Ainda um excelente carro, Honda City 2021 cumpre tabela à espera da nova geração

Honda City 2021
Honda City 2021 manteve o mesmo visual

Embora seja um excelente carro, que evoluiu um pouco mais agora com algumas melhorias, o Honda City 2021 parece cumprir tabela no nosso mercado, aguardando a chegada da sua nova geração.

Isso porque, nesse caso, ele conseguiria, definitivamente, brigar pelo protagonismo da categoria, que hoje conta com outras referências, como o Volkswagen Virtus e com o novo Nissan Versa.

Honda City EX 2021

Honda City 2021

Todas as versões do City 2021 passam a trazer, de série, faróis com regulagem elétrica de altura e sensor crepuscular, para acendimento automático dos faróis.

Entre os vários equipamentos, a linha City City sai de fábrica com:

  • ar-condicionado (digital full touchscreen nas versões EX e EXL)
  • sistema de som com Bluetooth e entrada USB
  • direção elétrica
  • travas e vidros elétricos
  • volante com ajuste de altura e profundidade
  • chave do tipo canivete com sistema de travamento e destravamento das portas com imobilizador
  • banco do motorista com regulagem de altura
  • sistema ISOFIX de fixação de cadeirinha infantis
  • freios a disco na dianteira e a tambor na traseira com ABS e EBD
  • airbag duplo frontal
  • luzes de rodagem diurna em LED (DRL – Daytime Running Lights)
Honda City Personal 2021
Honda City Personal 2021

Honda City DX e Personal 2021

As versões DX e Personal passam a oferecer bolsa porta-revistas atrás do banco do passageiro.

Honda City LX 2021

A versão LX agrega essa mesma bolsa, além de quatro tweeters e uma nova central multimídia de 7″, já presente na versão EX, com conectividade com os sistemas Apple CarPlay e Android Auto, e sistema HFT (Hands Free Telephone) com a função Voice Tag (Reconhecimento de Voz) no volante. Modelo tem ainda câmera de ré.

Honda City EX 2021

A EX ganham bolsa porta-revistas atrás do banco do motorista, item já existente no banco do passageiro.

Painel do Honda City EXL 2018
Painel do Honda City EXL 2021

Honda City EXL 2021

O Honda City EXL 2021 recebe a bolsa porta-revistas atrás do banco do motorista e retrovisor interno fotocrômico.

Motor 1.5 16V

Assim como o Fit e o WR-V 2021, O City mantem o mesmo conjunto mecânico: o motor 1.5 16V i-VTEC FlexOne desenvolve 115 cv de potência a 6.000 rpm e 15,2 mkgf de torque a 4.800 rpm com gasolina e 116 cv e 15,3 mkgf com etanol, nos mesmos giros.

Ele é associado ao câmbio automático do tipo CVT para as versões Personal, LX, EX e EXL (as duas últimas com paddle shift). O acabamento DX possui transmissão manual de cinco velocidades.

Foto do motor 1.5 do Honda WR-V 2018
Motor 1.5 16V é o do Fit/City

Falta segurança

O City, de maneira quase inexplicável, é o único modelo vendido pela Honda no Brasil que não conta, de série, com controles de tração e estabilidade.

Ele era acompanhando do WR-V que, na linha 2021, além da reestilização, recebeu os importantes itens de segurança. Por isso, imagino que o sedã só ficará mais seguro quando mudar no ano que vem.

Seis airbags do Honda City EXL 2021
Seis airbags do Honda City EXL 2021

Itens de segurança

Além dos dois airbags frontais, de série em todas as versões, a EX traz ainda dois airbags laterais. A EXL, por sua vez, possui também as bolsas infláveis laterais do tipo cortina, totalizando seis airbags.

O sedã traz a carroceria com tecnologia ACE (Advanced Compatibility Engineering): foi projetada para distribuir de maneira uniforme a energia de um impacto, reduzindo a força transferida para a cabine e protegendo os ocupantes. Ela também dispersa de maneira mais uniforme a força transferida para outros veículos envolvidos na colisão.

Cores e garantia do City 2021

Todas as versões trazem as seguintes opções de cores: Branco Tafetá (sólida), Azul Boreal, Prata Platinum e Cinza Barium (metálicas), Branco Estelar e Preto Cristal (perolizadas).

A linha possui três anos de garantia, sem limite de quilometragem.

Honda City EXL CVT 2021
Honda City EXL CVT 2021

Preços do City 2021

Sem os controles de estabilidade e tração, seria esperado que o modelo tivesse o preço um pouco mais baixo, para compensar um pouco a sentida ausência.

Mas não é isso que acontece. Como praticamente todo carro no Brasil, seu o preço do City 2021 poderia ser mais baixo.

  • Honda City DX 2021 – R$ 67.800
  • Honda City Personal 2021 – R$ 68.190
  • Honda City LX 2021 – R$ 82.100
  • Honda City EX 2021 – R$ 87.400
  • Honda City EXL 2021 – R$ 93.100
Luzes diurnas de LED (DRL) do Honda City EXL 2021
Luzes diurnas de LED (DRL) do Honda City EXL 2021

Revisões

O pior é que, se os preços não ajudam muito, as revisões também pesam no bolso do consumidor.

Fiz uma pesquisa para o post do novo Nissan Versa e reparei que o City tem os preços das revisões mais caros da categoria.

Novo Nissan Versa 1.6 CVT

  • 1ª revisão (10.000 km): R$ 413,00
  • 2ª revisão (20.000 km): R$ 613,00
  • 3ª revisão (30.000 km): R$ 413,00
  • 4ª revisão (40.000 km): R$ 613,00
  • 5ª revisão (50.000 km): R$ 413,00
  • 6ª revisão (60.000 km): R$ 613,00
  • Total: R$ 3.078,00

Volkswagen Virtus 1.6 AT6

  • 1ª revisão (10.000 km): R$ 506,65
  • 2ª revisão (20.000 km): R$ 557,25
  • 3ª revisão (30.000 km): R$ 496,65
  • 4ª revisão (40.000 km): R$ 789,29
  • 5ª revisão (50.000 km): R$ 496,65
  • 6ª revisão (60.000 km): R$ 557,25
  • Total: R$ 3.403,74

Honda City 1.5 CVT

  • 1ª revisão (10.000 km): R$ 345,52
  • 2ª revisão (20.000 km): R$ 524,97
  • 3ª revisão (30.000 km): R$ 345,52
  • 4ª revisão (40.000 km): R$ 1.016,13
  • 5ª revisão (50.000 km): R$ 345,52
  • 6ª revisão (60.000 km): R$ 1.035,61
  • Total: R$ 3.613,27

Toyota Yaris Sedan 1.5 CVT

  • 1ª revisão (10.000 km): R$ 278,59
  • 2ª revisão (20.000 km): R$ 657,00
  • 3ª revisão (30.000 km): R$ 486,00
  • 4ª revisão (40.000 km): R$ 939,00
  • 5ª revisão (50.000 km): R$ 465,00
  • 6ª revisão (60.000 km): R$ 765,00
  • Total: R$ 3.590,59

Nissan V-Drive 1.6 CVT

  • 1ª revisão (10.000 km): R$ 269,00
  • 2ª revisão (20.000 km): R$ 589,00
  • 3ª revisão (30.000 km): R$ 409,00
  • 4ª revisão (40.000 km): R$ 589,00
  • 5ª revisão (50.000 km): R$ 409,00
  • 6ª revisão (60.000 km): R$ 589,00
  • Total: R$ 2.854,00
Honda City EXL 2021
Honda City EXL 2021

Resumo da obra

Com design que ainda me agrada muito, boa posição de dirigir, porta-malas com ótima capacidade, o Honda City continua um excelente carro.

Mas ele carece de novidades mais significativas para, finalmente, ter condições de verdadeiramente brigar de igual para igual com as referências da categoria. Controles de tração e estabilidade e um motor mais moderno são algumas das necessidades – o mesmo acontece com o Toyota Yaris que, pelo menos, tem esses itens de segurança que o “irmão” japonês não tem.

Pelo menos, para a linha 2022, com a nova geração, City tem tudo para vir “babando” em cima da concorrência! Até lá, continuará um (ótimo) coadjuvante.

ACOMPANHE O DE 0 A 100 TAMBÉM PELO:

Comentários

    • Deixe uma resposta

      O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *