT x Toyota Corolla XEi 2.0 CVT

Honda-Civic-EXL-2020-x-Toyota-Corolla-XEi-2020

Corolla e Civic duelam mais uma vez

Honda Civic e Toyota Corolla talvez façam uma das disputas mais antigas e acirradas do mercado. Chegamos a ter Ford Focus e Volkswagen Golf em embates clássicos também, mas os sedãs japoneses se enfrentam de maneira mais pesada há anos, com um atrapalhando e ajudando o outro ao mesmo tempo. Agora, nas recém chegadas linhas 2020, as duas versões mais populares de cada um duelam aqui no De 0 a 100. Quem leva a melhor: Honda Civic EXL ou Toyota Corolla XEi?

Honda Civic 2020

Toyota Corolla 2020

Preços e equipamentos

Sedãs médios mais vendidos do Brasil, ambos receberam atualizações recentes. Enquanto o Civic passou por um facelift mínimo (ficando menos bonito), o Corolla ganhou uma novíssima geração e diversas melhorias. Com isso, o Toyota não perderá, tão cedo, a sua hegemonia de mercado em termos de vendas.

De toda forma, analisei aqui as versões mais emplacadas de cada um (ambas uma abaixo do acabamento topo de linha): enquanto a EXL representa cerca de 39% das vendas do Civic, a XEi tem a esmagadora preferência no mix do Corolla com aproximadamente 71%.

Honda Civic EXL 2020

Honda Civic EXL 2020

Honda Civic EXL 2020

O Honda Civic EXL 2020 tem preço público sugerido de R$ 112.600 e vem equipado, de série, com estrutura de deformação progressiva (ACE); alarme de segurança com imobilizador ECU; freios com sistemas ABS, EBD, EBA e ESS; controles de tração e estabilidade (VSA); assistente de partidas em aclive (HSA); assistente de dirigibilidade ágil (AHA); seis airbags (dois frontais, dois laterais e dois do tipo cortina; cinto de segurança de 3 pontos e encosto de cabeça para todos os ocupantes; cinto de segurança dianteiro com sistema de tensionamento e regulagem de altura; trava infantil nas portas traseiras e sistema ISOFIX de fixação para cadeirinhas infantis; câmera de ré multivisão (três possibilidades) com linhas dinâmicas; alerta de pressão do pneu (TPMS); antena; espelhos retrovisores elétricos, na cor do veículo com indicadores em LED e rebatimento elétrico; conjunto óptico com DRL em LED; faróis com acendimento automático (sensor crepuscular); faróis de neblina; chave com função Smart Key; freio de estacionamento eletrônico (EPB) com função Brake Hold; sensores de estacionamento dianteiros e traseiros com aviso sonoro e luminoso; modo de condução econômico (ECON); travas e vidros elétricos (com a função de subida automática dos vidros com “um toque” em todas as portas); comando elétrico de abertura interna do porta-malas (botão na porta do motorista); “borboletas” para troca de marchas no volante (paddle shift); “piloto automático” (Cruise Control); seta com One-Touch (pisca três vezes com um toque); retrovisor interno fotocrômico; coluna de direção com ajuste de altura e profundidade; console central elevado com apoio de braços e porta-copos; banco traseiro com apoio de braço central e porta-copos; desligamento automático dos faróis após 15 segundos; tomada 12 volts dianteira; ar-condicionado digital com duas zonas; banco traseiro bipartido 60/40; sensor de chuva; volante e bancos revestidos em couro; painel digital (TFT) de 7″ com alta resolução; central multimídia com tela de 7” touchscreen com navegador GPS com condições de trânsito (RDS), Wi-Fi e navegação assistida por voz, controle de áudio no volante; MP3/WMA player; Bluetooth para ligações (HFT) e reprodução de músicas com ajuste no volante, rádio AM/FM com Radio Data System (RDS), controle de volume pela velocidade (SVC); Apple CarPlay e Android Auto; duas entradas USB; conexão HDMI; 4 alto-falantes e 4 tweeters (180W), entre outros.

Toyota Corolla XEi 2020

Toyota Corolla XEi 2020

Toyota Corolla XEi 2020

O Toyota Corolla XEi 2020 chega às concessionárias por sugeridos R$ 110.990 e vem, de série, com bancos, volante e manopla da transmissão revestidos em couro; espelhos retrovisores externos elétricos, na cor do carro, com pisca integrado e eletro-retráteis; painel de instrumentos com dois indicadores analógicos com tela de TFT de 4,2″ digital e colorido; ar-condicionado automático digital; banco do motorista com regulagem de altura; banco traseiro bipartido 60:40; bancos traseiros com descansa-braço central e porta copos; chave presencial (Smart Entry) com comandos integrados: abertura, travamento das portas e alarme; coluna de direção com regulagem manual de altura e profundidade; computador de bordo; controle de velocidade de cruzeiro (Cruise Control); direção elétrica progressiva (EPS); entrada de 12V e USB no descansa braço (carregamento); conexão USB abaixo do painel central; espelho retrovisor interno com antiofuscamento eletrocrômico; faróis com acendimento automático e com ajuste de altura; indicador de direção econômica no painel; lanternas dianteiras com luzes diurnas de LED (DRL); modo de seleção de condução Power/Sport; “borboletas” para troca de marchas no volante (paddle shift); Start Button / Push Start: sistema de partida por botão (sem chave); vidros elétricos dianteiros e traseiros com função auto up-down (com antiesmagamento); vidros frontais com película antirruído; volante com controles de áudio e computador de bordo; sete airbags (dois frontais, dois laterais, dois do tipo cortina e um para o joelho do motorista); cinto de três pontos e apoios de cabeça para todos; câmera de ré com linhas de distância com projeção na central multimídia; controles eletrônicos de estabilidade e tração; faróis de neblina dianteiros de LED; freios ABS com BAS, EBD e luz emergencial automática; imobilizador por código eletrônico na chave; lanterna de neblina traseira; alarme perimétrico e volumétrico; sistema de assistência ao arranque em subida; sistema universal ISOFIX para fixação de cadeirinhas no banco traseiro; trava de segurança para portas traseiras; trava elétrica; antena; quatro alto-falantes e dois tweeters; central multimídia Toyota Play com tela sensível ao toque de 8″, rádio AM/FM, função MP3, entrada USB, Bluetooth, conexão para smartphones e tablets através do espelhamento Android Auto e Apple CarPlay, entre outros.

Diferenciais do Honda Civic EXL 2020 que o Corolla XEi não tem:

  • Ar-condicionado digital de duas zonas
  • Freio de mão (estacionamento) eletrônico
  • Saída de ar no banco traseiro
  • Alerta de pressão dos pneus
  • Conexão HDMI
  • 2 tweeters a mais (4 no total contra 2 no Corolla)
  • Sensores de estacionamento dianteiros e traseiros
  • Sensor de chuva
  • Retrovisores externos com rebatimento elétrico
  • Acabamento nas alças do porta-malas
  • Painel digital com tela maior (7″ contra 4,2″ no Toyota)
  • Botões dos vidros elétricos iluminados nas quatro portas

Diferenciais do Toyota Corolla XEi 2020 que o Civic EXL não tem:

  • Airbag para o joelho do motorista
  • Ajuste de altura dos faróis
  • Lanterna traseira de neblina
  • Central multimídia com tela maior (8″ contra 7″ no Civic)
  • Garantia de cinco anos (3 anos no Civic)
  • Preço mais baixo

Civic X Corolla

Inicialmente, achei que esse quesito seria vencido pelo Corolla por ele ser R$ 1.610 mais barato, com dois anos a mais de garantia e por ter um airbag a mais.

Mas, depois de analisar com mais calma, percebi que a estratégia da Honda de equipar o Civic EXL 2020 com alguns itens a mais equilibrou o jogo, o deixando com mais diferenciais em termos de itens de série do que o concorrente.

Por isso, empate (por muito pouco – Honda, reduza o preço do Civic!).

Resultado: Honda Civic EXL 1 x 1 Toyota Corolla XEi

Toyota Corolla XEi Dynamic Force 2020

Visual da traseira agrada menos do que a dianteira no Toyota Corolla 2020

Desempenho e consumo

Se no quesito anterior o Civic equilibrou as coisas, agora, ele perde. O Corolla 2020 trouxe um novo motor 2.0 16V, que ficou mais potente e econômico, além de um novo câmbio automático, que associa uma marcha tradicional com o sistema CVT.

Na prática, isso significa que o Toyota anda mais e bebe menos do que o Honda. E pude provar a parte de desempenho na prática. Fiquei realmente surpreso com  a nova solução de câmbio do Corolla – gostei muito, pois o carro arranca com vigor (cheguei a 65 km/l de primeira marcha!), eliminando o marasmo tradicional de uma transmissão CVT.

Importante dizer que o Civic não faz feio, com um ótimo conjunto mecânico, que é ajudado pelos 114 kg a menos do que o concorrente. Ainda assim, o Corolla é superior, com relativa folga, nesse quesito.

Visual do Honda Civic EXL 2020

Rodas de 17″ tem novo desenha no Honda Civic EXL 2020

Suspensão equilibrada

Além do motor e do câmbio, outro ponto de evolução do Corolla foi na suspensão, que agora é independente também na traseira, como no Civic. Depois de muito tempo a Toyota tirou o atraso e equiparou o seu sedã ao eterno rival.

Honda Civic EXL 2020

  • Motor: 2.0 16V SOHC i-VTEC FlexOne
  • Câmbio: automático do tipo CVT (sete marcas virtuais)
  • Potência: 150 cv a 6.300 rpm (g) e 155 cv a 6.300 rpm (e)
  • Torque: 19,3 mkgf a 4.700 rpm (g) e 19,5 mkgf (g/e) a 4.800 rpm
  • Comprimento: 4,641 m
  • Largura: 1,799 m
  • Altura: 1,433 m
  • Entre-eixos: 2,700 m
  • Porta-malas: 519 litros
  • Tanque: 56 litros
  • Peso: 1.291 kg
  • Consumo (Inmetro): 7,2 km/l (e) e 10,5 km/l (g) na cidade // 8,9 km/l (e) e 13 km/l (g) na estrada

Toyota Corolla XEi 2020

  • Motor: 2.0 16V Dual VVT-iE DOHC Flex (Dynamic Force)
  • Câmbio: automático com conversor de torque (1ª marcha) + automático do tipo CVT (nove marcas virtuais) – totalizando 10 marchas
  • Potência: 169 cv (g) e 177 cv a 6.600 rpm (e)
  • Torque: 21,4 mkgf (g/e) a 4.400 rpm
  • Comprimento: 4,630 m
  • Largura: 1,780 m
  • Altura: 1,455 m
  • Entre-eixos: 2,700 m
  • Porta-malas: 470 litros
  • Tanque: 50 litros
  • Peso: 1.405 kg
  • Consumo (Inmetro): 8 km/l (e) e 11,6 km/l (g) na cidade // 9,7 km/l (e) e 13,9 km/l (g) na estrada

Resultado: Honda Civic EXL 1 x 2 Toyota Corolla XEi

Painel do Honda Civic EXL 2020

Painel do Honda Civic EXL 2020

Espaço, acabamento e conforto

Assim como o primeiro quesito, aqui temos outra disputa acirrada.

De um lado, o Civic se diferencia por ter mais espaçoso interno e um porta-malas 49 litros maior. Por outro, o Corolla é ligeiramente mais confortável ao rodar na cidade por causa do seu acerto da suspensão. Mais firme, o Civic agrada mais na estrada.

Ambos tem um nível de acabamento interno bem parecido, com algumas vantagens para o Honda e outras para o Corolla, que realmente evoluiu nesse ponto na linha 2020.

Painel do Toyota Corolla XEi 2020

Painel do Toyota Corolla XEi 2020

Mas o Civic leva esse ponto da disputa por ter cuidados simples de acabamento que o Corolla 2020 não tem mais (tinha na linha 2019), como revestimento nas alças do porta-malas e botões dos vidros elétricos retroiluminados; e, principalmente, por oferecer mais espaço (item que pesa na minha análise por eu ter 1,97 m de altura).

Resultado: Honda Civic EXL 2 x 2 Toyota Corolla XEi

Visual

Como sempre repito, visual é um quesito subjetivo e que não vale nota. A nova geração tornou esse Corolla o mais bonito da história. Ele ficou mais moderno, sem abrir mão das suas características visuais tradicionais. Foi realmente uma evolução e tanto.

Honda Civic 2020

Honda Civic EXL 2020 em primeiro plano com o irmão Touring (turbo) ao fundo

Já o Civic regrediu ligeiramente na linha 2020 se comparado à linha 2019 com as mudanças efetuadas pela marcas nos para-choques dianteiro e traseiro.

Ainda assim, gosto mais do Honda do que do Toyota em termos de design. O Corolla ficou lindo, mas as linhas retas do Civic me agradam bem mais.

Resumo da obra

Talvez esse tenha sido o duelo mais equilibrado da história do De 0 a 100. A Toyota fez um excepcional trabalho com a linha 2020 do Corolla, especialmente no conjunto mecânico.

Em relação ao concorrente. a versão XEi anda mais, bebe menos, tem 2 anos a mais de garantia, um airbag a mais e custa R$ 1.610 a menos. Parecia mesmo uma vitória certa.

Toyota Corolla XEi 2020 com motor 2.0 Dynamic Force

Embora eu goste do visual do Corolla, a barra cromada na tampa do porta-malas me incomoda

Mas o Civic demonstra toda a qualidade da Honda, sendo que a versão EXL equilibra a disputa por ser mais equipada, mais espaçosa e com porta-malas maior do que o adversário, sem fazer feio em garantia, desempenho e consumo – ter 114 kg a menos joga a favor.

Na pontuação, empate equilibradíssimo. Mas, se eu fosse dar um voto de minerva para o desempate, nesse momento, com tranquilidade, seria para o Corolla XEi. O motivo? Mais segurança (5 estrelas nos testes da Latin NCAP para adultos e crianças).

ACOMPANHE O DE 0 A 100 TAMBÉM PELO:

Comentários (4)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *